Litoral do Rio de Janeiro: Dicas para curtir o verão

0
Litoral do Rio de Janeiro

Veja dicas para curtir o verão no litoral do Rio de Janeiro: Dicas de Praias deliciosas e dicas de onde ficar na cidade do Rio de Janeiro, Paraty,  Reserva Estadual de Juatinga, Arraial do Cabo e Búzios. Vamos nessa?

Litoral do Rio de Janeiro: Dicas para curtir o verão

O verão chegou! Por todos os lados, seja no facebook ou no instagram, vemos fotos de amigos e celebridades curtindo o sol e o mar. Particularmente, sou completamente apaixonada por dias ensolarados e aproveitá-los à beira mar. Amo água! Então, piscina e cachoeira também fazer parte deste combo do amor. Mas nem sempre foi assim. Sou paulistana e nas férias escolares ia para o litoral sul do estado, em que eu passei a adolescência reclamando de ter que ir à praia. Quando entrei na faculdade, percebi o mundo a ser descoberto!

Como boa aficcionada por viagens, adoro pesquisar e conhecer novos lugares. Nos últimos anos, tenho curtido bastante o litoral do Rio de Janeiro e é exatamente dele que vim falar (eles quem me perdoem, mas é bolacha!).
Segue uma lista de lugares a serem visitados no litoral do Rio de Janeiro, entre os clássicos e os alternativos, tendências do turismo, lugares para conhecer gente e outros para desvendar a si mesmo. Não importa o seu estilo, com certeza, você se identificará com um destes lugares.

Já separa o seu planejamento de 2018 para acrescentar um destes cantinhos incríveis no litoral do Rio de Janeiro!

Rio de Janeiro

litoral do Rio de Janeiro

Enseada de Botafogo, Rio de Janeiro // Foto por Thaís Carneiro

Um clássico, o grande cartão postal brasileiro. Como já cantava Fernanda Abreu, “Rio, 40 graus, cidade maravilha, purgatório da beleza e do caos”. A cidade já passou por poucas e boas, foi capital do Brasil por uns bons séculos e enfrentou de tudo: revoltas, epidemias e guerras civis. Hoje, em pleno 2018 e ela exerce um fascínio gigantesco não só nos gringos, que chegam aos montes pela beleza do lugar, através de referências como a bossa nova, a “Garota de Ipanema” e “Os Simpsons” (por que, não?).

Como uma cidade grande, é possível conhecer vários Rios e obter experiências completamente distintas. A minha indicação é se hospedar no bairro de Botafogo. Apesar de considerado como decadente por alguns, ele foge do clássico roteiro Ipanema-Copacabana-Leblon e da multidão de turistas bem como tem uma vibe interiorana gostosinha de curtir. Além disto, há uma gama de bares que tem feito o Baixo Botafogo ser um dos lugares mais curtidos pela juventude carioca.

Dicas de hotéis e hostels em Botafogo:

Quando o assunto é hospedagem, Botafogo tem um pouco de tudo, dos hotéis conceituados de rede que você provavelmente já conhece (ou ouviu falar) como o Novotel RJ Botafogo, Mercuri Botafogo Mourisco (alguns quartos tem vistas lindas), Quality Suites Rio de Janeiro Botafogo e Ibis, a opções locais e descoladas. Aí vão algumas das nossas preferidas.

Yoo2 Rio de Janeiro By Intercity

Quartos estilosos e ultra bem decorados onde tons de cinza contrastam com objetos coloridos e letras e dizeres de neon que são a cara do Rio de Janeiro. Alguns quartos tem até vitrola. Banheiro de mármore com paredes coloridas completam a decoração com muita personalidade. E pra fechar com chave de ouro, o hotel tem um terraço lindo com vistas maravilhosas do Pão de Acúcar e uma pequena piscina. <3. Reserve aqui!

Litoral do Rio de Janeiro

Yoo2 Rio de Janeiro By Intercity | Foto: Divulgação

Litoral do Rio de Janeiro

Yoo2 Rio de Janeiro By Intercity | Foto: Divulgação

Zii Hotel Botafogo

Quartos simples com decoração de muito bom gosto, destaque para os detalhes estilo revista de quadrinhos nas paredes e para o armário moderninho. O lobby coloridinho também é uma graça. O Zii é muito bem localizado (pertinho do metrô) e o café da manhã está incluso no valor das diárias. Reserve aqui!

Litoral do Rio de Janeiro

Zii Hotel Botafogo | Foto: divulgação

Injoy Hostel:

Decolado e colorido o Injoy é a cara de Botofogo. O Hostel conta com quartos privados (excelente pra quem curte a vibe jovem de hostel, mas não se anima em dividir quarto) e dormitórios coletivos bem ajeitadinhos. A decoração dos quartos e da sala comunitária é uma graça e tem tudo a ver com o Rio. Este hostel já foi testado e aprovado por mais de 1000 viajantes e tem uma das avaliações mais altas do Rio. Reserve aqui!

Litoral do Rio de Janeiro

Injoy Hostel | Foto: Divulgação

Litoral do Rio de Janeiro

Quarto coletivo – Injoy Hostel | Foto: Divulgação

Litoral do Rio de Janeiro

Quarto privado – Injoy Hostel | Foto: Divulgação

Pra quem está buscando hostel, vale também olhar a Hospedaria Rio, 19 Guest House e Aurora Hostel.

Veja aqui mais opções de hotéis em Botafogo.

Praias no Rio de Janeiro: dicas pra sair do comum

Para acessar as praias, você pode se valer de ônibus, metrô ou Uber e deve gastar entre 10 ~ 30 minutos para aproveitar este roteiro clássico citado ou dar um pulo em praias não tão valorizadas como a Praia da Urca, famosa pelo cassino desativado e a Praia Vermelha, conhecida pelo bondinho do Pão de Açúcar.

Paraty

litoral do Rio de Janeiro

Centro Histórico de Paraty // Foto por Thaís Carneiro

Um destino para aqueles que amam praias, a vibe das cidades históricas e um certo ar romântico. Perambular pelas ruas de pedra dá aquela sensação gostosa de viajar no tempo e você encontra todos os tipos de turistas: famílias, mochileiros, casais e gringos. Ali tem programa para todos os gostos e bolsos, mas é preciso ter paciência e atenção para pesquisar. Os valores de passeios e restaurantes oscilam muito em cada estabelecimento.

Onde ficar em Paraty:

Minha pedida preferida de acomodação em Paraty é o centrinho histórico da cidade com suas ruas charmosas de pedra, casinhas coloridas, bares e lojinhas. Mas com tanta coisa bacana rolando os preços dos hotéis e pousadas do centro costumam ser bem mais altos do que as acomodações ao redor, assim para quem viaja com um  orçamento mais limitado a dica é buscar algo fora do centro, mas que esteja o mais perto possível (e basta procurar que tem muita opção legal).

Aí vão algumas boas pedidas de hospedagem em Paraty:

Pousadas charmosas

Pousada Casa Colonial 12

A Casa Colonial 12 é uma pousada boutique bem exclusiva, são poucos quartos, atendimento de primeira e o mais legal: uma projeto arquitetônico lindo que combina. de forma harmônica a fachada colonial com o interior moderno e bem decorado. A pousada tem um pequeno jardim com piscina.

Litoral do Rio de Janeiro

Pousada Casa Colonial 12 | Foto: Divulgação

Litoral do Rio de Janeiro

Pousada Casa Colonial 12 | Foto: Divulgação

Pousada Porto Imperial

A Pousada Porto Imperial é uma das mais tradicionais de Paraty, uma pousada badalada que recebe dezenas de casamentos e conta com uma decoração rústica porém charmosa, jardins lindos e uma localização espetacular. Essa é uma  pousada é relativamente grande com cerca de 45 quartos.

Litoral do Rio de Janeiro

Pousada Porto Imperial | Foto: Divulgação

Litoral do Rio de Janeiro

Pousada Porto Imperial | Foto: Divulgação

Pousada Corsário Paraty 

A Pousada Corsario conta com quartos amplos com decoração bem clean e equipado com deliciosas redes. A pousada fica em frente ao Canal de Paraty, tem uma piscina que é um espetáculo e jardins ultra caprichados. Uma delicia de pousada!

Litoral do Rio de Janeiro

Pousada Corsário Paraty | Foto: Divulgação

Litoral do Rio de Janeiro

Pousada Corsário Paraty | Foto: Divulgação

Pousada do Principe :

A Pousada do Principe não tem esse nome a toa, o casarão onde ela está construída pertenceu a D. João de Bragança (bisneto da Princesa Isabel). Essa pousada agradável conta com decoração colonial (destaque para as janelas coloridas) e uma senhora piscina!

Litoral do Rio de Janeiro

Pousada do Principe | Foto: Divulgação

Litoral do Rio de Janeiro

Pousada do Principe | Foto: Divulgação

Hostel

Para quem quer algo mais em conta, Paraty está repleta de bons hostels!

Che Lagarto – Testado e aprovado por nós!

O Che Lagarto é uma pedida econômica, divertida e bem interessante para quem vem a Paraty sem carro. O Hostel fica no meio do caminho entre a rodoviária e o centro, o que é bem conveniente para fazer os passeios. Além disso o hostel conta uma programação bacana, vários opções passeios e um restaurante que serve PF’s caprichados + cachaça por um preço bem amigo. Uma boa pedida pra explorar a cidade!

Litoral do Rio de Janeiro

Che Lagarto | Foto: Divulgação

Litoral do Rio de Janeiro

Che Lagarto | Foto: Divulgação

Outras opções bacanas de hostel são o Maracujá Hostel (coladinho no centro e com decorações bem colorida) e o colorido Bossa Nova Hostel (1,1 Km do centro, conta com quartos coletivos e privados).

Veja aqui outras opções de hotéis e pousadas em Paraty

As praias de Paraty

litoral do Rio de Janeiro

Vila de Trindade, Rio de Janeiro // Foto por Thaís Carneiro

A cidade conta com duas praias, Pontal e Jabaquara, que não são as mais delícias de conhecer. A minha dica fica para a São Gonçalo, que você pode acessar de ônibus de linha, que sai da Rodoviária de Paraty e passa de hora em hora. Você, literalmente, vai descer no meio da rodovia. É uma daquelas praias que o mar mais parece uma piscina de tão calmo, a água é transparente e morna (lembrando o litoral nordestino!). E claro, os passeios de barco que saem do centro e percorrem as ilhas da região (uma mais linda que a outra, costumam ser boas pedidas!)

A região ainda te permite outros bate e voltas como conhecer a região da Reserva da Juatinga ou a comunidade de Trindade, famosa pela vibe hippie e que cada dia tem bombado mais. Se puder, evite a alta temporada! Fui para lá em 2015, as praias estavam tão cheias que não tinha direito onde colocar canga e para tudo enfrentamos fila (bem paulistana). Se o que te cativa em Trindade é a energia caiçara, te indico a região da Juatinga com mais de 20 praias.

Veja também: Guia de Paraty: Dicas do que fazer, onde ficar, onde comer e muito mais

Reserva Ecológica Estadual da Juatinga

litoral do Rio de Janeiro

praia de Calhaus, Reserva Ecológica Estadual da Juatinga // Foto por Thaís Carneiro

É para mim uma das regiões mais queridas, mas exige abandono de certos confortos. Existem três regiões mais marcantes: Ponta Negra, Saco do Mamanguá e Pouso da Cajaíba. Cada uma delas, envolve uma série de praias, cachoeiras e mirantes. Conheci a região de Pouso da Cajaíba, em 2015 e passei a virada de 2018, em Ponta Negra. Me falta ainda explorar Praia do Sono e a região do Saco do Mamanguá.

A região é lindíssima e é acessível apenas por barco, lancha ou trilha. Portanto, esqueça o barulhos dos carros, a poluição, os ambulantes nas praias! Por outro lado, você deve abrir mão do uso da internet e cartões, pois o sinal de telefonia é fraco. Recentemente, a energia elétrica chegou em algumas regiões, mas alguns lugares como Cairuçu das Pedras e Saco do Mamanguá não foram atingidos.
É um tipo de turismo mais na pegada mochilão mesmo, apesar de eu ter ficado em casas por lá, saiba que a estrutura é bem simples e você terá que ter bastante cuidado com os insetos, que vêm aos montes. A dica do repelente é a mais importante!

Arraial do Cabo

litoral do Rio de Janeiro

Ilha do Farol, Arraial do Cabo // Foto por Thaís Carneiro

Um dos destinos queridinhos dos viajantes dos últimos anos faz jus aos seus elogios! Chamada de Caribe Brasileiro, como a incrível Maragogi, a cidade é cercada por praias incríveis e recebeu o título de a capital brasileira do mergulho. Isto aumentou a visibilidade da região como destino turístico na região dos lagos, que conta também com Búzios, Cabo Frio, Saquarema e Rio das Ostras como praias lindíssimas.

Prepare-se para enfrentar as águas geladas de Arraial do Cabo! Mesmo no alto verão, as temperaturas são baixas e é comum ver pela cidade a venda de roupas de camisetas de manga longa de neoprene para aplacar a temperatura.

Outra dica é evitar a época do ano novo, em que a cidade fica completamente lotada e os congestionamentos para a visita às praias já começa fora dela. Fui há dois verões e aproveitei para andar bastante pela cidade e fiz quase tudo a pé. Compensa mais do que usar o ônibus coletivo, com tarifas altas para um percurso curto, você acaba dispendendo mais tempo preso nos congestionamentos do que propriamente na caminhada. Vale falar que o Uber, apesar de ter operações bem modestas já está funcionando na cidade, e que alugar um carro é uma boa pedida pra quem se hospeda – ou segue viagem – para Búzios ou Cabo Frio.

Onde ficar em Arraial do Cabo:

Hotéis e pousadas caprichadas

Pousada da Prainha (Prainha):

Uma das opções mais charmosas de Arraial do Cabo com decoração náutica e uma piscininha no centro para dar uma relaxada depois de um dia intenso de praias e passeios. Reserve aqui!

Litoral do Rio de Janeiro

Pousada da Prainha | Foto: Divulgação

Litoral do Rio de Janeiro

Pousada da Prainha | Foto: Divulgação

Méditerrainee (Prainha):

Um desses hotéis de vidro espelhado e sem o menor jeito de praia. O Méditerrainee poderia facilmente se encaixar em qualquer cidade, mas vale falar que é uma boa opção, bem localizado e com uma boa estrutura. Os quartos são bem básicos, mas atendem a proposta do hotel. Reserve aqui!

Litoral do Rio de Janeiro

Hotel Méditerrainee | Foto: Divulgação

Litoral do Rio de Janeiro

Hotel Méditerrainee | Foto: Divulgação

Hotéis com bom custo- benefício

Recanto do Atalaia (Praia Grande):

A típica pousada praiana com quartos bem simples e bem limpos, equipe super receptiva e uma ótima localização. Reserve aqui!

Litoral do Rio de Janeiro

Recanto do Atalaia | Foto: Divulgação

Litoral do Rio de Janeiro

Recanto do Atalaia | Foto: Divulgação

Hostels:

Hostel a Coroa:

Limpo, moderninho, divertido e bem localizado! O Hostel a Coroa conta com quartos privados e coletivos, bikes para alugar e uma pequena piscina. Taí uma opção econômica bem bacana pra quem quer explorar a cidade. Reserve aqui!

Litoral do Rio de Janeiro

Hostel A Coroa | Foto: Divulgação

Litoral do Rio de Janeiro

Hostel A Coroa | Foto: Divulgação

Outras boas opções de hostel em Arraial do Cabo são o Vila Praiana (todo bonitinho com decoração descolada) e o Hostel Caravela (simples porém muito bem avaliado)

Veja aqui mais opções de hospedagem em Arraial do Cabo

Praias de Arraial do Cabo

Se você ama praias como eu, não deixe de conhecer a mais linda que eu já vi na vida: a da Ilha do Farol! Sob diligência da Marinha do Brasil, o acesso a ela é apenas por barco e sujeito à lotação máxima, por isto, prefira um passeio de escuna pela manhã. Dentre as regras de acesso, estão a permanência de até 40 minutos e a proibição de levar alimentos e bebidas ao desembarcar da escuna. As suas águas são calmas e surrealmente cristalinas! Completando o quadro, a areia é fininha e branca. Sério! Quando chegar lá, você vai lembrar da indicação que demos a você! (E claro, na volta não esqueça de passar aqui e nos contar como foi a experiência. Aposto que você vai gostar!)

Outras três praias para se encantar e que ficam dentro da cidade: praia do Forno, acessível por trilha leve ou barco; Prainhas do Pontal do Atalaia, gêmeas separadas pela maré e Praia Grande, gigantesca com seus 40 km de extensão. Uma dica é evitar a Prainha e a praia do Pontal, que lotam com facilidade e você vê de tudo, até mesmo uma galera alugando churrasqueira portátil e redes de descanso para pendurar nas árvores da praia. Vi muvucas surreais na praia do Pontal! Vale a pena caminhar mais um pouco e explorar outras belezas da região, que é de fato, encantadora.

Búzios

litoral do Rio de Janeiro

Praia dos Ossos, Búzios // Foto: Thaís Carneiro

Conhecida pela orla de Brigitte Bardot, a emblemática atriz que alçou a cidade para o mundo, e pela sua internacionalíssima rua das Pedras, Búzios encanta pelas praias. Com águas verde esmeralda e transparentes, ela situa-se a apenas 1h de carro de Arraial do Cabo, favorecendo a circulação entre elas.

Onde ficar em Búzios

Hotéis fofos, pousadinhas charmosas, hostels descolados e muitas opções econômicas para quem viaja com um budget mais apertado; Búzios tem uma rede hoteleira completa, então a minha primeira dica é escolher onde você quer ficar e em seguida procurar um hotel/ pousada/Hostel que tenha a ver com você. Minha dica para uma primeira viagem é ficar na região Humaitá – Praia dos Ossos que é bem central, e te ajuda a acessar as praias da cidade com facilidade; ou pra quem quer ficar em uma boa praia João Fernandes é um opção Top, mas os hotéis por alí são mais caprichados e a praia da Ferradura que tem muitas pousadas charmosas e com bons preços.. Aí vão algumas das nossas pedidas preferidas em búzios.

Hotéis/ Pousadas caprichadas

Casas Brancas Boutique Hotel & Spa – Alto do Humaitá

Quartos amplos confortáveis, ultra bem decorados e com vistas lindas do mar são um dos pontos fortes do Casas Brancas Boutique Hotel, um dos hotéis mais bem avaliados de Búzios. O hotel fica pertinho da praia e o café da manhã é ultra elogiado pelos hospedes. Pedida certeira pra curtir Búzios com estilo. Reserve aqui

Litoral do Rio de Janeiro

Casas Brancas Boutique Hotel & Spa | Foto: Divulgação

Litoral do Rio de Janeiro

Casas Brancas Boutique Hotel & Spa | Foto: Divulgação

Pousada Abracadabra – Alto do Humaitá

Com vistas inacreditáveis e uma piscina de borda infinita perfeitinha, a pousada Abracadabra é uma opção ultra charmosa em Búzios (e juro, a pousada parece dessas páginas de instagram perfeitinhas que todo mundo ama seguir. Ô lindeza). A Pousada Abracadabra possui quartos lindos, confortáveis e bem iluminados e um café da manhã muito elogiado pelos hóspedes. Uma delícia de pousada! Reserve aqui

Litoral do Rio de Janeiro

Pousada Abracadabra | Foto: Divulgação

Ville La Plage – João Fernandes

Não há hotéis pé na areia nem em João Fernandes, nem em João Fernandinha, mas para compensar, o Ville La Plage oferece instalações caprichadas com duas piscinas, um clube de praia com serviço de bar(yep! Você terá que atravessar a rua) e quartos simples porém amplos. Uma boa pedida pra quem quer curtir uma das melhores praias de Búzios sem caminhar muito. Reserve aqui

Litoral do Rio de Janeiro

La Plage | Foto: Divulgação

Litoral do Rio de Janeiro

La Plage | Foto: Divulgação

La Dolce Vita – João Fernandes

Instalações moderninhas com uma piscina linda e vistas caprichadas da praia a La Dolce Vita é uma opção linda e ULTRA bem avaliada em João Fernandes. Quartos amplos e ultra bem iluminados com decoração clean e banheira de hidromassagem. A pousada fica a 250 metros da praia. Reserve aqui

Litoral do Rio de Janeiro

La Dolce Vita | Foto: Divulgação

Litoral do Rio de Janeiro

La Dolce Vita | Foto: Divulgação

Hotéis e pousadas com bom custo benefício

Pousada Akaroa – Ferradura

Instalações bem cuidadas, quartos simples porém aconchegantes e bem limpos, café da manhã elogiado pelos hóspedes e um ótimo atendimento são alguns dos destaques da Pousada Akaroa, uma opção bacana e com um bom custo benefício pertinho da praia da ferradura. Reserve aqui

Litoral do Rio de Janeiro

Pousada Akaroa | Foto: Divulgação

Hotel Doce Mar- Alto do Humaitá

O Hotel Doce Mar tem quartos amplos com decoração bem básica porém confortáveis e piscina gostosa rodeada por guarda-sóis. O café da manhã simples, porém bem gostoso está incluído na diaria. A localização é muito elogiada pelos hospedes. Reserve aqui

Litoral do Rio de Janeiro

Hotel Doce Mar | Foto: Divulgação

Litoral do Rio de Janeiro

Hotel Doce Mar | Foto: Divulgação

Opções econômicas:

Hostel Mundi – Ferradura

Um sobradinho amarelo simpático recebe os hóspedes no hostel mundi, um hostel que possui quartos coletivos e privados, e um café da manhã bem farto. O hostel é um lugar bacana pra conhecer gente, e organiza passeios para outras praias e cidades vizinhas. Reserve aqui

Litoral do Rio de Janeiro

Hostel Mundi | Foto: Divulgação

Veja aqui mais opções de hotéis e pousadas em Búzios

Praias de Búzios

Visitei por duas vezes a cidade e a praia que mais me encantou foi a de João Fernandes, que é ótima para fazer flutuação com suas águas calmas e observar alguns peixinhos. Aproveite a tarde e vá caminhando pela orla até chegar à estátua de Bardot e assim, passará por outras três praias incríveis: Ossos, Azeda e Azedinha. É um daqueles passeios que não dá pra perder. Assim, quando chegar no finzinho da orla, curta o pôr do sol tomando um sorvete à beira mar. Já deu aquela saudade, sabe?

Deixo um alerta: Búzios é uma cidade bem cara. Caminhando pela orla, você verá lojas de grife cariocas e internacionais. Quem viaja com o orçamento mais justo, vale levar comidinhas para a praia e não se deixe levar pelos restaurantes. Eles tomam a faixa de areia com suas cadeiras e taxam um mínimo de consumo, que é um valor consideravelmente alto! O truque é chegar cedo para conseguir bons lugares e curtir um dia gostoso na praia. Quando bater aquela fome, dê preferência aos restaurantes fora da praia. Eles costumam ser bem mais baratos e muitas vezes, a comida é bem mais gostosa.

E aí, curtiu as dicas?

Pronto para se encantar com as praias do Litoral do Rio de Janeiro?

[E claro, se você tiver qualquer dica pra acrescentar neste post, vamos adorar!]


Viaje sem stress

✅ Reserve seu hotel 

Faça seu seguro de viagens 


Veja também: 

Guarde esta dica no Pinterest!

Litoral do Rio de Janeiro

Praia

About author

Thais

Historiadora, estuda mulheres viajantes latino-americanas no século XIX. Criadora do projeto Mulheres Viajantes que visa o empoderamento feminino através da publicação semanal de relatos de mulheres que viajam sozinhas e/ou entre amigas e do Mulheres Viajantes vai às ruas, que propõe o encontro destas mulheres para discutir questões caras às mesmas.

No comments

Veja também

Dicas pra se dar em em Las Vegas

Dicas pra se dar bem em Las Vegas

Dicas pra se dar bem em Las Vegas é um resumão de como aproveitar a cidade de forma econômica e divertida. Veja dicas de hotel, transporte, ...