Laos: o incrível Buda Park em Vientiane

1

O Xieng Khuan, mais conhecido como Buda Park ou parque do Buda gigante, é um parque recheado de estátuas budistas e hinduístas pra lá de interessantes e criativas. Esqueça os Budas tradicionais e deixe de lado todos os templos que você já visitou. Aqui as estátuas são gigantescas, muitas delas interativas e você pode entrar, subir, interagir e fotografar a vontade e sem medo de ser feliz.

Vientiane: o incrível Buda Park

Localizado há cerca de 25 Km de Vientiane, a capital do Laos, as margens do Rio Mekong e ao redor de muitas plantações de arroz, o parque combina um conjunto de cerca de 200 estátuas com uma área verde bem gostosa, e muitas, mais muita cigarras cantantes. Super gostoso pra fugir da cidade e passar uma manhã ou uma tarde em meio a natureza.

Escultura no Buda Park, Laos

Visitando o Buda Park

O Buda parque é relativamente compacto. As estátuas estão concentradas em um retângulo de terra e bem próximas umas das outras. A graça é caminhar devagar, reconhecer estátuas, buscar detalhes, entrar, sair e subir em tudo o que for possível.

Algumas das minhas esculturas preferidas:

Um gigante deitado

Buda Gigantes no Budha Park

Uma das estátuas mais famosas do parque é o enorme Buda deitado. São 40 metros de buda, uma imensidão de pedra com direito a cabelos trabalhados e traje detalhado. Esse gigante é o campeão de audiência e responsável por atrair muitos visitantes ao parque, e não é atoa. A pedra envelhecida dá um tom pra lá de especial ao Buda.

Buda Gigantes no Budha Park

O céu, o inferno e a vista mais sensacional do parque

Buda Park, Laos

Outra escultura legal pra caramba é uma estrutura arredondada com uma espécie de arvore no topo e uma pequena portinha do lado de fora. Do lado de dentro uma escadinha desajeitada e diversos andares escondidos conduzem os visitante a uma viagem pelo céu e pelo inferno. São divindades, capetas e uma série de figuras estranhas.

Dentro da escultura - Buda Park

Terminada as escadas, chega-se ao topo da escultura, uma espécie de varanda com uma vista panorâmica do parque e as melhores fotos do dia.

Buda Park visto do alto

Buda Park visto do altoBuda Park visto do alto

Indra e seu Elefante de três cabeças

Buda Park, Laos

E olha só quem eu reconheci! Indra, o rei Hindu, sentado no topo de um elefante de três cabeças

12 cabeças e muitas mãos

Buda Park, Vientiane

Uma divindade prá lá de esquisita conquistou o primeiro lugar na minha lista de favoritos do parque. Essa estátua gigante de 12 cabeças tem tantos detalhes que se não fosse o sol de rachar, eu teria passado uma horinha de baixo dela brincando de procurar e achar esquisitices.

Buda Park, Vientiane

 

Olha só esse ancião em uma das extremidades da estátua seguida de um soldado. Fiquei pensando se seria uma alusão aos diferentes estágios da vida de um homem?

Buda Park, Vientiane

Soldado e ancião: dois pedaços da mesma estátua

Buda Park, Vientiane

O Buda e o dragão

Buda Park, Laos

Nessa pequena estátua curiosa, Buda escapa da Boca de um dragão. Ou seria Naga a serpente sagrada?

Guardando o sol

Escultura no Buda Park

Um guerreiro grandalhão parece proteger o sol com suas barbatanas. Olha só a cara de bravo do danado!

E muito mais…

Além das esculturas grandalhonas, o parque tem uma série de esculturas menores bem bonitas interessantes…

Escultura no Buda Park

Escultura no Buda Park

Como chegar?

– O jeito fácil:

O jeito fácil de chegar ao parque é contratar uma excursão ou um taxi saindo de Vientiane. Os taxis para até 4 pessoas custam entre 150,000 e 200,000 Kip. A excursão oferecida pelo meu hostel custava 70,000 Kip por pessoa com duração de 4 horas e o trajeto de carro é de cerca de 45 minutos.

-Pra quem quer aventura:

Estação de ônibus de Vientiane

O jeito mais barato de chegar ao parque é pegar o ônibus 14 que sai do terminal de ônibus (nada organizado) da cidade. O detalhe é que ninguém fala inglês e 99% das placas estarão na lingua local. Apesar do terminal ser pequeno, você pode demorar um tempo considerável para descobrir o ônibus certo. O bilhete de ônibus custa 4,000 Kips.  A frequência do ônibus é de 15 em 15 minutos e o ônibus para NA PORTA do parque.

Estação de ônibus de Vientiane

Quer uma dica? Escreva o número 14 numa folha de papel e mostre para as pessoas que elas vão te apontar o ônibus certo. Antes de entrar, confira o número na porta do ônibus.

 

Ingresso & horário de funcionamento do Budha Park (Xieng Khuan)

  • Aberto todos os dias das 8:00 às 18:00
  • Entrada: 8,000 Kip

Um pouquinho mais sobre o parque:

Escultura no Buda Park

O Buda Park foi fundado em 1958 por um monge e estudioso de Budismo e Hinduismoa chamado Bunleua Sulilat. As estátuas foram feitas por escultores aprendizes e estão longe de serem perfeitas, mas a criatividade e originalidade do trabalhos merece ser visto.

Quem tem boca vai ao Budha Park: um relato da minha ida ao parque

Já contei essa história no meu perfil pessoal do Facebook, mas acho que vale a pena repetir o drama 🙂

Apaixonada pelas descrições do guia, resolvi me aventurar pelas aforas de Vientiane e conhecer o Buda Park, um parque repleto de estátuas não muito longe da capital do Laos.

Para chegar lá é preciso tomar um ônibus de linha da estação central de Vientiane (que é UMA BADERNA) que não tem nenhuma plaquinha em inglês. Para descobrir o número do ônibus que teria que pegar, usei a boa e velha mímica (e imitei um buda deitado). Me apontaram para o ônibus que estava quase saindo, e eu entrei sem pensar duas vezes e nem olhar o número do ônibus. #‎Medo‬

Lá dentro (e morrendo de medo de estar no ônibus errado) perguntei para o motorista se estava no ônibus certo e ele confirmou com a cabeça… só que eu não senti firmeza, então perguntei alto para o busão se alguém falava inglês.

Uma mulher que falava inglês (bem limitado) me disse que o ônibus parava longe do parque que eu teria que caminhar e que ela não sabia quanto #‎MedoAgain, mas o motorista continuava afirmando que o ônibus iria para o parque, então fiquei sem saber e comecei a pensar em um plano B para voltar para cidade se desse tudo errado.

Enquanto pensava num plano b, tentei com muita calma e paciencia trocar palavras e mímicas do a cobradora. O motorista ao ver o esforço dela para se comunicar balbuciou de alguma forma que ela era inteligente e que estava aprendendo japonês. BINGO!!!!!!

Meu velho japonês salvou minha tarde. Descobri que estava no ônibus certo, que a frequência do ônibus era de 15 em 15 minutos e que eu não teria que caminha nenhum metro para chegar no Buda Parque. E de quebra, bati um super papo com a menina que era mega gente boa! Viu só como me dei bem?

Agora que já desbravei o caminho das índias, quer dizer, o caminho do Budha Park, posso dizer com confiança. Vá feliz, que o parque é lindo e pode ir de ônibus que é sossegado e baratíssimo!

 

E você? Encararia essa aventura?

Alguém ai já foi ao parque? Conte pra nós o que achou!

 

 

About author

mari vidigal

Viajante incansável, daquele tipo que no meio de uma viagem já está pensando na próxima, na próxima e na próxima. Apaixonada por fotografia, natureza e vinhos

1 comment

Post a new comment

Veja também

Enchendo malas de idéias

Se você é do tipo que passa os dias sonhando em viajar, se você é daqueles que se sente em casa no aeroporto, se você ...