Suíça: um dia em Thun

1
Thun - Suíça

Saiba o que fazer em Thun, uma cidade gracinha perto de Interlaken (na Suíça) e as margens do lago Thunersee, um lago de águas transparentes rodeado por montanhas fotogênicas. É de Thun que saem os famosos passeios de barco rumo a Interlaken. Além disso, a cidade tem um centro histórico caprichado com pontes de madeira cobertas, igrejinhas fofas e um castelo de torres pontudas que parece ter saído de um conto de fadas. Pronto para se encantar com Thun?

Suíça: um dia em Thun

Esse é um roteiro de 1 dia em Thun escrito num tom que te convida a fazer parte do passeio e caminhar comigo pela cidade. Se você prefere algo mais objetivo e direto ao ponto, pule direto para o roteiro.

Como Thun entrou no roteiro

Fui para a Suiça com um roteiro bem programadinho, 10 dias completamente reservados e um dia livre para encontrar minha amiga Lúcia, que conheci no Caminho de Santiago, e passear por onde ela sugerisse (A Lúcia mora na Suíça há anos, e conhece mil cidades fofas).

Ela fez duas sugestões, Appenzel, no norte da Suíça e Thun (bem pertinho de Interlaken e de Berna onde eu passaria a noite). Appenzel parecia uma graça, mas confesso que as três horas de trem para chegar lá me desanimaram um pouco (grávida e enjoando no trem, eu precisava diminuir a viagem ao máximo) e foi assim que optamos por Thun, uma cidade repleta de clichês Suíços lindos (lago, vistas para os alpes, pontes cobertas). E que boa escolha!

Thun - Suíça

Castelo de Thun na Suíça

Um quase desencontro

Saí de Lucerna cedinho e peguei a rota de trem mais rápida rumo a Thun. Em Berna tive que fazer uma troca de trem e então combinei de encontrar a Lúcia no vagão de restaurante do trem. O que eu não contava é que meu trem de Lucerna atrasaria 6 minutos (uma verdadeira raridade na Suíça, o comandante até pediu desculpas!) e que eu teria pouco menos de 2 minutos para fazer a troca de trem (grávida e com a mochila nas costas, eu não sou das mais rápidas do mundo!)

Assim que o trem parou, eu e uma multidão de pessoas apressadas perigando perder suas conexões apertadas saímos correndo, foi um corre-corre engraçado, cada um indo para um canto diferente e todo mundo tomando conta para não se trombar. A estação de Berna é bem grande e como Murphy nunca ajuda, a plataforma do trem rumo a Thun estava BEM mais longe do que eu gostaria. Corri tudo o que dava e entrei no trem poucos segundos antes da porta fechar. UFA! Levei alguns minutos atravessando o trem todo por dentro e cheguei no vagão restaurante esbaforida! Viva, a Lúcia e uma outra amiga brasileira já estavam lá me esperando (e jurando que eu tinha perdido o trem. Rs).

Lago Thunersee - Suiça

Lago Thunersee visto do trem

A viagem entre Berna e Thun é hiper rápida, e nós matracas falamos tanto que quando vimos já havíamos passado o ponto. Estávamos em Interlaken, tivemos que descer e voltar. #Burradatotal – Pelo menos demos risadas e percebemos que o dia seria bem divertido.

E quando o plano é não ter planos

Amo ter um dia livre no roteiro, não planejar nada, e deixar a sorte me levar pra ver o que acontece. Na companhia de uma local então?! Melhor ainda, assim cheguei em Thun sem saber o que esperar, deixando a Lúcia no comando da expedição e bem feliz em brincar de me perder. Depois de guardar a mochila no locker (quase todas as estações da Suíça tem armários para a mochila desses que funcionam com moedinhas) saímos para passear.

Thun

Vista do Rio Aare em Thun com castelo e igreja no fundo. Linda a cidade, não?

Roteiro de 1 dia em Thun

Paradas e Passeios do dia de hoje:

  • Passeio de barco para Interlaken
  • Volta para Thun
  • Obere Schleuse – uma das pontes cobertas de Thu
  • Lojinhas e cafés da Obere Hauptgasse
  • A “Rathausplatz” (praça da prefeitura)
  • Castelo de Thun
  • Igreja StadKirche
  • Kirchtreppe – A escada coberta
  • Untere Schleuse e as pontes de Thun

Roteiro no Google Maps:

Para abrir o mapa no Google maps clique aqui.

Passeio de barco rumo a Interlaken

Nosso dia começou com um passeio de barco rumo a Interlaken, chegamos em Thun cerca de 20 minutos antes da saída do barco, e tivemos tempo de dar um voltinha rápida pela cidade (que desde os primeiros momentos se mostrou linda) e embarcar.

Todos os lagos Suíços tem passeios interessantes de barco, já havia feito o passeio entre Lugano e Gambria e o passeio entre Fuellen e Lucerna, este seria meu terceiro passeio de barco e eu estava hiper empolgada com o visual! Os lagos da região de interlaken são muito bonitos, e o contraste entre as águas cristalinas, e os Alpes com picos cobertos de neve é algo que eu amo de paixão. O ponto alto do passeio são as vistas lindas das montanhas Eiger, Mönch e Jungfrau.

Thun

Thun

Vistas do passeio de barco

Thun

O passeio leva cerca de duas horas e é pura poesia! O tempo estava bonito, e o frio (ainda que estivéssemos em novembro) estava bem ameno, assim deu para sentar do lado de fora quase todo o tempo e caprichar nas fotografias.

Thun

Thun

Thun

Quando a fome bateu, sentamos no restaurante do barco e pedimos uma porção de batatas fritas (bem gostosa e bem grande, por sinal!) e ficamos batendo papo até o barco se aproximar do trecho final do passeio quando barco entra numa especie de um canal hiper fotogênico, Interlaken surge no horizonte e aos poucos começa a ganhar forma e tamanho! Que chegada especial! Adorei.

Thun

Canal no último trecho do trajeto

Thun

[Dica: se você vai dormir em Interlaken, olhe para os horário e tente encaixar este passeio no final do dia, depois da volta pela cidade. | Este passeio pode ser feito no sentido inverso, de Interlaken a Thun.]

Detalhes do passeio

  • Duração: Cerca de 2 horas
  • Preço: 43,00 CHF para segunda classe. Grátis com o Swiss Travel Pass
  • Horários variam conforme a estação do ano e são muito menos frequentes no inverno.

[Dica para quem não vai fazer o passeio de barco: Dê uma passadinha no Schadau Park, ponto onde o rio desagua no lago, e com vistas lindas dos Alpes. ]

Chegada em Interlaken

Chegando em Interlaken, demos uma volta bem rapidinha pela rua principal. Como eu já conhecia a cidade, a ideia foi só dar uma passada rápida na pracinha central (Höhematte), que coincidentemente foi onde fiquei hospedada na minha última passagem pela cidade, e que tem vistas lindas para as montanhas. Curiosamente a praça estava repleta de vacas com sininho no pescoço. Não entendemos que raios as vaquinhas faziam pastando na principal praça da cidade, mas achamos graça e fotografamos.

Interaken

Pracinha central (Höhematte) de Interlaken

Trufas de chocolate da Schuh

Antes de ir embora passamos na Schuh (Höheweg 56), um café local super tradicional e que serve chocolates e trufas divinas desde 1818,  devoramos trufinhas de chocolate DE-LI-CI-O-SAS! Adorei o café.

Depois disso voltamos para a estação de trem e pegamos um trem para Thun (dessa vez com bastante cuidado para não passar o ponto ;))

Passeio pelo Centro de Thun

Obere Schleuse – uma das pontes cobertas de Thun

Chegando em Thun comemos um sanduba rápido na própria estação de trem e saímos para passear pelo centrinho. Começamos o passeio cruzando o Rio Aare (o mesmo que corta a cidade de Berna) pela Obere Schleuse (uma ponte coberta hiper fotogênica). A ponte fica no finalzinho de uma ilha formada por uma bifurcação no rio pouco antes dele desaguar no lago Thunersee. A ponte tem vistas bacanas do castelo de Thun e do centro antigo da cidade e funciona como uma espécie de barragem para controlar a força das águas e evitar uma inundação na época de desgelo dos Alpes ou durante uma chuva brava.

Thun

Obere Schleuse em Thun

Ao cruzar a ponte, passamos por um grupo de Cisnes comilões hiper interessados em abocanhar meu sanduíche, infelizmente a minha fome de grávida era maior do que fofura dos Cisnes e acabei não dividindo meu sanduba. 😉 [Fora que não me sinto bem em alimentar animais silvestres com comidas humanas, nunca se sabe se o estômago deles aguenta nossas gorduras e a última coisa que quero é fazer mal aos bichinhos.]

Lojinhas e cafés da Obere Hauptgasse

Dali seguimos caminhando pela rua Obere Hauptgasse, uma rua hiper fofa repleta de lojinhas, restaurantes e cafés. O curioso que é a rua tem “dois andares”, a parte de baixo que é a própria rua e uma calçada superior. As lojinhas e restaurantes na parte alta e baixa são diferentes, e para ver tudo é preciso ir e voltar pela rua.

Thun

Obere Hauptgasse em Thun

Thun

Como escurece cedo no inverno preferimos seguir para a parte alta da cidade sem fuçar as lojinhas. De qualquer forma, essa parte merece uma visita bem mais detalhada que a que eu fiz. #Ficaadica

[Vale falar que assim como as cidades menores da Suíça, muitas lojas de Thun fecham para o horário do almoço entre 12:00 e 13:30.]

A “Rathausplatz” (praça da prefeitura) 

A Obere Hauptgasse termina na praça da prefeitura de Thun, sinalizada com uma fonte antiga (a água é potável e deliciosa, beba sem medo de ser feliz) e edifícios do século de XVI. A prefeitura de Thun é um edifício gordinho com arcadas circulares e um relógio antigo avermelhado. Vale ficar de olho na programação pois volta e meia rolam concertos gratuitos na praça.

Thun

Rathausplatz (praça da prefeitura)

Viramos a direita numa ruelinha estreita e seguimos rumo ao Castelo de Thun. A subida foi bem mais macia e bem menor do que eu esperava, e poucos passos depois, lá estavamos nós no pátio do Castelo.

Castelo de Thun

O Castelo de Thun é de 1190 e foi construído pelos duques de Zähringen. E por sinal, este é o nome oficial do castelo: “Zähringen Schloss”, que todo mundo chama de castelo de Thun. O interior do castelo hoje funciona como um museu de história (confesso que depois de visitar o castelo de Montreux e o de Gruyeres, não me animei para entrar) e volta e meia é alugado para casamentos e ventos particulares. Por fora o castelo é lindo, bem conservado e rende fotos lindas! Adorei dar uma voltinha por alí e tirei muitas fotos.

Thun - Suíça

Castelo de Thun

Detalhes da visita:

  • Horários de funcionamento: Abril  à outubro das 10:00 -17:00 | novembro à janeiro aberto apenas aos domingos das 13:00 -16:00 | Fevereiro e Março: todos os dias das 13:00 – 16:00
  • Entrada: Adultos 10 CHF | Estudantes & Seniores : 8  CHF | Crianças: 3 CHF
  • Grátis com o Swiss Travel Pass

Igreja StadKirche

Passamos por dentro do pátio do castelo e seguimos pela rua Schlossberg até a igreja StadKirch (esta é a igreja pontuda que se vê parte baixa da cidade). Foi aqui que tirei algumas das fotos mais lindas do dia, a igreja tem uma vista legal para o castelo, e pra quem tiver paciência de dar a volta toda (o que eu recomendo MUITO), tem um terraço com vistas caprichadas de Thun. Me esbaldei de fotografar! 😉

Thun

Igreja StadKirche

Thun

Lago Thunersee visto da igreja

Kirchtreppe – A escada coberta

Começamos a descida por um par de escadas estreitas que nos levou a outro cartão postal de Thun, a Kirchtreppe, uma escadaria coberta no mesmo estilão das pontes de madeira medievais que nos levou de volta para a Obere Hauptgass (Me pergunto se a escada coberta seria algo para proteger a galera da chuva na vinda/volta para a missa?)

Thun

Mural na entrada da Kirchtreppe – A escada coberta de Thun

Thun

Kirchtreppe – A escada coberta de Thun

Como já havíamos passeado pela Obere Hauptgass pegamos uma vielinha estreita que nos levou Aarequai, rua paralela ao rio. Aqui estão alguns dos barzinhos ao ar livre mais gostosos e animados da cidade. Meu pedacinho preferido é o quadradinho que conecta as pontes Untere Schleuse e Muhlegassli. Um cantinho animado e hiper fotogênico.

Thun

Barzinhos animados no Aarequai

Untere Schleuse e as pontes de Thun

E falando em ponte, durante o passeio aprendi que 5 pontes conectam a parte comercial da cidade (conhecida como “shopping Island”) com o centrinho histórico medieval, a mais bonita delas é a Untere Schleuse, outra ponte antiga coberta que  regula a força das águas para evitar inundações. A Untere Schleuse também conhecida como Flower Bridge (ponte das flores) graças aos arranjos floridos pendurados por toda a ponte durante a primavera e o verão. Vale a passada e vale muitas fotos.

Thun

Untere Schleuse em Thun

Terminamos nosso passeio pouco antes de escurecer, uma pena que no inverno escureça tão cedo (cerca de 4 da tarde), eu teria curtido explorar mais pedacinhos dessa cidade tão fofa, de qualquer forma, amei o passeio e recomendo. Thun é linda e merece ser visitada!!!

Thun

Aarequai, Untere Schleuse, com direito a castelo e igreja no fundo

O que faltou visitar:

Se você tem mais tempo que eu, ai vão dicas de outros passeios em Thun

Schadau Park: Este parque lindo fica de frente para o lago Thunersee, bem no ponto onde o rio Aare desagua, o parque tem vistas lindas para o lago (com direito a montanhas no fundo), e é sede de um castelo bem bonito o Castelo Schadau e do museu panorama.

Thun

Castelo Schadau visto do passeio de barco

 

Kunstmuseum (Museu de arte contemporânea): O museu de arte contemporânea de Thun recebe exposições temporárias de artistas suíços e estrangeiros e está sediado num dos prédios mais lindos da cidade, o antigo Hotel Thunerhof.

  • Endereço: Hofstettenstrasse 14
  • Aberto de terça a domingo das 10:00 – 17:00 | Quartas até as 19:00
  • Entrada: 14 CHF | Estudantes 12 CHF | Crianças 0-16: grátis
  • Grátis com o Swiss Travel Pass

Museu Panorama: Panoramas são quadros antigos gigantes que retratam uma cidade num ângulo de 360 graus. O de Thun é um dos mais antigos e bem preservados do mundo, ele foi pintado por Marquand Wocher entre 1809 e 1814.

  • Endereço: Schadau Park
  • Aberto de terça a domingo das 11:00 – 17:00
  • Entrada: 8 CHF | Estudantes 7 CHF | Crianças 0-16: grátis

Spielzeugmuseum – Museu dos brinquedosEsse é um museu nostálgico com um acervo caprichado de brinquedos dos anos 50,60. Os brinquedoss são miniaturas perfeitas de objetos da época e o museu é uma fonte legal legal para entender o estilo de vida e os costumes culturas da época. Além disso o museu tem uma lojinha caprichada com brinquedos feito a mão e um café charmoso.

  • Endereço: Burgstrasse, 15
  • Aberto de terça a domingo das 14:00 – 17:00
  • Entrada: 5 CHF |  Crianças 0-12: grátis

Outros blogs que viajaram para Thun:

Obrigada Lúcia querida pela companhia e pelas dicas! Espero te ver em breve! 

A Mari viajou a Suíça com apoio do Swiss Travel System

Veja também: 

Roteiros pela Suíça:

Guias de viagem pelas cidades Suíças:

Passeios & Dicas

Dicas de hotel na Suíça:

E para ficar por dentro de todas as novidades do Ideias na Mala, siga nosso instagram!

 

About author

mari vidigal

Viajante incansável, daquele tipo que no meio de uma viagem já está pensando na próxima, na próxima e na próxima. Apaixonada por fotografia, natureza e vinhos

1 comment

Post a new comment

Veja também

Viajando sozinha, e por que não?

Malas prontas, roteiro planejado e reservas feitas. Chegou a hora de cair na estrada, mais uma vez. Me despeço do meu marido com um abração apertado ...