20 lugares para comer bem em Nova York

Saiba onde comer bem em Nova York, uma lista com mais de 20 restaurantes, cafés, mercados e empórios para você aproveitar sua estadia em NYC ao máximo e mergulhar na gastronomia da cidade. Vem comigo?

Dicas de restaurantes em Nova York

Para mim, que sou gulosa, pensar em Nova York e não pensar em comida é quase um crime! Comi tão bem e em tantos lugares legais durante essa minha última estadia na cidade que não poderia deixar de recomendar meus cantinhos preferidos.

Como a lista é grande, preparei um menu clicável dividindo as dicas por categorias. Se você preferir ir direto para algum deles, basta clicar nos itens abaixo:

Preparado para ficar com água na boca?

Restaurantes descolados

O Brunch do Asiate: imperdível!

Asiate, o restaurante do Mandarin Oriental de Nova York (80 Columbus Circle) tem vistas espetaculares do Central Park e um dos brunchs mais caprichados da cidade. O menu de 4 pratos (você poderá escolher a entrada, o prato principal e a sobremesa) é uma verdadeira tentação. Os pratos são lindos, gostosos e o ambiente é espetacular. Veja essa experiência em detalhes nesse post.

Brunch Asiate - Nova York
Peito de pato defumado servido com gel de cenoura e pedacinhos de brioche e do lado direito: polvo espanhol com batata e Aioli.
Brunch Asiate - Nova York
Creme de cogumelos
Brunch Asiate - Nova York
Bacalhau Nórdico acompanhado de Purê de alcachofra, Espinafre Baby e Caldo de Capim Limão
Brunch Asiate - Nova York
Mousse de chocolate com caramelo servida com creme de baunilha

Maison Premiere

Para quem quer sair do agito de Manhattan, o cada vez mais badalado Brooklyn tem diversas opções bacanas, como fofíssimo o Maison Premiere (298 Bedford Ave). A especialidade da casa são as ostras e os drinks de absinto (falando em drinks, nunca vi tanto drink lindo em um mesmo lugar, dá vontade de pedir todos), mas não pedi nem um, nem o outro. Ainda assim me dei bem!

Comecei o jantar com uma porção de vieras com bok choi. Olha só que belezura!

Comer Bem em Nova York
Vieiras com Bok choi

Arrematei com um fillét de bacalhau hiper macio com cogumelos paris gratinados com queijo servidos sob redução de tomates e cama de espinafre. Bem diferente e muito gostoso.

Comer Bem em Nova York
Bacalhau com cogumelos

E finalizei com o melhor drink da viagem (se chamava Rosetti). Olha só que lindeza!

Comer Bem em Nova York
Sente só que drink mara

Bar Pitti: um Italiano descolado que os famosos adoram

Para quem curte comida italiana o badalado (e sempre cheio) Bar Pitti (268 Ave of the Americas) é uma ótima pedida. A casa não aceita reservas e nem cartões de crédito, o serviço é bem meia boca, mas a burrata é divina, as massas são hiper caprichadas (e muito saborosas) e a Panacota merece um post só para ela de tão deliciosa (macia, cremosa e servida com calda divina de chocolate quente). Vá e peça a panacota por mim. Veja todos os detalhes dessa experiência nesse post.

Panacota do Bar Pitti - Nova York
Panacota do Bar Pitti

Medi: Um Wine Bar fofíssimo

O Medi (811 9th Ave) é um desses cantinhos charmosos adorados pelos Nova Iorquinos. Um lugar legal para um almoço descontraído ou para um happy hour no final da tarde. A carta de vinho é incrível e o terraço ao ar livre faz o maior sucesso nos dias quentes. Veja todos os detalhes da experiência no Medi nesse post.

Bar do Medi - Nova York

Para comer nós pedimos a salada de fraldinha e um salmão com molho de limão. Ambos incríveis!

Medi - Nova York
Salada de folhas com fraldinha
Medi - Nova York
Salmão com molho de limão

The Grey Dog

Procurando um bom lugar para tomar café da manhã perto de onde eu estava hospedada, achei o The Grey Dog, um restaurante charmosíssimo que fica em West Village (49 Carmine St). Achei os preços super honestos para o brunch – os pratos não passam de $15 e são muito bem servidos.

Pedi um croissant recheado com presunto, ovo e queijo, que veio acompanhado de batatas e estava delicioso. A economia também está aí: quando você toma um café da manhã desses, provavelmente só vai voltar comer à noite! Foi o que aconteceu comigo!

Brunch do The Grey Dog, no West Village| Imagem: Danielle Barg

Restaurantes turísticos

Aí vão três bons restaurantes em lugares bem turísticos de Manhattan. Ambos são gostosos, mas não estão entre meus preferidos da cidade. Valem pelo ambiente e pela experiência!

The Loeb Boat House

De todos os restaurantes turísticos de Manhattan, o The Loeb Boat House (E 72nd St) era o que eu mais queria conhecer e o que eu mais gostei. Começando pela vista espetacular de um dos lagos mais lindos do central Park.

Como chegamos no finalzinho da tarde vimos o anoitecer e as luzes da cidade se acendendo. Achei ultra romântico e fiquei morrendo de vontade de voltar com o Gustavo.

Comer Bem em Nova York
Olha só que linda a vista! Fiquei com vontade de voltar no almoço!

E a comida também surpreendeu, comi uma lagosta recheada divina, acompanhada de uma saladinha bem pobrinha de milho com abobrinha. Ignorando a salada, a lagosta estava ótima.

Comer Bem em Nova York
Lagosta recheada

Bryant Park Grill

O The Grill (25 W 40th St) fica no Bryant Park, sede da biblioteca Bryant e um dos parques mais animados de Manhattan. Com um ambiente incrível, decoração interna modernosa, bar caprichado e uma área externa hiper disputada, o The Grill é sem dúvida uma opção bacana para o final da tarde.

The Grill - Nova York Para comer pedi um confit + peito de pato, que estava gostosinho porém nada surpreendente. Valeu pela experiência, mas eu se fosse você pediria outro prato (a chance de ser melhor que o meu é alta)!

The Grill - Nova York
Peito + Confit de pato com abóbora, espinafre, aspargos e bolinhos de bacon canadense

Tony’s di Napoli

Agora vamos para uma boa opção para grupos grandes, especialmente os formados por pessoas famintas! Explico: o Tony’s di Napoli é, na minha opinião, aquele restaurante que tinha tudo para dar errado.

Localizado no coração da Times Square (147 West 43rd Street), ele poderia se encaixar naquela clássica categoria “pega turista”. Só que o que eu gosto do Tony’s é que a comida é honesta e o preço é bem ok. Fomos em seis pessoas e gastamos 25 doletas por cabeça comendo massa, bife à parmegiana e tomando cerveja geladinha.

Fome e cansaço combinam com mesa farta: os pratos do Tony’s são boas pedidas | Imagem: Danielle Barg

Não espere comer o prato mais inesquecível da sua vida, mas o ambiente é agradável e acolhedor. Além da unidade da Times Square, você encontra outro restaurante no Upper East Side (1081 3rd Avenue).

Restaurantes para comer rápido

Nom Wah Tea Parlor: Dim Sums deliciosos em China Town

Dá pra comer bem na China Town de Nova York? Opa! Especialmente se você gosta de Dim Sum. O Nom Wah Tea Parlor (13 Doyers St) tem Dim Sums deliciosos e é uma excelente pedida para que está viajando de galera já que quanto mais gente na sua mesa, mais variedades você conseguirá provar. Quer saber mais sobre esse restaurante? Veja esse post!

Dim Sum no Nom Wah Tea Parlor
Dim Sum no Nom Wah Tea Parlor

Experimente o Egg Roll (rolinho de ovo, uma versão gigante do nosso rolinho primavera) e os Pork Buns (pãezinhos recheados com carne de porco).

Comer Bem em Nova York
Dim Sum de camarão

Adrienne’s Pizza Bar

O Adrienne’s Pizza Bar (54 Stone St) é tido como uma das melhores pizzas de Nova York (e a pizza é boa mesmo, mas não chega no padrão das pizzas de São Paulo). Vale pela velocidade, pelo preço e pelo ambiente. O Adrienne’s fica na Stone St. uma das poucas ruas de pedra que restaram no centro financeiro de Nova York. A rua é apertada, escondida, porém hiper charmosa (veja como as casinhas do lado de trás lembram as construções da Holanda ou Bélgica)

Comer Bem em Nova YorkAlém da Pizza quadrada, o Adrienne’s é um lugar hiper bacana para tomar drinks no final da tarde, perfeito para casar com uma visita ao centro financeiro de Nova York.

Shake Shack

Bora falar de hambúrguer bom? O Shake Shack é uma rede bastante conhecida por aqueles que não dispensam um fast food “de responsa” ao pisar nos Estados Unidos. O lanche é um pouco pesado, mas super gostoso. A batatinha frita tem um formato todo especial e, se você quiser cobertura de queijo, certamente não vai se arrepender! É daquelas indulgências que estão liberadas nas férias e que fazem valer cada mordida!

onde comer em ny
Se você é fã de hambúrguer, não pode deixar o do Shake Shack passar batido | Imagem: Danielle Barg

Eles se orgulham de usar bons ingredientes, como bife Angus sem a presença de hormônios ou antibióticos. Os lanches custam, em média, $8.

Tem várias unidades espalhadas em Manhattan, encontre a mais próxima entrando no site.

Five Guys

O Five Guys é uma rede de fast food americana tão tradicional que até o ex-presidente Barack Obama já deu as caras em uma das unidades de Washington D.C.

O local pode ser considerado aquele “podrão que você respeita” – é uma bagunça, uma gritaria, está sempre lotado, mas, no fim, todo mundo se entende e sai satisfeito! Ao entrar você não bota uma fé que vai ter seu lanche nas mãos rapidamente e, de quebra, conseguir um lugar pra sentar. Mas acredite: acontece!

Os hambúrgueres são bem grandes, especialmente a versão “all the way”, que vem com alface, maionese, picles, mostarda, tomate, cogumelo e cebola grelhados e catchup (confissão: foi a que eu pedi). E essa é a parte mais legal do Five Guys, você pode complementar o seu sanduíche com um, dois ou todos esses itens acima e o preço é absolutamente o mesmo. E claro, com toda essa costumização, dá pra saber direitinho que os sanduíches são feito nas hora.

onde comer em ny
Five Guys: um caos que, surpreendentemente, dá certo! | Imagem: Danielle Barg

A batata média é gigante, então, uma dica: serve duas pessoas. O refri é no esquema refil, ou seja, se está com a grana curta, compre o grande e divida entre a galera que está com você. Consulte o site para ver as localizações, tem em diversas áreas!

Mercados gastronômicos e empórios

Eu não poderia falar de comer bem em Nova York sem mencionar os mercados gastronômicos e empórios hiper descolados espalhados pela cidade. Quer ver?

Chelsea Market

Chelsea Market é um mercado indoor com dezenas de opções de restaurantes, padarias, cafés e stands de comida variados. Tem muita coisa gostosa e a graça é olhar tudo com calma. Seja para tomar um café da manhã repleto de pães gostosos no Amy’s Bread, (tem tanta coisa boa!) comprar especiarias diversas, tomar um lanchinho da tarde repleto de frutas coloridas ou provar a famosíssima lagosta do The Lobster Place, o Chelsea Market merece pelo menos uma visita durante sua estadia em Nova York – e eu se fosse você iria de estômago vazio.

Comer Bem em Nova York
Carangueijo gigante no The Lobster Place
Comer Bem em Nova York
Amy’s Bread
Comer Bem em Nova York
Especiarias no Chelsea Market

Gansevoort Market

O Gansevoort Market (52 Gansevoort St) é um grande galpão descolado repleto de pequenos stands de comida variada, uma profusão de cheiros e sabores vindos de todos os cantos do mundo: tem comida italiana, mexicana, japonesa, doces variados e muito mais.

Comer Bem em Nova YorkComo os stands são baixinhos você poderá ver as diferentes opções, escolher o que te apetece e devorar tudo em uma das mesinhas coletivas fofinhas, em uma das extremidades do mercado. O legal é que cada um pode escolher seu prato preferido e todo mundo come junto, um esquema de “praça de alimentação de shopping” – só que com muito mais estilo.

Comer Bem em Nova York
Praça de alimentação: olha só que lugar gostoso.

Di Palo’s Fine Foods: para uma cesta de piquenique impecável

O Di Palo’s ( 200 Grand St) é um dos empórios mais tradicionais da Little Italy, e um lugar dos sonhos para quem curte queijos e frios. Tem muita coisa gostosa e o atendimento é hiper personalizado.

Minha dica: encha a cesta de piquenique ou prepare um queijos e vinhos inesquecível no seu hotel com queijos deliciosos e frios especiais. Tem muita coisa boa, e você poderá experimentar e descobrir novos sabores antes de fazer as compras. E cá entre nós, em tempos de dólar nas alturas, um piquenique caprichado saí bem mais barato que um jantar e é tão gostoso quanto! Aproveite e se esbalde!

Di Palo's Fine Foods
Queijos & Salames como parte da decoração do Di Palo’s Fine Foods

Chás, cafés e iogurtes

O Iogurte dos sonhos da Greecologies

O Greecologies (379 Broome St, New York) é uma das minhas paixões Nova Yorkinas, um bar de iogurtes (e outras comidinhas naturebas) que vai deixar qualquer apaixonado por iogurtes alucinado. Fiquei encantada com a cremosidade e o sabor intenso dos iogurtes que podem ser combinados com mel, castanhas variadas, frutas frescas e geléias deliciosas produzidas por eles.

Greecologies - Nova YorkAmei o iogurte, fiquei encantada com o sabor intenso e hiper diferente da geleia de rosas (trouxe um pote comigo pra casa) e não vejo a hora de voltar. Recomendo muito. Veja detalhes da experiência do Greecologies nesse post.

Once Upon a tart: docinho & limonada

Com tortas deliciosas e limonadas hiper refrescantes, o Once Upon a Tart é um café estiloso que conquistou meu coração. Passei por lá rapidinho e adoraria voltar com mais calma para experimentar mais docinhos. A torta de maçã é crocante e com fatias finíssimas da fruta e doce na medida.

Torta de Maça - Once Upon a Tart
Torta de maçã

A limonada de morango com um toque de hortelã desceu redondinha. Teria tomado umas três, fácil.

Bubble Tea na Tea Ren’s

E, falando em drinks refrescantes, aí vai uma dica bem legal: O Tea Ren’s Tea Time (73 Mott St.) na China Town tem uma variedade maravilhosa de bubble tea e chás variados. Uma delícia!

Bubble Tea de Lichia - Ten Ren's
Bubble Tea

Ferrara Bakery

O Ferrara Bakery (195 Grand St.) é um café italiano hiper tradicional, um lugar bacana para comer cannolis recheados e tortinhas de frutas acompanhados de um autêntico café Latte. O café é uma parada legal para qualquer horário do dia.

Vitrine de doces do Ferrara Café
Vitrine de doces do Ferrara Café

Docerias

E, para fechar a seleção de comilanças, vamos a minha parte preferida: doces!

O famoso cupcake da Magnolia’s Bakery

Começando a seleção de doceiras pelo famoso cupcake da Magnolia’s Bakery (401 Bleecker St e outros dois endereços) que é bem mais macio e gostoso do que eu esperava (não sou a maior fã de cupcakes do mundo). Escolhi um bem tradicional: massa branca com cobertura e chocolate, e para minha surpresa, adorei. Adorei a leveza da massa e a cremosidade da cobertura, bem doce porém zero enjoativa. Vale a parada e uma fila pequena (não espere mais de 15 minutos, porque aí já é forçar a barra)!

Comer Bem em Nova York

Stick with me: pra colecionar (e devorar) caramelos

Caramelos puxa-puxa, trufas multi coloridas, bolos em miniatura e caixinhas fofíssimas de confeitos, são algumas das delícias dessa loja dessa pequena doceria, a Stick with me (202 Mott St.). Uma dica bacana para comprar lembrancinhas de viagem e para adoçar a vida durante as andanças por Nova York.

Comer Bem em Nova YorkComece provando os caramelos. Puxa-Puxa, desses que grudam no dente, mas são tão bons que não te deixam brava. Peça logo um saquinho cheios deles.

Comer Bem em Nova YorkEm seguida, mergulhe no mundo das trufas. Elas são caras, mas bem gostosas. Prove pelo menos uma. Eu adorei a de maracujá com gergelim.

Comer Bem em Nova YorkNão, não experimentei esses bolos fofos mas não podia deixar de postar uma foto. São lindos, não são?! Ficou para a próxima!

Aux Merveilleux de Fred

Conheci a Aux Merveilleux de Fred (37 8th Ave) por acaso. Passei na frente e me deparei com esta cena:

Comer Bem em Nova York
Impossível resistir, tive que entrar e descobrir o que era esse doce super diferente.

Os “merveilleux” são pequenas torres de merengue e creme com coberturas variadas.

Comer Bem em Nova YorkA vitrine estava tão bonita que pedi a sugestão do chefe antes de optar pelo “Incroyable”, uma mistura de merengue com speculoos e chocolate branco. Gostoso, macio e bem diferente!

O tal do Billy’s Cupcake

Outro cupcake que fiz questão de provar foi o do Billy’s Cupcake (75 Franklin St) recomendado pelo Ric Freire do VnV nesse post.

Comer Bem em Nova York
Cupcake de Smore’s

Comi um cupcake de Smores (combinação de chocolate, biscoito e marsmallow) que estava gostoso, mas não me surpreendeu. Curti o sabor intenso, menos doce e mais focado no paladar adulto – mas já provei outros cupcakes de Smores muito melhores que esse. Acho que não fui tão feliz na escolha do sabor e fiquei com vontade de voltar para provar outro.

não esqueça do seguro viagem!

Se esse post te deixou com “água na boca” e ansioso para viajar para Nova York não se esqueça de contratar o seu seguro viagem antes de embarcar nessa! É bem verdade que o a contratação de seguro não é obrigatória para a sua entrada em solo americano, mas vai por mim, jamais viaje sem!

Você já deve ter ouvido falar que qualquer atendimento médico ou emergência, por mais simples que possa ser, tem custos altíssimos na terra do tio Sam – mas nada que um seguro com boa cobertura não resolva!

Eu não coloco meus pés pra fora de casa sem um seguro que cubra, além das emergências médicas, eventuais extravios de bagagem, cancelamento de voos, entre outros. E digo mais, também não perco tempo pesquisando não, eu entro no site da Seguros Promo, uma empresa brasileira que funciona como um comparador de seguros, buscando os melhores custos benefícios do mercado.

Quer um desconto?
Insira o código IDEIASNAMALA5 e ganhe até 10% de desconto na compra do seu seguro viagem!

E aí, curtiu as dicas de onde comer bem em Nova York? Tem mais alguma sugestão? Deixa nos comentários!


Veja outros textos de Nova York no Ideias na Mala:


Para ficar por dentro de todas as novidades do Ideias na Mala, siga nosso Instagram!

Guarde este post no Pinterest!

comer em ny

Planeje sua viagem

Comentários (7)

[…] Onde comer bem em Nova York – 20 dicas imperdíveis […]

Segui a dica do Bar Pitti e realmente é tudo Oq vc descreveu…massa fantástica e a sobremesa maravilhosa (tb pedimos a panacota)…valeu muito…obrigada…

Oi Raquel,
NOSSAAAAAA, seu comentário me deixou com um SUPER desejo de comer a panacota. Rs
Obrigada pela visita,
Beijos

Alerta: não ver esse post antes do almoço.
Esse post não é recomendado para pessoas com fome!

Já estou anotando as dicas! =)

Ahahahaha. Que fofa!
Obligada pela visita
Beijos

Deixe o seu comentário