Sonho que se sonha junto – 5 anos de ideias na mala

“E se a gente montasse um blog?”. Perguntei para uma amiga querida enquanto ela me dirigia para casa. Era tarde da noite, havíamos tomados uns bons goles e nosso leque de assuntos estava bem diverso para uma viagem de carro que não deveria durar mais de dez minutos.

“Um blog, Má? Para que? A pergunta me pegou desprevenida, mas respondi de bate-pronto. “Podemos falar de viagens, restaurantes e arte”. Temas que nós duas curtimos pra caramba. O fato é que eu estava morrendo de vontade de exercitar meu lado criativo, e escrever textos que fossem além de questionários de pesquisa (não me entendam mal, continuo amando os questionários e toda a ciência por trás das perguntas, mas queria tentar algo diferente).

“Muito trabalho.” ela respondeu encerrando o assunto. É, ela estava certa, um trabalho imenso, muito maior do que eu podia imaginar. Mas, sem dúvida, o trabalho mais legal que já tive.

Poucos meses depois comecei a trabalhar nos primeiros posts do Ideias na mala, um compilado melhorado dos emails e roteiros de viagem que eu volta e meia enviava para os amigos. Minha ideia era juntar uns 20-30 posts e publicar tudo de uma vez para já começar o blog com bastante coisa no ar (cá entre nós, blog sem conteúdo não é legal), acabei não publicando tudo de uma vez, mas só comecei a divulgar o blog para os amigos com uns 15-20 posts publicados.

Esse trabalho inicial de formar conteúdo me ensinou duas coisas legais: (1) Gosto de trabalhar com pelo menos duas semanas de posts prontos (ou seja, num mundo ideal tudo o que publico já está escrito há pelo menos duas semanas. Assim durante as viagens ou algum período mais ocupado, tenho um pouco de tempo de sobra antes que o blog fique sem novidade). (2) Percebi o quanto o tema viagens me fascina e como tenho assunto infinito para blogar, queria muito ter umas 4 mãos para digitar tudo o que tenho na cabeça de forma mais eficiente.

Hello World!

Assim, em 28 de agosto de 2010 publiquei o primeiro post do Ideias na mala: um parágrafo bem básico descrevendo o que eu imaginava do blog. Escolhi o WordPress como plataforma por acaso (melhor escolha ever!) e criei o nome Ideias na mala em um brainstorming com amigos.

Primeiro post do Ideias na mala

E começa a diversão!

Imaginem uma criança com um novo brinquedo. Prazer, Marina! Rapidamente o Ideias na mala passou a ocupar boa parte do meu tempo livre (o que muitas vezes significava madrugadas). Eu estava num ritmo insano no trabalho, mas agora que tinha um blog, não podia deixar a peteca cair e tinha que postar.”O tinha que postar”, era a melhor desculpa de todos os tempos para abrir mão de festas meia boca, e programas de índio. Eu simplesmente tinha que postar!

E aparentemente, as pessoas também gostaram do meu brinquedo. O Ideias na mala começou a crescer, e começou a ser lido por amigos, amigos dos amigos, e até mesmo por gente que eu não conhecia! Surreal ver a barrinha de acessos do wordpress subindo, e comentários animados de gente que eu não conhecia.

Família & amigos Onboard

Meu entusiasmo com o brinquedo novo conquistou minha família e os amigos. Meu irmão Marcos começou a analisar os gráficos de acesso – na época puro WordPress Analytics, nada muito sofisticado at all – e me dar insights interessantes. Ele me ensinou que eu não podia simplesmente postar 5 posts no mesmo dia (no caso domingo, oficialmente dia de blog) e deixar o resto da semana sem publicações. Ele estudou e me ensinou como implantar Widgets e outras coisas importantes. (Na época eu só queria saber de escrever!) Hoje ele me dá uma força tremenda com mídias sociais, e visão estratégica para o blog. Sem ele, jamais teria chegado até aqui.

Passeio de barco - Golden Gate Bridge
Esse é o Marcos na sua última viagem para SF

O Gustavo, meu marido, me convenceu a comprar um domínio próprio, e explorar novos templates para deixar o Ideias na mala mais fácil de navegar. Assim que implantei um menu decente no blog, meus acessos triplicaram. Ele também me deu um super apoio quando decidi deixar meu trabalho no Vale do Silício para cuidar do blog em tempo integral. Sem o Gustavo, eu jamais poderia ter transformado o Ideias na mala em trabalho.

Chateau Montelena - Napa Valley
Esse é o Gustavo, meu marido e companheiro preferido de passeio

Minha mãe se tornou minha revisora oficial, tudo o que publico no site passa pelos olhos exigentes da Lia, que apesar de nunca ter me escrito um único post, é uma das grandes responsáveis pelo sucesso do blog. Ela é uma revisora brava, que me põe no eixo quando escrevo abobrinhas (Yep! As vezes acontece) e que não para de sugerir melhorias para o site. Meu pai vibra com cada conquista do blog, e não vê a hora de investir num tradutor para tornar o conteúdo acessível em inglês e espanhol (e eu, fico insistindo que ainda não é a hora :)), e minha irmã menor planeja em escrever em dezenas de posts que raramente saem de papel, e eu aproveito a deixa para pegar no pé dela. (Aninha: estamos esperando seus posts!!!)

Brunch Asiate
Essa é a Lia: Mãe, revisora e companheira de viagens

E os amigos! Quanta gente legal que compartilha meus posts, topa responder minhas perguntas e entrevistas e vibra com cada conquista do Ideias. Adoro ter amigos-colaboradores como a Amanda, Karen e Pedro que volta e meia escrevem textos deliciosos para o Ideias na Mala. Como a Martinha e a Mila que tem me dado uma super força com fotografias nos eventos e passeios de San Francisco! Como a Vera que vive lendo e me enviando sugestões de melhorias para o blog. E como a Gretel e Robin que me ajudaram a -finalmente criar – um mídia kit para o blog. Isso sem falar em todos os amigos que já deram entrevistas ou escreveram textos para o Ideias. Vocês são d+!

Expandindo horizontes: Ideias na mala e a Viajosfera

E quer saber uma das coisas mais legais de blogar? Conhecer pessoas, que assim como eu, também são apaixonadas por viagens! Nos últimos anos conheci – e me tornei amiga – de várias pessoas bacanas da Viajosfera, pessoas fofas que me deram milhões de dicas bacanas para melhorar o blog, e meus textos. São dezenas de pessoas – então não vou agradecer a todas elas para não deixar este post gigante, mas aproveito para deixar meu carinho e meu muito obrigada de coração!

Museu De Young - San Francisc
Essa é a Mirella do Viajoteca, uma das minhas amigas da Blogosfera

No último ano passei a integrar duas associações de blogueiros de viagem a ABBV e RBBV, dois canais bacanas para troca de ideias e de benchmarks que considero fundamentais. O Ideias na mala evoluiu muito por causa dos bons conselhos e sabedorias dessa galera. Muito feliz em ser parte desses grupos!

5 anos de Ideias na mala

E assim, entre tropeços e arremessos o Ideias na mala chega aos seus 5 anos de história e repleto de ideias na bagagem. São mais de 800 posts e milhões de ideias, fotos e inspirações de viagem! Obrigada por serem parte fundamental do meu sonho, sem vocês queridos amigos e leitores, nada disso seria possível!

Obrigada por sonhar com a gente!

Beijos,

Mari Vidigal

E para ficar por dentro de todas as novidades do Ideias na Mala, siga nosso instagram!
[instagram-feed]

Planeje sua viagem

Comentários (10)

Seu blog já virou a minha referência para planejar minha viagem para Califórnia, não fico um dia sem acessá-lo! Parabéns pelos 5 anos, desejo muito mais sucesso!
Mês que vem estarei por aí e quem sabe não me empolgo e escrevo sobre a minha experiência?

Beijos

Oi Mara,
Feliz que o Ideias está ajudando a planejar a viagem!
Adore publican seus relatos na volta!
Beijos e aproveite a viagem,
Mari

Parabéns, Mari. Sim, é verdade que dá muito trabalho, a gente trabalha em frente ao computador mais horas do que devia mas, no final, somos felizes. Não é isso o mais importante? 🙂 Continuação de muito sucesso para você e o seu Ideias na mala.
Beijo desde Portugal.

Muito Obrigada Filipe!
Beijos

Parabéns, Mari! Conheci o Ideias na Mala nem tem tanto tempo, mas por causa do #198livros a afinidade foi imediata! Olha, fiquei até com inveja da sua dedicação, viu? Parabéns, mesmo! E também do apoio da família. A minha só lê algum post meu quando eu obrigo. rsrs O meu continua sendo só um lazer, mas sei muito bem como é dedicar todo o tempo livre ao blog. A verdade é que dá trabalho, mas é uma delícia! Acho que a gente vicia, isso sim!

Ah! Vou aproveitar para dar uma dica, na verdade um pedido sobre o layout! Coloca aqui aquela opção de recebermos as respostas dos comentários no email? =)

Beijos! E vida longa ao blog!

Oi Camila,

Obrigada pelo comentário fofo e pelo carinho. Adoro o Viaggiando e seus posts! Te conhecer, foi uma dos presentes legais que o Ideias na mala me rendeu! E sim, apoio da family e dos amigos foi essencial!
Preciso MUUUUITO descobrir como habilitar essa opção das respostas dos comentários. Você sabe como fazer isso?

Beijos e orbrigada,
Mari

Adorei seu Blog! Com tempo vou visitar mais posts, já vi que tenho muita coisa interessante prá ler! Espero que meu Blog tb possa chegar lá, um dia! Sei quanta dedicação e transpiração isto demanda!! sucesso e parabéns!!!!

Oi Deborah,
Obrigada pela visita! É um trabalhão mesmo, mas vale a pena né?!
Beijos,
Mari

Ai Mari… que texto mais que gostoso! Só quem bloga sabe das delicias que é essa prática e trabalho!!!
Você foi um presentão que a blogosfera me rendeu!!!!
Sucesso ao Ideias e muitas viagens e encontros pra nós!!!!

Amei nossa fotinho no post! 🙂 🙂 🙂

bjoooooooooo

Obrigada pela visita, pela amizade e pelo comentário fofo. Uma delícia conhecer tanta gente bacana como você.

Beijos

Deixe o seu comentário