São Francisco: um tour gastronômico por North Beach

8
Tacos do Tacolicious

North Beach, também conhecida como Little Italy (pequena Italia) é um dos bairros mais tradicionais de São Francisco e concentra uma quantidade incrível de barzinhos, restaurantes além de guardar alguns dos melhores segredos gastronômicos da cidade. Neste post contarei todos os detalhes do tour gastronômico que fiz por lá. Vem comigo?

São Francisco: um tour gastronômico por North Beach

Highlights do tour:

  • Comida & Cultura: provar várias comidas gostosas em uma única noite enquanto aprende sobre São Francisco
  • Guia espetacular: nossa guia sabia TUDO da cidade (e olha que eu perguntei, viu ;))
  • Tratamento VIP: Ser recebido pelos donos ou gerentes de cada restaurante
  • Várias dicas de restaurantes e comidinhas para os próximos dias na cidade: no dia seguinte você receberá um email completo com várias outras dicas de restaurante.
Tour Gastronomico San Francisco

A sobremesa: cannoli recheado

Resumo do tour:

O tour gastronômico por North Beach é uma forma bacana de conhecer a história da cidade degustando várias comidinhas diferentes. Durante o tour, visitamos quatro restaurantes: Tacolicious, Tommaso’s, Ferry Plaza Sea Food e Cavalli Café.

E começa o tour…

Nosso tour começou na Washington Square, uma pracinha super fofa e muito frequentada pelos San Franciscanos em dias de calor, de frente para a Igreja de São Pedro e São Paulo, uma das igrejas católicas mais lindas e acolhedoras da cidade (e para quem curte um pouco das curiosidades de Hollywood, foi na porta dessa igreja que Marilyn Monroe tirou suas fotos de casamento, o que pouca gente sabe é que o casamento não foi feito na igreja e sim em um outro local).

Washington Square - San Francisco

Nossa guia, a Leila, foi mega simpática e já se apresentou como profunda comilona e conhecedora da história da cidade. A Leila é praticamente um raridade por este cantos, ela faz parte da 5a geração de uma família 100% local que está na cidade desde a época da corrida do ouro, algo bem difícil de encontrar. Depois de uma rápida introdução histórica de San Francisco e North Beach, caminhamos um quarteirão até a primeira parada do dia, o Tacolicious.

Apresentando nossa guia Leila. Sabe tudo da cidade!

Apresentando nossa guia Leila. Sabe tudo da cidade!

Primeira parada: Fish Tacos no Tacolicious

Tacolicious (1548 Stockton St.) é um velho conhecido e um lugar que adoro, eles tem algumas filiais em San Fran e uma em Palo Alto (bem pertinho de onde moro) e é sempre uma boa pedida para comer e beber bem e relativamente barato. De qualquer forma, achei interessante começar um tour gastronômico pelo bairro mais Italiano da cidade, em um autêntico Mexicano, mas adorei o que provei!

Marguerita do Tacolicious

Fomos recebidos pelo simpático gerente da casa que nos contou um pouquinho da história do Tacolicious enquanto nos servia de generosas porções de marguerita. [Aqui preciso fazer um parêntesis, Marguerita não é minha bebida preferida, e tenho uma certa tendência a dizer que não gosto sem nem provar, mas dessa vez, resolvi dar uma chance. Ainda bem. Descobri que gosto e MUITO de marguerita…rs] Brincadeiras a parte, a marguerita estava deliciosa, nem forte e nem fraca, com limão e açúcar na medida. Adorei.

O food tour começou bem! @viator #food #foodtour #ideiasemSanFran #sanfrancisco

A photo posted by Marina Vidigal Brandileone (@marividigalb) on

As margueritas vieram acompanhadas de bacias de chips de tortilla (vulgo doritos) e salsa mexicana. A Salsa do Tacolicious é um pouco diferente da salsa tradicional e tem um traço bem marcante de algúm tempero que não consegui descobrir. A salsa tava um pouco picante, pero no mucho, e acompanhada da marguerita, desceu redondinha.

Salsa Deliciosa com chips de tortilha. Quem bela maneira de começar!

Salsa Deliciosa com chips de tortilha. Quem bela maneira de começar!

Fechamos a sessão aperitivos com Fish Tacos (tacos de peixe). Confesso que tacos de peixe jamais seriam minha pedida, especialmente no Tacolicious que tem n sabores deliciosos, e mais uma vez fui bem surpreendida. Os tacos estavam deliciosos, crocantes e bem recheados. Aperitivo perfeito e belo começo de tour. Adorei tudo.

Tacolicious

Fish Tacos: sequinhos, bem temperados e prá lá de crocantes!

 

Segunda parada: Tommaso’s, a melhor pizza que já comi em San Francisco

Saímos do Tacolicious e fizemos uma pequena caminhada pelas ruas de North Beach, até chegar ao Tommaso’s. Impressionante como a Leila sabia tudo da cidade e ia nos indicando restaurantes e barzinhos a cada esquina e contando pequenas historinhas ou lendas urbanas para ilustrar. Essa segunda caminhada foi a maior do dia (não mais do que três quarteirões) e a mais instrutiva. Ai vai um pouco do que vimos:

City Lights - San Francisco

City Lights : Uma das livrarias mais incríveis da cidade.

Um dos museus mais vivos de San Francisco, The Beat Museum

Um dos museus mais vivos de San Francisco, The Beat Museum

Esse prédio verdinho, bem na divisa de North Beach com o distrito financeiro é o escritório do diretor de cinema Copolla. O barzinho no térreo serve todos os vinhos produzidos pela vinícola dele. :)

Esse prédio verdinho, bem na divisa de North Beach com o distrito financeiro é o escritório do diretor de cinema Copolla. O barzinho no térreo serve todos os vinhos produzidos pela vinícola dele. 🙂

O Tommaso’s (1142 Kearny St) é uma pizzaria mega antiga e SUPER tradicional. A casa vive lotada e é frequentada por várias personalidades locais incluindo o diretor Francis Coppolla que é amigo pessoal do dono e que cozinha sua própria pizza.

Os murais do restaurante foram pintados há mais de 80 anos atrás e retratam imagens da Costa Amalfitana.

Os murais do restaurante foram pintados há mais de 80 anos atrás e retratam imagens da Costa Amalfitana.

Fomos recebidos pelo dono, um senhor mega simpático e super falante. Como o nosso grupo chegou na Tommaso’s antes da pizzaria abrir, tivemos uns 15 minutos de total atenção do dele, com direito a muitas histórias e curiosidades. Esse é um dos grandes pontos altos desse tour, até dá para ir na Tommaso’s por conta própria, mas você nunca terá as mesmas mordomias e nem o mesmo tratamento VIP. Fiquei encantada. Tommaso's pizzaria - San Francisco Mas vamos ao que interessa: a pizza. Depois de 3 anos nos Estados Unidos aprendi que americano não entende lhufas de pizza. Eles raramente usam fornos a lenha, e abusam do muito: muito queijo, muita massa, é tanto muito que não tem como dar certo. Assim, sempre que me convidam para comer pizza, vou com pé atrás e preparada para o pior. Só que dessa vez foi diferente, a tal da pizza do Tommaso’s preparada num forno a lenha desses de museu (o forno tem mais de 80 anos e funciona que é uma maravilha) veio na medida.

Forno a lenha do Tommaso's

Forno a lenha do Tommaso’s

Massa levíssima, molho de tomate de verdade e na medida, proporção ideal de massa & recheio e bordinha crocante. Devorei a pizza (os dois pedaços que me cabiam) como uma criança e como se não houvesse o amanhã. ***

A melhor pizza que já comi nos EUA. Sem exagero! #ideiasnamala #food #pizza #ideiasemSanFran

A photo posted by Marina Vidigal Brandileone (@marividigalb) on

Provamos duas pizzas diferentes: uma marguerita e uma invenção da casa que combina queijo com folhas de espinafre baby fresco. Ambas DELICIOSAS! Amei o Tommaso’s e voltarei logo.

Tommaso's pizzaria - San Francisco

Pra acompanhar, um tacinha de vinho da casa:

Vinho da Casa - Tommasos

Terceira parada: os túneis da proibição

Saindo da pizzaria, passamos por pedaço vivo da época da proibição de bebidas alcólicas em San Francisco, e um dos únicos lugares da cidade que abre seus túneis ao público: a loja de materiais de arte Artist & Craftman’s Supply (555 Pacific Avenue)

Prá quem gosta de arte ou artesanato, a loja é um parada especial e repleta de tintas coloridas, lápis de cor diversos e tudo que um aspirante a artista pode sonhar.

Artist & Craftsman's Supplies - SF

Isso sem falar no teto coloridíssimo que é um verdadeiro show!

Artist & Craftsman's Supplies - SF

Deixando a parte da arte de lado, dá só uma olhada nesse túnel que legal:

Entrada do túnel

Entrada do túnel

Parte de dentro do túnel

Parte de dentro do túnel

O túnel, que é  bem pequeno, faz parte de uma antiga linha de túneis extensa que servia para contrabandear bebidas e que foi muito descrita nos livros e romances da época. Por causa do perigo de instabilidade do solo (São Francisco é muito suscetível a terremotos e tremores) grande parte dos tuneis foi coberta. O pouco que restou é usado de closet, adega ou depósito para as lojas e comércios da região.

E olha só que legal…

North Beach - SF

A Leila nos contou que estes pequenos cubinhos de luz (que estão por todo lado nessa região), são pequenas evidências do tamanho da linha de túneis (que usavam estes cubinhos de luz como forma de iluminação).

A esquina mais legal da cidade

Saindo da loja atravessamos a rua, prá passar ao lado da minha esquina preferida da cidade: Broadway com Columbus. A caótica divisão entre China Town, North Beach e o distrito financeiro de San Francisco.

San Francisco: Broadway x Columbus

A esquina tem quatro coisas muito legais:

A) Livros no céu: uma lembrança que esta região boemia teve uma participação importante na história literária do país. A City Lights foi a primeira livraria americana a popularizar os poemas, deixando os disponíveis pra muito mais gente. O Barzinho Vesuvio (vizinho da City Lights) reunia os poetas de plantão.

Livros no alto

Livros no alto

B) Palavras no chão: as palavras que parecem ter caído dos livros são palavras em inglês, Italiano e chinês. Tem muita inspiração bacana nesse pedacinho de piso!
San Francisco: Broadway x Columbus

c) Mural legal prá caramba: de costas para o livro um mural histórico que retrata cenas importantes dessa região.

San Francisco: Broadway x Columbus

d) Mural do famoso artista de rua inglês Banksy: Escondido do outro lado da rua (que pena que minha foto deixou a desejar) um mural bacana e polêmico!

Banksy em San Francisco

“If at the first you don’t succeed – Call an Airstrike

Quarta Parada: Ferry Plaza Sea Food, um Clam Chowder prá lá de especial

E prá fechar a sessão salgada do dia (olha que eu já tava mais do que satisfeita), paramos nos Ferry Plaza Sea Food (653 Union St.) , um restaurante de frutos do mar todo moderninho e aconchegante.

Ferry Sea Food Plaza - San Francisco

 

Lá provamos um Clam Chowder (sopa de frutos do mar) que é um dos pratos mais típicos da cidade. Sou mega fan de Clam Chowder, e já provei várias das mais famosas de San Francisco e essa é das boas. A sopa é grossinha, cremosa sem ser engordurada e com vários pedacinhos de frutos do mar. Uma delícia!

Ferry Sea Food Plaza

Quinta parada (a sobremesa!): Canoli recheado no Cavalli Café

E pra fechar o tour, Cannoli recheado num das melhores docerias italianas de San Francisco, o Cavalli Café (1441 Stockton St.)

E sente só a sobremesa #ideiasnamala #dessert #california #littleitaly

A photo posted by Marina Vidigal Brandileone (@marividigalb) on

Os Cannolis fresquinhos e recheados na hora, são a especialidade da casa. Pra mim que não sou tão fan de Cannoli, tava ok, crocante e recheado. Mas para muitos, foi o auge do tour. A galera pirou no Cannoli e não parava de elogiar.

Cavalli Café - San Francisco

O tour terminou no Cavalli Café, que fica a poucos passos da pracinha onde tudo começou. De lá muitos seguiram para barzinhos da região para curtir o comecinho da noite com música ao vivo. Eu sai sorrindo, super feliz com o que vi, aprendi e comi.  Amei o tour e confesso, jamais pensei que aprenderia e que curtiria tanto um tour em uma das regiões que melhor conheço de San Francisco.

Por que é legal?

O tour gastronômico por North Beach combina tudo o que eu gosto e que acho importante em minhas viagens: contato com locais, aprender curiosidades, um pouco da história do local e comer bem. Se para mim que moro em São Francisco há três anos e já conhecia North Beach super bem o tour foi o máximo, imagine só pra quem ainda não conhece a região? Adorei e SUPER recomendo.

Como reservar?

Fiz a reserva do tour online (pagamento via cartão de crédito) online pelo próprio site do Viator em português. Da seguinte forma:

  1. Escolha a cidade:
  2. Escolha a cidadeSelecione a experiência:

Screen Shot 2015-05-31 at 11.57.08 PM3. Selecione a data e o número de participantes

North Beach Tour

Dica: Leia a descrição e as avaliações do tour com carinho para ver se o tour é realmente o que você espera. 

Pronto, agora é só efetuar o pagamento, e fazer o download do voucher no seu telefone celular (quem preferir também pode levar o voucher impresso). [A guia não pediu e nem checou meu voucher, mas na dúvida, é melhor ter. Certo?]

No dia do tour:

Liguei para a operadora para ver se estava tudo certinho, e estava! Cheguei no ponto de encontro combinado dez minutinhos antes do tour e a guia já estava lá sorridente fazendo o check in da galera.

Atenção:

O tour começa pontualmente. Assim, não recomendo que você reserve o tour no dia da sua chegada na cidade, pois qualquer atraso de avião, ou trânsito na entrada da cidade, você dança.

Quanto custa?

O tour custa a partir de 69,00 dólares por pessoa e inclui todas as comidas e bebidas do passeio. [Preço de junho de 2015]

Quanto tempo demora | Que horas começa?

O tour gastronômico por North Beach acontece todos os dias às 11:00 da manhã e as 15:00. Pra quem quer aproveitar a cidade ao máximo, eu recomendo fazer o tour na parte da tarde e emendar o tour com um happy hour em algum barzinho animado. Aproveite a manhã (e o comecinho da tarde para visitar a Union Square e desvendar a China Town de San Fran). O tour dura cerca de 3:00 e a quantidade de comida é mais do que suficiente, em outras palavras, comi demais….rs

A Mari fez este tour a convite do Viator.

About author

mari vidigal

Viajante incansável, daquele tipo que no meio de uma viagem já está pensando na próxima, na próxima e na próxima. Apaixonada por fotografia, natureza e vinhos

8 comments

  1. Mauro Cesar Noskowski 2 julho, 2015 at 13:03 Responder

    Oi Mari, bem legal seu blog e o relato desta viagem…as fotos gastronômicas parecem que o prato esta a nossa frente, quase sentimos o cheiro… também gostei dos detalhes dos locais com seus tênis. Também sou blogueiro e gostaria de saber como é a parceria coma Viato?, estou por fechar parceria com eles.. Abraço

    • mari vidigal 2 julho, 2015 at 15:40 Responder

      Oi Mauro,
      Obrigada pela visita!
      A Viator trabalha com alguns modelos diferente de parceria, e tudo depende muito do que for acordado entre você e eles. Eu ganhei um voucher com um valor x para escolher o tour que quisesse. Escolhi o tour gastronômico porque tem tudo a ver com o perfil do Ideias na Mala e com o que eu gosto de fazer. Depois do tour, escrevi um review contando do tour, e minhas impressões. Sempre que avalio alguma atividade, tenho total liberdade para escrever o que eu quiser e o que eu achar relevante para o leitor. Essa é a minha condição para aceitar parcerias, afinal o mais importante para mim é escrever coisas relevante e úteis para os leitores.
      Abraços,
      Mari

Post a new comment

Veja também

Minha experiência em Cuba: Varadero

Varadero é um dos destinos turísticos de Cuba mais procurados pelos turistas. Veja aqui todos os detalhes dessa viagem dela com direito a muitas fotos ...