Hike Urbano: vistas incríveis de San Francisco

6

O tour “Urban Jungles and City Heights” (Altitude & Selvas urbanas) da UrbanHikers SF”, é uma caminhada maravilhosa e uma excelente forma de fugir dos programas mais turísticos de San Francisco. A  caminhada combina vistas lindas com florestas urbanas pouco exploradas e uma pitada de históra. Quem aí se anima?

Hike Urbano: vistas incríveis de San Francisco

Resumo do tour:

Nesse tour você irá conhecer pedaços espetaculares da cidade, ter vistas maravilhosas e de quebra aprender história e curiosidades de SF. Eu adorei!

  • Principais paradas: Castro Theater, Nobby’s Folly House, Seward Mini Park, Kite Park, Twin Peaks, Sutro Tower e a floresta de Eucaliptos e Tank Hill Park.
  • Distância percorrida no tour: 8 Km

E começa o tour…

Castro Theater

Nosso tour começou em frente ao Castro Theater, um dos cinemas mais tradicionais e um dos prédios mais emblemáticos da cidade. Nossa guia, a Alexandra, é fundadora da Urban Hikers SF, contou um pouquinho a história dela e como ela trocou sem emprego no Google pelas Hikes Urbanas (Caminhadas/trilhas urbanas) de San Francisco.

Ponto inicial do tour de hoje #urbanhiker #sanfrancisco #California #hike #hikedodia #California #sanfrancisco #castro

A photo posted by Ideias na Mala by Mari (@marividigalb) on

E pra fechar a introdução, com um jeitão descontraído e muito bom humor, ela nos contou um pouquinho sobre o Castro Theater que foi inaugurado em 1922. O arquiteto, Timothy L. Pflueger aprendeu a construiu prédios sem nunca ter ido a universidade e é responsável por vários bares famosos de SF.

Nobby’s Folly House (250 Douglas Street)

Dali começamos a caminhada. Nossa primeira parada foi na frente de uma casa linda e que eu nunca tinha visto a “Nobby’s House”. A casa foi construída por Alfred Clarke em 1891, passou intacta pelo terremoto de 1906. Anos depois a casa foi convertida em hospital, e hoje é um conjunto de apartamentos. A casa é linda por fora, e pelo que vi no Yelp, maravilhosa por dentro. Dê uma espiadinha fotos aqui.

Nobby house em San Francisco #ideiasnamala #urbanhiker #sanfrancisco #castro #California #streetphotography #house A photo posted by Ideias na Mala by Mari (@marividigalb) on

Procurando Wally.

Tanto o Cinema do Castro quanto a casa de Nobby foram dois pontos importantes da visita. Conforme íamos subindo ladeiras e escadas, nossa diversão era procurar esses dois pontos na cidade – que cada vez ia ficando menorzinha. Foi bem legal!

Urban Hike - San Francisco

Procurando o Wally: Alguém ai consegue achar o teatro do Castro e a pontinha dourada da Nobby’s house nessa foto?

Clover Lane: a primeira escadaria do dia

São Francisco tem mais de 700 escadarias diferentes, e no tour a Alex nos contou o porque. A primeira do dia foi a Clover Lane, um conjunto de degraus pra lá de fotogênico

Clover Lane - San Francisco

Seward Mini Park: meus 5 minutos de criança

Um dos momentos TOP desse tour para mim, foi conhecer o Seward mini park, um parque pequenino que tem um par de escorregadores públicos pra nenhuma criança botar defeito.

E olha só o tamanho do escorregador!

E olha só o tamanho do escorregador!

Sem nenhum pingo de vergonha na cara, corri morro acima, agarrei uma caixa de papelão caprichada e desci escorregando do lado mais inclinado do escorregador.

Minha caixa de papelão decolou e eu me senti de volta aos meus 12 anos de idade. Experiência pra lá de divertida!

Seward Mini Park - San Francisco

Subindo as escadas do Seward Park, tivemos a primeira vista do dia, linda, mas bem mais ou menos quando comparada com o que viria a seguir.

Kite Open Hill Park – A primeira vista panorâmica do dia

E falando em vista, meu primeiro UAU do dia estava há poucas quadras de distância no Kite Open Hill Park. Dalí vimos o ponto inicial do tour, já bem pequenino no meio da cidade (alguém aí consegue achar?) de um lado e o Twin Peaks do outro (ponto mais alto do nosso passeio ).

San Francisco vista do alto.

San Francisco vista do alto. O Castro ficou lá embaixo!

Do outro lado do Parque, o Twin Peak, o ponto mais alto do tour

Do outro lado do Parque, o Twin Peak, o ponto mais alto do tour

Continuamos nossa subida rumo ao Twin Peaks passando por escadas coloridas de uma escola. Aproveitei a escada bonitona pra tirar uma foto com a Alex, nossa guia fofa!

Com a Alex do @urbanhikersf #urbanhiker #sanfrancisco #California #steps #streetphotography #travel #travelblogs

A photo posted by Ideias na Mala by Mari (@marividigalb) on

No caminho fotografei algumas casas diferentes, a minha preferida têm cúpula de metal, cerca de madeira e é super estilosa.

 

Casa super cool em San Francisco #ideiasnamala #California #urbanhiker #sanfrancisco

A photo posted by Ideias na Mala by Mari (@marividigalb) on

A subida para o Twin Peaks

Fizemos a subida para o Twin Peaks (picos gêmeos) por uma das trilhas mais especiais do dia. Uma trilha magricela, repleta de plantas bonitas e que vai contornando e subindo o morro aos pouco.

Rumo ao Twin Peaks

Rumo ao Twin Peaks

A cada olhada para trás éramos presenteados com vistas diferentes. Por sorte, a famosa neblina de San Francisco (que é muito comum no verão) resolveu nos dar uma trégua e nos deixou fotografar tudo (incluindo o Monte Diablo que fica do outro lado da baía).

Olha só o Monte Diablo nos olhando do outro lado da baía

Olha só o Monte Diablo nos olhando do outro lado da baía

Twin peaks: o ponto mais alto de San Francisco

Por fim chegamos ao Twin Peaks, um dos mirantes mais lindos de San Francisco (já contei tudo sobre essa vista aqui) e o ponto mais alto da cidade e exatamente a metade do tour.

Twin Peaks - San Francisco

Os morros gêmeos Eureka e Noe (aprendi os nomes deles no tour) tem vistas 360 da cidade. Lá do alto, pela primeira vez no dia avistamos a Golden Gate (que estava um pouquinho escondida por uma camadinha bem fina de neblina, mas nada muito bruto).

Terra e eu curtindo a visa e posando pra foto

Terra e eu curtindo a visa e posando pra foto

Fizemos um break um pouco mais longo que os outros e aproveitamos a parada para devorar barrinhas de cereal gostosas oferecidas pela Alex.

Estação de tratamento de água vista do alto do Twin Peaks

Estação de tratamento de água vista do alto do Twin Peaks

Sutro Tower e a floresta de Eucaliptos

Dalí descemos um pouquinho até a Sutro Tower, uma estrutura de metal imensa (essa é a torre mais alta de SF) rodeada por uma reserva de água mineral e por uma floresta de eucaliptos plantada graças a benevolência do milionário Sutro (o cara enriqueceu com as minas de Prata de Nevada, voltou pra Cali cheio da grana e comprou 10% de todo o território de SF. Ele deixou vários legados bacanas pra cidade, o mais legal deles são centenas de árvores lindas espalhadas por San Fran)

Sutra Tower vista de dentro da floresta de Eucaliptos

Sutra Tower vista de dentro da floresta de Eucaliptos

A floresta é um pedacinho de paraíso urbano. Árvores altas e perfumadas que me fizerem esquecer que estava numa cidade. #AMEI.

Bosque de Eucaliptos - San Francisco

Bosque de Eucaliptos - San Francisco

Tank Hill: uma das vista mais lindas da cidade

Saindo da floresta, percorremos um trecho urbano lindo repleto de casas incríveis com vistas absurdas da cidade e entramos numa pequena trilha para chegar a vista mais linda do dia: O Tank Hill.

Tank Hill - San Francisco

Vista do Tank Hill, uma das mais lindas da cidade

O parque tem esse nome porque antigamente abrigava uma enorme caixa d’água (cujos traços de concreto ainda seguem visíveis em um trecho do parque. Mas deixando o nome de lado, vamos ao que interessa: olha só essa vista que sensacional!

Tank Hill - San Francisco

Sem dúvida uma das minhas preferidas da cidade!

Acme Alley & Pemberton Steps

E por fim chegamos as última escadaria do tour e a mais linda de todas. Esse conjunto de degraus formados pelo Acme Alley e Pemberton Steps é super fofo e tem um detalhe bem especial:

Urban Hike - San Francisco

Tá vendo esse círculo de concreto? Ele é um ponto acústico. Do centro dele você consegue falar e se ouvir num tom super legal! Adorei o detalhe.

PS: A vista dos degraus também é linda.

De volta ao Castro

De volta ao Castro, tivemos um momento super engraçado de #OnlyinSanFrancisco (coisas que só acontecem em San Fran). Um dançarino vestido de diabinho e rebolando a beça. O cara dançava bem pra caramba e literalmente parou a Avenida. A dança dele definitivamente não era apropriada para menores (muito menos apropriada pro meio da rua) nos fez morrer de dar risadas.

Dançarino arrasando no Castro

Dançarino arrasando no Castro

O momento mais divertido foi um mendigo da região – que pirou no corpo do cara – e começou a dançar junto. Total surreal.
(Não, esse não era um momento incluso no tour, mas foi um excelente final. ;))

Por que é legal?

Esse tour é bacana porque ele te mostra San Francisco por um ângulo diferente com direito a vistas impressionates, curiosidades divertidas, natureza e um pouco de história. Adorei o conceito da “Urban hike e virei Fã”.

De volta ao tour, se eu que moro na região e (achava que conhecia o Castro relativamente bem) pirei com as paradas do tour. Imagine quem não conhece bem a cidade? Você vai amar! Esse é um tour bacana para quem curte combinar natureza e cidade com caminhadas. #TotalaMinhaCara

Morro acima!

Morro acima!

É muito cansativo?

Foi bem mais tranquilo do que eu esperava. O trajeto tem bastante subida, mas o roteiro foi montado de um jeito bem inteligente e que equilibra bem subidas e retas. Depois de cada subida, há sempre uma parada para descansar e beber água. Todo o grupo, até os mais velhos, não tiveram o menor problema para fazer o tour.

É preciso falar inglês?

Se seu objetivo é fazer a caminhada, ver e fotografar alguns segredos de San Francisco e ter vistas incríveis da cidade, dá pra fazer o passeio sem entender nada de inglês e sair do tour contente. Quem entende bem inglês além da caminhada incrível vai entender detalhes bacanas e curiosidades históricas da cidade. Resumindo: dá pra ir sem falar inglês, mas quem fala (entender já vale) aproveita melhor.

Urban Hikes San FRancisco

Quanto custa?

O tour custa de 49,00 dólares por pessoa + gorjeta opcional [Preço de junho de 2015]

E olha só que lindas as florzinhas que vimos durante o tour

E olha só que lindas as florzinhas que vimos durante o tour

Como reservar?

Fiz a reserva do tour online online pelo próprio site do San Francisco Urban Hikers. Esse tour é o primeiro da lista de tours na barrinha “Our Hikes” e se chama: “Urban Jungles and City Heights” (Altitude & Selvas urbanas). Pra não ter erro, fiz um printscreen do site.

Print Screen Urban Hikers

Print Screen Urban Hikers

Quanto tempo demora?

O Tour demora cerca de três horas, mas passa rapidinho. Aproveitei tanto o percurso, que nem vi o tempo passar.

O que combinar com esse tour:

Como esse tour tem como ponto do início o Castro, dá fácil para combiná-lo com um passeio pelo Castro (que é super colorido e divertido) ou um tour fotográfico pelas ruas e becos repletos de grafites de Mission.

Veja também:

A Mari fez este tour a convite do Urban Hikers SF. 

About author

mari vidigal

Viajante incansável, daquele tipo que no meio de uma viagem já está pensando na próxima, na próxima e na próxima. Apaixonada por fotografia, natureza e vinhos

6 comments

Post a new comment

Veja também