Bruxelas: visitando o Atomium

2

Atomium - BruxelasAtomium – Bruxelas

O Atomium, um dos prédios mais emblemáticos de Bruxelas estava na minha lista de lugares a visitar há alguns anos. Na minha visita anterior a capital Belga, uma fila enorme me deixou com uma mega preguiça de subir e acabei me contentando com algumas fotos de fora dessa vez,  finalmente consegui subir e vou dividir a experiência com vocês.

Visitando o Atomium

Atomium, Bruxelas

Um pouquinho de história

O Atomium foi  construído para a exposição mundial de 1958, e devido ao formato (um cristal de ferro ampliado 165 bilhões de vezes) é considerado uma mistura de prédio com escultura. São 9 esferas (cada uma com 18 metros de diâmetro) conectadas por 20 tubos. Três grandes pilares (conhecidos com bipodes) sustentam essa  estrutura de 102 metros de altura que recebe cerca de 60.000 visitantes por ano. (Ou seja, quem pretende visitar o Atomium durante as férias, prepare-se para enfrentar uma boa fila.)

Atomium, Bruxelas Atomium, Bruxelas

Entrando no ATOMIUM

A bilheteria do Atomium fica do lado de fora do prédio, e depois de comprar os ingressos, já do lado de dentro mas antes de entrar no elevador, quem quiser pode tirar e se enviar (ou enviar para alguém) fotos por email. As melhores fotos do dia são publicadas no Facebook do Atomium. Depois da sessão foto – que eu acabei passando – é hora pegar o elevador que já direto para a última esfera do Atomium.

Atomium, Bruxelas

O Elevador

Durante a subida, os visitantes são convidados a olhar para o alto e ver a estrutura do prédio por dentro. Chegando no topo, há uma vista panorâmica 360 graus da cidade. Pena que o prédio fica bem longe do centro e que os prédios mais interessantes ficam quase microscópicos, mas esse andar é longe o mais interessante da visita, e para quem for eu recomendo que faça com calma.

A vista do alto do Atomium

Atomium, BruxelasUma das bolas estava consertando… medo!

Vista do alto do Atomium Vista do alto do Atomium 

Lá de cima você terá uma ótima vista da Mini Europa que fica do ladinho do Atomium e tem miniaturas de alguns dos prédios mais emblemáticos do mundo e também verá outros lugares como a basílica nacional de Koekelberg, a corte de Bruxelas e um lindo jardim.

Vista do alto do Atomium  Mini Europa vista do Atomium

Vista do alto do Atomium Vista do alto do Atomium Vista do alto do Atomium

O Interior do Atomium

Subindo as escadas, no oitavo andar tem um restaurante (caro) com algumas mesinhas na janela, eu como prefiro lugares menos turísticos também acabei passando.

Restaurante Atomium

Para continuar a visita é preciso descer até o térreo e depois subir escadas rolantes, dos andares 1 a 6 há exposições temporárias e permanentes.

Infelizmente peguei um pouco de reforma, mas confesso que achei as exposições um pouco pobres para os padrões europeus. Em outras palavras, parece que o prédio foi preenchido com qualquer coisa só para ocupar o espaço. Como todo mundo visita o Atomium pelo formato do prédio e não pelo que há dentro, parece que faltou um pouco de cuidado na escolha do conteúdo. Confesso que não achei graça.

A exposição permanente conta um pouco da história a exibição mundial de 1958 quando o Atomium foi construído. A idéia era destruir o prédio no final da exposição, mas ele fez tanto sucesso que ele acabou sobrevivendo. A exibição mostra fotos, painéis e posters porém é muito pouco interativa e pouco convidativas.Havia também uma exposição temporária falando sobre Art Noveau na Bélgica, e isso sim estava um pouquinho melhor. A exposição tinha algumas fotos e maquetes, nada sensacional, mas ok.

A parte legal da visita é subir os tubos entre uma esfera e outra olhando pelas janelinhas e curtindo a estrutura…

Lado de dentro do AtomiumLado de dentro do Atomium

 … e olha só como as bolas foram montadas…

Atomium

O último dos tubos para quem está descendo tem luzes e efeitos super interessantes.

Interior do AtomiumInterior do Atomium

Cá entre nós o Atomium é 100 vezes mais bacana visto de fora do que por dentro, mas claro que tem um montão de detalhes arquitetônicos que merecem uma ressalva… olha só estas escadas que legais…

 Escadas no interior do Atomium IMG_6946
 Escadas no interior do Atomium

Vale a pena visitar o Atomium?

Adorei conhecer o prédio por dentro e ver a cidade do alto, mas achei o programa caro para o que oferece. Pra quem tem apenas um dia em Bruxelas. Sinceramente não acho que vale a pena desperdiçar metade dele para visitar o Atomium.

Obvio que essa é uma opinião super pessoal e que eu adoraria ouvir outras opiniões (ei vc que visitou… Conte para nós e para outros visitantes que achou!) para você que está na duvida entre visitar ou não, de uma olhadinha nas fotos e veja o que acha.

Como chegar:

O Atomium fica na estação Heizel do metro, há uns 20 minutos de Bruxelas Central.

Mais Informações:

Atomium 

Entrada: 11 Euros | Estudantes: 8 euros

Aberto das 10:00 as 18:00  (olhe abaixo o gráfico retirado do site do Atomium, os horários em amarelo são os mais lotados)

Screen Shot 2013-07-05 at 8.25.22 PM

 

About author

mari vidigal

Viajante incansável, daquele tipo que no meio de uma viagem já está pensando na próxima, na próxima e na próxima. Apaixonada por fotografia, natureza e vinhos

2 comments

Post a new comment

Veja também