O vôo entre St. Martin & St. Barths

0

O vôo entre St. Martin e St. Barths dura pouco mais de 20 minutos é uma aventura do começo ao fim. Águas azul turquesa, ilhas pequeninas e o pouso rápido com direito a vistas incríveis numa das menores pistas do mundo. A experiência é o máximo!

O vôo entre St. Martin & St. Barths

A decolagem

Se você passou alguns dias em St. Matin e assistiu ao ritual dos pousos e decolagens, de camarote – ou melhor, de bikini/shorts das areias brancas e águas azuis na Maho Beach, você agora terá a sensação de fazer parte do show e olhar a galera vibrando com a chegada dos aviões enquanto o seu avião ganha altura e a Maho Beach dimunui de tamanho.  Apreciar do alto, grande parte das cores de St. Martin se distanciando é a primeira das muitas emoções desse passeio.

DSC02095

DSC02099

Maho Beach em St. Martin vista do alto do avião

O avião: pequeno e simpático

Os vôos entre St. Martin e St. Barths são operados pela Winair e são feitos em aviões pequeninos. Fora de temporada, a chance de adiantarem seu vôo ou de você voar sozinho, é alta (e como eles não são muito organizados, sinto informar que suas malas vão demorar mais tempo do que você. A graça de voar num desses pequenos simpáticos é ganhar sorrisinho do piloto e ter o avião todinho pra você, com a liberdade de poder mudar para o melhor lado para tirar as melhores fotos. O avião é pequeno, mas o vôo é tão rápido que dá nem tempo de pensar no medo.

Aviãozinho - Vôo St. Barths

Aviãozinho - Vôo St. Barths

Aviãozinho - Vôo St. Barths

O vôo entre St. Martin e St. Barths

E aos poucos San Martin começa a sumir do mapa. Sua última visão da ilha será uma panorâmica bem feinha de Great Bay com o porto de navios na ponta, bela despedida não? Enquanto isso, o mar escurece, algumas pequenas ilhas entram e saem da paisagem e St. Barthélemy, anunciada por uma praia de águas claras. Aos poucos o “porto” de Gustavia (minúscula capital da ilha) começa a tomar tomar forma, e o avião se prepara para pousar.

Vôo St. Martin - St Barths

Great Bay em St Martin vista do alto do avião

Vôo St. Martin - St Barths

Vôo St. Martin - St Barths

Porto de Great Bay em St. Martin – Caribe

Vôo St. Martin - St Barths

Pequenas ilhas entre St. Martin e St. Barths

Vôo St. Martin - St Barths

Chegada em St. Barths. Se não estou enganada esta praia é a Colombier

Vôo St. Martin - St Barths

 

Chegada em St Barths – Gustavia vista do alto

O pouso em St. Barths: curto & exato.

Há quem descreva o pouso em Gustavia como “emoção das fortes”. Já ouvi mais de uma vez que pousar em St. Barths é sobreviver ao pouso, e na real não é para tanto. É fato que a pista é pequena e que aparece do nada, atrás de uma pequena montanha que o avião passa perto (perto de mais para alguns). Também é fato que a chance do avião escapar e ir passear na praia de St. Jean existe, mas se fosse tão perigoso assim, o aeroporto não existiria, existiria? O pouso foi brusco, porém exato. O piloto usou quase toda a pista, mas passou bem longe do mar. E que mar! Emocionante? Sem dúvida, mas pelo fato de finalmente chegarmos ao destino da nossa lua de mel e não por pousar na segunda menor pista de avião do mundo. Fomos muito bem recebidos pelo mar azul de St. Barths, e estaríamos 100% felizes se nossas malas houvessem chegado conosco, mas essa já é uma outra história. Imigração rápida e indolor, carimbinho no passaporte e hora de ir pro hotel.

Aeroporto St. Barths

 

“Terminal” de chegadas de St. Barths

Aeroporto St. Barths

Pousos & decolagens

E pra quem gosta de avião, assistir o pouso dos aviões em St. Barths também é legal. Os pousos não são tão frequentes, e o “teatro”, quer dizer a montanha, de costas para o aeroporto é infinatamente mais sem graça que a Maho Beach, mas ver o avião chegando com velocidade e brecando forte é bem bacana. Os pousos em St. Barths são mais ou menos assim: depois de uma pequena espera aparece um pontinho lá no fundo, o pontinho vai aumentando começa a ganhar contornos, asas e muita velocidade. O pontinho se transforma em um avião que passa a poucos metros da sua cabeça, por cima da estrada e bem próximo da montanha. E num estalar de dedos o avião pousa e já breca, bem forte para esticar antes do final da pista. Curtiu? Vai lá ver!

Avião pousando em St. Barths

E vale a pena ir de avião pra St. Barths?

Sem dúvida. A outra alternativa, o barco, é lento com chacoalhadas nada interessantes. Eu se fosse você, nem pensaria duas vezes. Apesar de mais caro, o vôo vale cada centavo, especialmente por que cada minuto a mais em St. Barths vale e muito a pena.

About author

mari vidigal

Viajante incansável, daquele tipo que no meio de uma viagem já está pensando na próxima, na próxima e na próxima. Apaixonada por fotografia, natureza e vinhos

No comments

Veja também