México: El día de los muertos

9

Dia dos mortos, ou “dia de los Muertos” é um dos feriados Mexicanos mais curiosos e interessantes. Uma celebração de origem pré hispânica que começa no dia 1 de novembro e termina no dia 2.

México: El día de los muertos

Como surgiu o costume?

Para as civilizações Mexica, Maya, Purépecha e Totonaca, a morte não tinha nenhuma conexão com o céu ou com o inferno, eles acreditavam que o destino de cada alma era determinado pelo tipo de morte que a pessoa teve e não pelo seu comportamento ao longo da vida.

E que uma vez por anos todas as almas retornam a terra para encontram seus entes queridos. No dia primeiro de novembro retornam as almas das crianças e no dia dois as almas dos adultos.

Altar do dia de los Muertos - México

Como funciona o Dia de los Muertos?

Para recebê-los são feitos altares com coisas e lembranças que estas pessoas gostavam. Como objetos, comidas e até bebidas como tequila e cerveja, cigarros e brinquedos para as almas das crianças. No altar também são colocadas fotos das pessoas e algumas velas.

Altar do dia de los Muertos - México

Além do altar mais há mais algumas formas de expressão que caracterizam esse dia como as  “calaveritas”, versos populares e bem curtinhos que em geral satirizam de forma engraçada algum individuo ou personagem.

Doces de todos os tipos (pirulitos, chocolate, balas) em forma de caveira batizados com nomes de pessoas mortas ou até de pessoas vivas como forma de brincadeira. Esses doces são comidos pelos amigos e familiares.

Pan de Muerto

E falando em comida engraçada, a mais curiosa delas é sem dúvida alguma o “Pan de Muerto” ou pão doce bem molinho e com formas de osso ou de dedos de açúcar na parte externa.

Pan de Muerto

Flor de Muerto

E para fechar a cerimônia os túmulos dos amigos e familiares são decorados com flores do tipo Cempaxúchitl (ou flor de muerto) uma flor amarelada bem bonita e que é conhecida por guiar as almas dos mortos.

Como eu estava muito curiosa sobre o festival, enchi minha amiga mexica Alethia Badillo de perguntas e recebi algumas fotos de alguns altares que queria dividir com vocês…

Dia de Los Muertos - México

Dia de Los Muertos - México

Dia de Los Muertos - México

Dia de Los Muertos - México

Dia de Los Muertos - México

Dá um medinho, mas é bacana né?! Acho que no México aquele medo típico de ter seu pé puxado durante a noite não existe….rs

Olha só estas fotos que minha Amiga Jessica Bell tirou:

Dia de Los Muertos

Dia de Los Muertos

Dia de Los Muertos

Acho que as fotos são uma mostra de que entre culturas diferentes não existe nem certo nem errado, mas sim o diferente.

 

Guarde este post no Pinterest!

día de los muertos

Festival

About author

mari vidigal

Viajante incansável, daquele tipo que no meio de uma viagem já está pensando na próxima, na próxima e na próxima. Apaixonada por fotografia, natureza e vinhos

9 comments

  1. Adriano 2 novembro, 2013 at 15:25 Responder

    Adorei o artigo. E aproveitei a oportunidade para compartilhar o mesmo no facebook. É muito interessante a forma como os Mexicanos celebram esta data com homenagens e festividades. Parabéns pelo blog. Seu texto é cativante e as amigas mandaram muito bem nas fotos !

  2. Nívia 15 julho, 2012 at 22:15 Responder

    Olá Mari, adorei o seu blog! Já estou seguindo. Vou para a Cidade do méxico em novembro e chego exatamente no dia 02/11. Gostaria de saber qual o bairro que tem mais manifestações culturais do dia dos mortos, pq como vamos chegar às 15h, vamos direito para a rua ver esta linda festa tradicional!

    • mari vidigal 20 julho, 2012 at 23:23 Responder

      Oi Nivia,
      Tudo bem?
      Acabei de bater um papo com uma amiga Mexicana que ta morando no Brasil e ela sugeriu que você passeie por Xochimilco onde tem um monte de manifestações bacanas.
      Ela também deu a dica de um restaurante – um pouco turístico, mas bem bacana – que meu marido foi e aprovou que se chama Villa Maria (http://www.villamaria.com.mx/). Além dos tradicionais músicos mariachis, tem um drink de tamarindo super tradicional que vale muito a pena experimentar.
      Aproveite a viagem,
      Abraços
      Mari Vidigal

Post a new comment

Veja também