Estudar fora: pós graduação em Florença na Itália

21

Minha querida amiga Ju Simões está morando e estudando em Florença na Itália. Nesse post ela divide conosco todos os detalhes, desde a escolha da pós Graduação (Um mestrado em Design em Florença), rotina, acomodação e muito mais. Pra quem pensa em estudar fora, taí uma boa leitura!

Estudar fora: pós graduação em Florença na Itália

Texto e imagens: Juliana Simões

Me formei em Dezembro de 2012 em Design Gráfico e no fim de 2013 quando saí do meu último emprego, decidi que era a hora de procurar uma pós, a princípio ia fazer no Brasil mesmo, mas depois de ver os preços resolvi procurar algo na Europa e no fim estou gastando com o curso + acomodação o mesmo que gastaria na pós em São Paulo (acredite se quiser!).

Porque escolhi a Itália?

Sempre tive o sonho de estudar fora do Brasil,  depois de um curso de Fashion Photography de  15 dias em Milão e um mochilão pela Europa em 2012, resolvi que seria na Itália, havia conhecido Milão, Roma e Veneza e me encantei com a diversidade de cultura, a beleza natural e a arquitetura de cada cidade.

Ju Simões em Florença

 

Ju Simões em Florença

Pesquisa e dedicação para encontrar o curso certo

Foram 4 meses pesquisando (fechei tudo por conta própria, não contratei nenhuma agência) faculdades,  institutos, cursos, bolsa, procurando acomodação, me informando sobre o visto de estudante e seguro saúde, tudo pelo google mesmo e mandando e-mails pedindo as infos e os preços.

Minha pós: Master in Graphic Design no FIDI

Foi em Firenze que encontrei o Master in Graphic Design no FIDI – The Florence Institute of Design Internacional e gostei de tudo: do tempo de duração do curso(9 meses), da cidade, das matérias e o preço estava dentro do que eu pretendia gastar.

Minha rotina em Florença:

Meu curso é em inglês eu estudo num instituto internacional de design. Não tem nenhum estudante italiano na turma.

Eu tenho aula 3 vezes por semana 5h por dia, mas é muito puxado, tenho muitos projetos e estou saindo super pouco. Por enquanto só tive tempo de viajar pra Roma, Milão e Assis. Minha rotina é ir pro FIDI, assistir as aulas, voltar pra casa fazer os projetos e ir na academia

Florenca: Vista Rio Arno

Acomodação em Florença durante o mestrado

Decidido. Achei meu apartamento através de um depoimento de uma aluna do Mackenzie, que havia se hospedado aqui no meu prédio, que só aluga apartamentos para estudantes.

Dica na hora de escolher o apartamento: confira se tem um Supermercado e uma farmácia por perto, o que é ideal!

Detalhes da viagem: avião e trem

Decidi comprar a passagem da TAM que faz direto SP –MILÃO e de lá pegar um trem pra Firenze (morria de medo de perder a bagagem de 9 meses na escala!) e foi tranquilo, não me arrependo da escolha. Lógico que ajudou o fato de eu já conhecer a estação central de Milão e falar italiano, mas os italianos costumam ser bem solícitos e nos aeroportos e estações é mais fácil encontrar funcionários que falam inglês.

Chegada em Florença:

Florença: Vista da cupula Duomo

Florença: Vista da cúpula Duomo

Chegando em Firenze fui direto pro apartamento e que sorte que não cheguei num domingo, porque a maioria do comércio fecha e eu precisei comprar comida, produtos de higiene e limpeza.

Morar sozinha

E assim começou minha vida por aqui, a cada dia pegando mais o jeito de morar “sozinha” (moro com uma Sul Coreana e uma Italiana), fazer as compras no supermercado do bairro (comprar um carrinho de feira foi a salvação! Ainda mais que tenho que comprar água de 2L! Haha), cozinhar (Pasta e Pizza! Ovo mexido, misto quente, patê de atum), lavar, passar, limpar… Cada dia aprendendo um jeito novo de improvisar, de me virar e economizar, porque vamos combinar que o Euro tá  em alta e Firenze é mega turística, logo, cara!

O meu bairro é uma delícia, super residencial e calmo, tem 2 supermercados próximos (um é um Hipermercado ;), um monte de lojinhas com coisas pra casa e cozinha, restaurantes pequenos e barzinhos e tem também uma loja de bicicleta.

Dica básica: Nos primeiros dias tente andar pelo bairro para ver o que tem por perto.

Transporte: bicicleta e ônibus

Bicicleta

A maioria dos Fiorentinos se locomovem de bike, maaas me disseram que roubam muito as bicicletas por aqui (teve uma menina que perdeu 3 em um ano) então eles falam: Compre uma bicicleta bem barata e um cadeado muito caro.

Ônibus:

Eu pego o ônibus na porta da residência que em 15 minutos me deixa a 5 min do FIDI, então não comprei a bike. (Ainda mais que daqui a pouco esfria e começa a chover).

Sobre a lingua

Fiz 1 ano de italiano durante a faculdade, não me pergunte porque, coisas do destino e isso obviamente facilita muito minha vida aqui, mas o italiano é fácil de entender (rótulos do supermercado por exemplo) e Firenze (Florença), por ser muito turística, está repleta de pessoas que falam inglês ou que estão acostumadas a dar informações.

Sobre a Ju Simões

Designer formada pela Belas Artes, a Jú tem um gosto especial por fotografia, um portfólio lindo (quer ver?) e uma família gigante, são 6 irmãos!

Intercâmbio

About author

21 comments

  1. Juliana A 13 novembro, 2016 at 21:26 Responder

    Ju,
    Estou indo passar um semestre, mas estou com muitas dificuldades pra achar acomodação.
    Como vc fez? Queria dividir uma casa com outros estudantes…

    Bjs!

    • mari vidigal 14 novembro, 2016 at 04:45 Responder

      Oi Juliana,
      Aqui é a Mari dando pitocco post da Ju. Vou te contar da minha experiência em Madri. O jeito mais fácil de achar casa e gente para dividir é chegar na cidade. Vá com uns dias de hostel reservado e chegando lá você conhece gente e se vira. Dá um friozinho na barriga, mas sempre dá certo!

    • Sanny 3 janeiro, 2017 at 22:44 Responder

      Oi Juliana… Você já encontrou acomodação? Foi muito dificil, estou a procura também.. Se pudermos conversar seria otimo!!! Bjs

  2. Amanda Andrade 23 novembro, 2015 at 17:47 Responder

    Olá Juliana, tudo bem??
    Estava procurando sobre Master em Florença e encontrei seu blog, que por sinal, é muito legal. Parabéns.
    Estou procurando um curso de Design de Interiores em Florença, e fiquei muito na dúvida entre o FIDI e o Florence Design Academy. Você saberia me dizer alguma informação sobre ambas as instituições e os cursos? O Fidi só tem vaga pra setembro/2016 e o Florence Design Academy para janeiro/2016. Estou super na dúvida.
    Obrigada desde já! 🙂 beijinhosss

    • mari vidigal 24 novembro, 2015 at 16:16 Responder

      Oi Amanda,
      Tudo bem?
      Infelizmente todas as infos que tenho sobre o FIDI estão aí no post, e foram contadas pela Ju que estou lá e adorou a experiência.
      Beijos

    • Júlia 18 abril, 2016 at 13:47 Responder

      Oi, Amanda! Tudo certo? Você conseguiu decidir entre o FIDI e o Florence Design Academy? Estou pesquisando cursos de Design de Interiores na Itália e, se possível, gostaria muito de conversar contigo para ter algumas dicas. Agradeço muito se puder entrar em contato comigo. Abs., Júlia.

  3. Lucas Medeiros 24 agosto, 2015 at 19:31 Responder

    Oi Juliana, sou arquiteto e moro em São Paulo. Pretendo ir para Florença estudar Italiano e se possível fazer pos graduação. Posso te enviar um email para tirar algumas duvidas. Obrigado

  4. Fernanda 13 agosto, 2015 at 22:04 Responder

    Oi Ju! amei o seu post, gostaria de mais informacoes de como conseguiu resolver todo o tramite da sua ida para florenca. Como entrou em contato com a escola, os valores e etc!! Obrigdaaa

  5. Rogerio 27 junho, 2015 at 05:03 Responder

    Oi ju, pretendo fazer o master em interiores na FIDI, no próximo ano. Vi que vc mencionou em um comentário anterior que vc conhece algumas pessoas que cursam esse curso…vc teria mais informações? Adoraria poder trocar uma ideia com essas pessoas!Obrigado!:)

  6. isabela 28 abril, 2015 at 13:22 Responder

    Olá Ju,

    Estou prestes a ir para Florença e fazer um curso no FIDI, gostaria de saber o que acha da escola?
    Acabei de me formar em arquitetura e vou para fazer o Master de Interiores deles.

    Beijos

  7. Robson 7 abril, 2015 at 21:40 Responder

    Olá, Juliana! Estou estudando em Florença também! Queria poder entrar em contato para ter algumas dicas suas. Um abraço! Arrivederci!

Post a new comment

Veja também