O melhor de Roma em três dias

Igreja de São Pedro - Vaticano
Igreja de São Pedro – Vaticano

Esse é um roteiro para quem quer curtir cada pedacinho dessa fantástica e bagunçada capital Italiana, conhecer os principais pontos turísticos… e claro, fazer muitas descobertas que vão bem além de um roteiro tradicional… vamos nessa?

O melhor de Roma em três dias

Roma é uma cidade relativamente pequena, então dá fácil para conhecer as principais atrações em três dias e fazer tudo caminhando. Caso seu tempo esteja um pouco apertado, ou caso você não goste tanto de caminhar, faça o trajeto sugerido de transporte publico: ônibus + metro ou de ônibus de turismo.
O bacana de fazer o passeio a pé é fazer são as pequenas descobertas que Roma te proporciona: achar uma fonte, uma estátua, ruínas e obeliscos em ruas aparentemente “sem graça”. Isso sem falar nas sorveterias, pizzarias, restaurantes e otros pequenos prazeres que só quem caminha encontra.
O roteiro abaixo pode ser facilmente condensado em dois dias, a vantagem de quebrar em três é fazer tudo bem devagar, sem nenhuma pressa. Mas, para os mais velozes, ou para quem não gosta nem se interessa tanto por museus, dá para encaixar os três dias em dois e passar o terceiro dia em Tivoli, uma cidade linda que fica pertinho de Roma e que é imperdível.

Primeiro dia: Roma antiga

Coliseu - Roma
Comece o dia desvendando os mistérios do Coliseu, para chegar lá você pode ou caminhar desde o seu hotel ou pegar um metro para a estação Colosseu que fica na linha azul do metro.


O metro de Roma não está entre os mais limpos do mundo, mas seguramente entre os mais criativos

O Coliseu

Passeie pelo Coliseu com calma, suba e desça escadas. Repare nas estátuas, nas emendas, na gradiosidade…. é bem bonito, não?

Um passeio caprichado pelo Coliseu, subindo e descendo todas as escadas e olhando todas as varandas, deve levar cerca de três horas. Dá para fazer mais rápido. Sim dá, mas você também vai perder muitos detalhes lindos.

Coliseu - Roma

Parte interna do Coliseu - RomaParte interna do Coliseu – Roma

Detalhes do ColiseuDetalhes do Coliseu

Saindo do Coliseu, é hora do almoço! E ainda que esteja um pouco cedo, recomendo que você almoce antes de entrar no Fórum Romano.

Para almoçar, fuja um pouquinho da bagunça e dos turistas, para isso suba a Via Cavour, quando chegar na estação de metro Cavour, desça as escadas do lado esquerdo. Por lá há um montão de ruazinhas e um monte de restaurantes, é só procurar um bem cheio e bom apetite. A comida em Roma costuma ser boa e barata, seja criativo e você vai comer e muito bem!

Palatino e Fórum Romano

Depois do almoço é hora de explorar as ruínas do Palatino, do Fórum Romano e descobrir algumas das maravilhas que restaram.

Ruínas do Palatino

Roma vista do PalatinoRoma vista do Palatino

O Palatino é imenso e repleto de ruínas incríveis, faça o passeio com calma, perca-se nas vielas e não deixe de visitar os seguintes locais: o estádio do Palatino, o Templo das virgens vestais e o Templo de Saturno.

Ruínas do Palatino - Roma

Ruínas do Palatino - Roma

Ruínas do Palatino - Roma

Veja mais detalhes desse passeio e muitas fotos aqui.

Uma vista caprichada da cidade de Roma

Tá sobrando energia? Chegou a hora de visitarmos uma das minhas vistas preferidas da cidade!

Saindo do Palatino pelo Circo Massimo e suba o morro do Aventino.  Chegando no Parco Sevello,  você terá uma linda vista de Roma Antiga com direito ao Vaticano nos fundos.

Roma vista do altoO Parco Savello tem uma das mais lindas vistas da cidade.

Roma vista do altoO Famoso buraco de Roma

Outra paradas bacanas são a graciosa basílica de Santa Sabina e o “buraco de Roma”, uma fechadura que tem a mais privilegiada vista de Roma com direito a linda cúpula do vaticano. Coloque os olhos no buraco e logo você entenderá o porque da fila

Roma - Fila: todo mundo querendo colocar o olho no buraco

Fila: todo mundo querendo colocar o olho no buraco

O buraco de Roma

A boca da verdade

Sobrou mais tempo? EBA!!! Em Roma, enquanto tiver tempo tem coisa bacana para ver e fazer.

Nossa próxima parada é a igreja de Santa Maria de Cosmedin que fica numa pracinha mega animada – Piazza de la Veritá. No interior da igreja está a famosa “boca da verdade” (Bocca della Verità). Dizem que a estátua é capaz de detectar mentiras e morde a mão dos mentirosos. A graça aqui é colocar a mão dentro da boca tamanho família e contar uma lorota para ver o que acontece. Mas claro que para chegar até a boca, a fila pode ser grande.

Boca da verdade RomaAtenção loroteiros de plantão, reza a lenda que a boca morde. Quem se arrisca a tentar? 

Segundo dia: O Vaticano e o Museu do Vaticano

Museu do Vaticano

Museu do VaticanoEsfera dentro da Esfera. Você já viu esta escultura em outros lugares do mundo? Veja em Berkeley e em Dublin

Hoje é dia de acordar cedo, o museu do Vaticano abre as 09:00 da matina, e para que você aproveite bem seu passeio, o ideal é que você chegue lá antes da multidão de turistas que diariamente invadem o museu com o único objetivo de visitar a capela Sistina. Fora de temporada, antes das dez da manhã o museu costuma estar mais tranquilo, e isso faz toda diferença para que você aproveite bem o passeio.

Museu do Vaticano
Para chegar lá você pode pegar um metro até a estação Ottaviano ou dependendo de onde você estiver hospedado, caminhar desde o seu hotel.
Quanto a praça de São Pedro, ela pode esperar um pouquinho… Afinal, temos o dia todo, não temos?

O Museu do Vaticano

O Museu do Vaticano é um desses museus gigantescos e incríveis. O museu tem um pouco de tudo, uma linda coleção de arte egípcia, uma das maiores e mais completas coleções de arte etrusca do planeta, esculturas gregas, esculturas Romanas, mapas, uma pinacoteca invejável, uma galeria com afrescos maravilhosos pintados por Rafael Sanzio, arte moderna, e claro, a Capela Sistina.

Museu do Vaticano
O mais impressionante é o capricho de cada sala, os mosaicos do chão, os afrescos do teto. Corredores e corredores forradas de obras de arte da mais alta qualidade.

Museu do Vaticano

O que visitar no museu do Vaticano

O museu sugere dois tipos de roteiro, um passeio curtinho que dura cerca de uma hora, essa é geralmente a escolha de quem esta ali somente para ver a capela Sistina. E um roteiro mais completo que dura umas três ou quatro horas dependendo do seu grau de interesse.

Museu do Vaticano - A escola de Atenas
Uma das mais famosas pinturas de Rafael Sanzio: A escola de Atenas

Óbvio que minha sugestão é que você faça o roteiro mais completo, afinal o lugar é fantástico e visitar o Museu do Vaticano não é algo que se faça todo dia. Mas a escolha é totalmente sua!

Famosa rampa do vaticano... bacanérrima
Famosa rampa do vaticano… bacanérrima!!!

Basilica de São Pedro do Vaticano

Saindo do museu, agora sim é hora de conhecer a Basílica de São Pedro, um lugar que assim como o museu do Vaticano é absolutamente impressionante.

Colunas gigantescas: passagem obrigatória para quem vai do Museu para a Basílica
Colunas gigantescas: passagem obrigatória para quem vai do Museu para a Basílica

Mas, para chegar lá é preciso pegar uma pequena fila, algo praticamente inevitável desde que instalaram o sistema de segurança. Sorte que a fila anda rápido.

Basilica de São Pedro do Vaticano
Ao chegar na basílica, não deixe de admirar os detalhes e os ornamentos. A Pieta de Michelângelo, o teto e a cúpula, os altares… É tudo bem bonito.

Basilica de São Pedro do Vaticano

Subindo na Cúpula do Vaticano

Agora sem dúvida nenhuma, minha parte preferida do passeio é a subida à cúpula. Quem optar por pagar dois euros mais caro, sobe metade do trecho de elevador e o resto de escada. Confesso que não são os degraus mais tranqüilos que já subi, porque a escada é daquelas em caracol que vai afinando, afinando até chegar lá em cima…

Basilica de São Pedro do Vaticano…mas a vista e a sensação de estar no topo de Roma, valem cada degrau.

Basilica de São Pedro do Vaticano - Vista da CúpulaBasilica de São Pedro do Vaticano – Vista da Cúpula

(Veja todos os detalhes dessa subida aqui)

O Castelo de São Ângelo

Terminado o passeio pelo Vaticano, caminhe pela Via da Concilliazone até chegar ao Castelo de São Ângelo, que é um máximo visto desde fora, mas por dentro nem vale a pena, então nem cogite entrar, mas atravesse a ponte de São Ângelo que é linda, tire um par de fotos e siga caminhando pelas margens do rio Tevere. (De costas para o Castelo, você deve caminhar para seu lado esquerdo.)

Castelo de São Ângelo - Vaticano

VaticanoVaticano visto da ponte São Ângelo 

Quando chegar a ponte Cavour, você terá duas escolhas ou visitar o Mausoléu Augusto e depois seguir em frente pela Via del Corso, uma das principais ruas de Roma até chegar a  Piazza del Popolo.

Ponte em RomaOu continuar caminhando as margens do rio até a Ponte Margherita, e seguir pela Via Ferdinando de Saviola até a Piazza del Popolo.

Piazza del Popolo

Piazza del Popolo
A Piazza del Popolo é o lugar onde os Romanos fazem a contagem regressiva para o Réveillon, e no dia 31 de dezembro fica lotada de gente e super animada. Uma verdadeira balada a céu aberto. A luz do dia é uma praça bonita, com um obelisco egípcio  no centro e duas igrejas idênticas em uma das saídas.

Piazza del Popolo
As ruazinhas que contornam a praça estão cheias de restaurantezinhos gostosos. Experimentamos o Trattoria e Pizzeria Dal Pollarolo 1936 e recomendamos.

Trattoria e Pizzeria Dal Pollarolo 1936
(Pertinho da Piazza de Popolo)
Via di Ripetta 4-5
+39 06 3610276

Um bom Lugar para almoçar. Sugestão: peça uma  bruscheta de entrada e uma lasanha de prato principal.

Terceiro dia: Praças e fontes de Roma

Fontana de Trevi - Roma
Detalhe: Fontana de Trevi

Esse é um passeio que começa na igreja Santa Maria Maggiore, uma das igrejas mais lindas de Roma.

igreja Santa Maria Maggiore A segunda parada é na Piazza de  Spagna, onde esta a famosa escadaria Trinita dei Monti.

Piazza de  Spagna Vista do alto das escadarias da praça de EspanhaVista do alto das escadarias da praça de Espanha

A terceira parada é na Fontana de Trevi (Fonte de Trevi), uma das mais lindas fontes da capital italiana…

Fontana de Trevi - Roma

….e de lá caminharemos até a Piazza Navona (uma das mais coloridas praças de Roma)…

 Piazza Navona

 Piazza Navona

 Piazza Navona…passando pelo templo de Adriano…

Templo de Adriano

e pelo Pantheon, um edifício fantástico onde estão enterrados grandes Romanos e Italianos.

Pantheon Romano

Pantheon RomanoVeja o terceiro dia detalhado rua a rua e com muitas fotos aqui.

Sobrou tempo?

Visite a Villa Medice – que fica pertinho da Piazza del Popolo ou então as famosas catacubas de Priscilla (que ficam um pouco mais perto da cidade) ou de San Calisto (que ficam um pouco mais longe).

 

 

 

17 Comments

on “O melhor de Roma em três dias
17 Comments on “O melhor de Roma em três dias
  1. Boas dicas que tenho aproveitado neste momento a passar 4 dias em Roma.
    Aproveito para deixar uma dica para evitar as inumeras filas.. Comprem bilhete online para o museu vaticano e capela sistina, entram directo. No final da visita podem fazer a Cupula e directo na Basilica S. Pedro sem passar fila.
    Roma é uma descoberta de arte a cada esquina! Bom passeio

  2. Adorei as dicas! Hoje foi nosso segundo dia em roma e seguimos varias delas, adaptando a algumas preferencias pessoais! Amanha faremos todo o Vaticano! So queria dizer que senti falta da praça veneza, que achei absolutamente linda, e super pertinho do coliseu – vale a caminhadinha pra conhecer! :)

  3. Olá,
    chegarei em Roma por volta das 15:00h e estava querendo aproveitar o resto do dia. Pensei em ir para o Coliseu, Fórum Romano e Palatino por volta das 17:00, seria uma boa ideia? Terei 2 dias e meio em Roma, por isso quero aproveitar ao máximo!
    Obrigado.

    • Oi Monique,
      Eu se fosse você aproveitaria o resto do seu dia curtindo as praças e fontes romanda, que são um máximo!!! No dia seguinte, com mais calma e menos pressa, faça esse passeio por Roma antiga.

      Abraços

  4. Dicas sensacionais, Parabéns e obrigado.
    estou indo para Roma e suas dicas me ajudaram bastante.
    Obrigado
    Marcelo Barros

  5. Boa tarde, adorei as suas dicas, vc sabe me informar como é o tempo em Roma no início de Abril, estarei lá entre os dias 06 e 09 de abril? Em quanto tempo dá pra fazer as praças e fontes? Vc tem alguma outra opção pra fazer no período da manhã?

    Obrigada
    Cleu

    • Oi Cleu, dá uma olhada na previsão do tempo no: https://br.tempo.yahoo.com – De qq forma, abril é meia estação, nem quente e nem frio.
      O tempo para fazer as praças e fontes depende da velocidade do seu passo, mas para ver com calma umas 2,5 horas.
      Quanto a mais opções de passeio, em Roma não vão faltar… tem um monte de igrejas lindas, parques e fontes espalhados por todo o lado! Um passeio pelas margens do Rio desde a Piazza del Poppollo até o Vaticano,por exemplo, é uma delicia.

  6. Oi mari, tudo bem?

    Você já me respondeu à respeito de Paris, agora queria saber sobre Roma.. :)
    Como o tempo é curtissimo, gostaria de saber de dá pra fazer no mesmo dia Coliseu e as fontes, se é tudo perto. Ou melhor Vaticano e as fontes, ou Vaticano e Coliseu.. ?
    Temos mais um dia, gostaria de conhecer Capri, mas acho que é o período que está fechada.. E Pompeia, você tem alguma opnião? Acho que é tempo perdido em deslocamento… Gostei também de Tivoli, mas deve ser longe tbm ne?

    Desde já agradeço,

    Bjs,
    Carol

    • Oi Carolina,
      Tudo bem?

      Deixa eu ver se entendi bem… vc tem dois dias em Roma, certo?
      Acho que em um dia você consegue combinar um parte das fontes com o Coliseu e no dia seguinte a outra parte com o Vaticano. Veja o mapa e programe-se bem!
      Não conheci Pompeia e nem Capri, mas Tivoli é linda e se vc tiver um terceiro dia é uma ótima opção.

      Abs

  7. Adorei seus comentários….sua visão de Roma é diferente e suas fotos são ótimas…
    Sinceramente, já tenho quase 60 anos e nunca tive coragem de viajar sozinha, mas agora estou animada…antes que a gente passe pra outra….voltarei ao seu bloq pra tirar mais informações..adorei…bjos

  8. Oi Mari, passei por aqui para conferir seu post sobre Roma e também para conhecer seu blog. Adorei suas dicas do roteiro, principalmente a sugestão do almoço próximo a Cavour e a visita ao Parco Savello para ver o famoso buraco da fechadura. Também escrevo sobre Roma, se quiseres visitar meu blog e deixar um comentário com uma link para seu post seria ótimo. Segue o endereço: http://planejandoaviagem.wordpress.com/2011/11/07/roteiro-de-alguns-dias-em-roma/
    Além disso, vi que viajas bastante e a partir de agora vou voltar sempre para conferir suas dicas. Abraços

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>