Califórnia de carro: o roteiro da Thaisinha

A @ThaisinhaAmorim acabou de voltar da Califórnia, ela fez uma viagem de 15 dias de carro incluindo lugares incríveis como San Francisco, Yosemite Park, Los Angeles e uma versão super express da viagem pela Highway 1. Nesse post, a Thaisinha divide com a gente o roteiro dela, dicas do que deu certo, e do que deu errado. Um relato bem humorado, e repleto de fotos caprichadas. Bora viajar com a Thaisinha?

Texto e imagens: Thaisinha Amorim

Roteiro Resumido

  • Dia 1: Saída de São Paulo
  • Dias 1-5: Los Angeles
  • Dia 6: San Diego
  • Dia 7: San Diego – Yosemite (dormindo em Mariposa)
  • Dia 8: Yosemite
  • Dia 9: Yosemite – San Francisco
  • Dias 10-11: San Francisco
  • Dia 12: Napa Valley
  • Dia 13: Napa Valley – Monterey
  • Dia 14: Monterey – Los Angeles (pela Highway 1)
  • Dia 15: Los Angeles

Highlights da viagem:

  • Yosemite Park: O Yosemite foi a experiência mais incrível, mais diferente e mais maravilhosa da viagem. Quero voltar assim que possível
  • Estúdios Warner (Los Angeles): Achei que fosse ser bacana mas foi MUITO melhor!
  • Castelo di Amorosa (Napa Valley): Apesar do preço salgado valeu muito a pena, o tour é ótimo! Voltaria com certeza
  • Highway 1 (Estrada que liga San Francisco a Los Angeles pela costa): Uma viagem de carro maravilhosa!
  • Venice Beach & Santa Monica: Muito bacana ver que tudo aquilo o que vemos nos filmes e seriados é real. A praia, os piers, a vibe das pessoas é demais!
Califórnia de carro
Yosemite Park

Roteiro Detalhado:

LOS ANGELES

Saímos de São Paulo pouco antes da meia noite do dia 8 de agosto. Adoro vôo noturno porque dá para dormir no vôo e aproveitar mais o primeiro dia no destino final!

Dia 1: Chegada em Los Angeles, calçada da fama e Madame Tussauds

Chegada em Los Angeles

O aeroporto de Los Angeles (LAX) é muito grande, mas bem organizado e sinalizado. Alugamos um carro online (promoção incrível da Decolar) um mês antes da viagem, então só tivemos o trabalho de ir até a locadora Alamo e pegar o carro.

Todas as locadoras de carros ficam fora do aeroporto de Los Angeles (LAX) e para chegar nelas é só pegar o shuttle gratuito na porta do aeroporto. Chegando lá, pegamos o carro e fomos direto para o hotel deixar nossas coisas.

Madame Tussauds

Depois de deixarmos as coisas no hotel fomos para Hollywood, direto para o museu Madame Tussauds , um museu de bonecos de cera quase perfeitos com dezenas de personagens famosos de Holywood (compramos os ingressos antecipados online por $22,45 sendo que na hora custa $29,95). Foi bacana, eu nunca tinha ido em nenhum Madame Tussads e achei que  valeu a experiência!

Califórnia de carro
Madame Tussauds

A Calçada da Fama

Depois disso, demos uma volta pela Calçada da Fama, entramos em muitas lojinhas com precinhos ótimos e na volta para o hotel passamos no Target (um supermercado ótimo) para comprar comidinhas e snacks para os próximos dias!!

Dia 2: Beverly Hills e observatório Griffith

No nosso segundo dia em Los Angeles, passeamos em Beverly Hills. A Rodeo Dr. é realmente maravilhosa e nos deparamos com cada figura que era impossível não se divertir! O dia estava muito lindo, quente e aproveitamos para andar bastante por lá.

Califórnia de carro
Beverly Hills

Almoçamos na Burger Lounge, uma lanchonete deliciosa com pão e queijos orgânicos, adoramos!!

Observatório Griffith

Em seguida, fomos para o Griffith Observatory (ainda bem que levei uma blusa, pois lá no alto venta muito e fez um pouco de frio). Paramos o carro no estacionamento, e subimos a pé. A vista é de cair o queixo, e durante o pôr do sol, fica ainda mais bonito. Sentamos na lanchonete e ficamos horas admirando a paisagem! A noite, voltamos para o hotel e comemos por lá mesmo!

Califórnia de carro
Pôr do sol visto do alto do Griffit Observatory

Dia 3: Disneyland

No terceiro dia, fomos até os parques da Disney, cerca de 15 min do nosso hotel, bem pertinho!  O estacionamento custa 17 dólares, mas pegamos um caixa super animado e bonzinho, que quando fomos pagar, não aceitou o dinheiro e nos deixou entrar sem pagar, achamos até estranho!! Mas ficamos felizes com o presente, estacionamos sem problemas e fomos para o parque!

Califórnia de carro
Disneyland : Castelo da Bela Adormecida

A Disney da Califórnia tem dois parques diferentes: A Disneyland (uma versão menorzinho do Magic Kingdon de Orlando) e o Disney California Adventure Park (um parque com brinquedos mais radicais que meu namorado adora, mas que não sou muito chegada). Ao comprar o ingresso, optamos por visitar os dois parques no mesmo dia e foi bem legal.

Califórnia de carro
Disneyland: Roda gigante do Mickey
Califórnia de carro
Sorvete do Mickey!

Como já estive na Disney da Flórida achei os parques, e o castelo da Bela Adormecida MUITO menores que os de Orlando mas tanto o encanto quanto a diversão se mantém. Outro diferencial bacana da Disneyland é a roda gigante do Mickey que eu adorei.

Ficamos o dia todo na Disney e antes de voltar para o hotel passamos em algumas lojas de departamento que não resistimos e sempre encontramos coisas bacanas e baratinhas!

Dia 4: Outlet de Camarillo

No dia seguinte fomos ao outlet de Camarillo, não achei que valeu a pena. Primeiro porque era próximo de Santa Barbara (e faria sentido incluí-lo com a Highway 1 e não como Bate-e-volta de Los Angeles. Como minha internet não estava funcionando bem nesse dia, então perdemos a noção de proximidade). Segundo, porque os preços não estavam tão bons quanto eu esperava. O Outlet é enorme e tem uma boa variedade de lojas.

Santa Monica

Saindo do outlet, paramos em um Ihop (International House of Pancakes, um restaurante de rede bem prático) para almoçar e seguimos para Santa Monica! Passamos a tarde toda por lá. Caminhamos pela praia e pelo píer, fomos até a roda gigante, ouvimos música e curtimos todas as atrações do Píer! Fiquei totalmente apaixonada por Santa Monica,  adorei os bares próximos a pista de corrida e bicicleta. Tem até onde alugar bike para quem quiser dar uma volta por lá!

Califórnia de carro
Santa Monica – California

Veja também: um passeio de bicicleta por Santa Monica.

O melhor de tudo é ver que aquele pôr do sol realmente existe! Que coisa mais maravilhosa! Jantamos no Bubba Gump, no Píer  de Santa Monica mesmo. Nós amamos o Bubba Gump, e vamos sempre que encontramos um pelo caminho. Assim, em Santa Monica, e com o visual do píer, não poderia ser diferente.

Califórnia de carro
Jantar no Bubba Gump

Critério de escolha dos hotéis dessa viagem

Como sabíamos que nossa viagem pela Califórnia seria muito corrida (e o foco da viagem era conhecer o máximo possível) optamos por hotéis mais simples e com bom preço). Ficar no hotel definitivamente não era uma prioridade para essa viagem.

Hotel em Los Angeles e o trânsito (infernal) da cidade

Ficamos hospedados nas aforas de Los Angeles, num hotel chamado Howard Johnson Buena Park. Sofremos bastante com o trânsito. E se pudéssemos voltar atrás, teríamos investido um pouco mais e ficado em Santa Monica. Assim, se você pretende se hospedar em áreas mais afastadas, como nós fizemos, prepare-se para pegar trânsito e planeje uma boa janela entre uma atração e outra!


Dia 5: Estúdios da Warner e Universal Studios Hollywood

Quinto dia em Log Angeles, fomos até os estúdios da Warner (peguei todas as dicas desse passeio aqui no Ideiasnamala) e foi muito melhor do que eu esperava! Fizemos o tour das 8.30 da manhã. Conhecemos os sets de gravação de vários filmes e alguns seriados, foi incrível! Sem contar o museu do Batman e do Harry Potter, com figurinos, carros e peças que foram usadas nas gravações.

Califórnia de carro
Estúdios da Warner – LA

Outra experiência bacana foi sentar no sofá de Central Perk de Friends!! Enlouqueci, valeu a pena casa centavo! Compramos os tickets com antecedência pelo site da Warner e fizemos o Studio Tour ($62,00). O tour pode ser guiado em inglês ou espanhol (você seleciona sua preferência no momento da compra).

Universal Studios

Saímos dos Estúdios Warner e fomos para o parque da Universal Studios (como eles ficam bem próximos um do outro, a logística foi ótima.) O parque também é menor que os da Flórida, mas vale a visita! Destaque pelo tour nos sets de filmagem (uma exclusividade do Universal Studio Hollywood) e para as atrações King Kong e Velozes e Furiosos!

Califórnia de carro
Universal Studios LA

SAN DIEGO

Dia 6: Los Angeles – San Diego

Newport Beach

No sexto dia, fizemos nosso checkout do hotel por volta de 9 da manhã e dirigimos sentido San Diego. No caminho, fizemos uma parada em Newport Beach, que por causa do seriado The O.C, queríamos muito conhecer. Passamos uma horinha caminhando pela cidade e olhando os surfistas no mar. Newport Beach é maravilhoso, infelizmente, ainda tínhamos muita estrada pela frente, então seguimos viagem.

Califórnia de carro
Newport Beach
Califórnia de carro
Newport Beach
Califórnia de carro
Surfistas em Newport Beach

Chegada em San Diego & Jogo da NFL

Chegamos em San Diego por volta de 2:30 da tarde, e fomos para o hotel deixar nossas malas. O grande objetivo desse pedaço da viagem era assistir o jogo da NFL (Liga National de Futebol Americano), assim pegamos um hotel bem próximo ao Qualcomm Stadium, o Days Inn. O hotel não era muito bacana e tinha cheiro de cigarro. O trânsito próximo ao estádio já era intenso, e descobri com um amigo que mora em San Diego que os americanos são chegados num “pré jogo”, o famoso esquenta dos brasileiros e por isso costumam chegar nos arredores do estádio, bem antes do jogo! Como o Pré Jogo é feito no estacionamento ou nos bares ao redor do estádio, o trânsito já estava bem parado.

O jogo começava às 19hrs, e ficamos com medo de sair para passear e não conseguir voltar a tempo para o jogo! Fomos em algumas lojinhas perto do hotel e voltamos a tempo de tomar banho e ir para o jogo! Saímos do hotel às 18:10, segundo o Waze, estávamos a 7 min de distância do estádio, mas o trajeto levou 1:10. Muito trânsito e estacionamento lotado! Tivemos que estacionar o carro a quase 1km da entrada!

[Pitaco da Mari: Jamais dirija para um jogo, vá de transporte público, a pé ou de táxi. O trânsito é insuportável e o preço dos estacionamentos quase nunca vale a pena.]

Eu particularmente não entendo nada de NFL, e mudamos a rota da nossa viagem só por conta desse jogo. Alexandre é viciado e queria muito ver ao vivo e esse jogo era o único na Califórnia nos dias que estaríamos lá. O jogo foi Dallas Cowboys x San Diego Chargers. Adoramos, estádio lotado experiência incrível, assistiria muitos outros, mesmo sem entender muito rs!!

Califórnia de carro
Jogo de futebol americano -NFL em San Diego

YOSEMITE PARK

Dia 7: San Diego – Yosemite

Sétimo dia de viagem. Acordamos cedo e seguimos para o  Yosemite Park. O lugar que mais queríamos conhecer em toda a viagem! Não conseguimos reservar hotel dentro do parque nem com 3 meses de antecedência, então caso planejando ir para Yosemitte reserve o hotel o quanto antes. Tivemos que nos hospedar em Mariposa, cerca de 40 min do parque. Esse foi um ponto desfavorável, mas nem por isso desanimamos.

Califórnia de carro
Dirigindo pelo Yosemite Park

De San Diego a Mariposa demoramos 8 horas de carro, contando o tempo que paramos para comer. Cansativo, mas uma das estradas mais lindas que eu já vi, saímos da Costa da Califórnia para chegar no centro do estado, um lugar repleto de pedras gigantescas e montanhas. Chegamos em Mariposa exaustos, fomos para o hotel deixar as coisas e demos uma volta rápida pela cidadezinha. Bem estilo country e muito charmosa.

Dia 8: Yosemite Park

Mariposa Grove fechado

A expectativa da viagem estava nesse dia!  Saímos por volta de 7.30 do hotel e decidimos entrar no Yosemite Park pela Mariposa Grove, o bosque das Sequoias gigantes, mas quando chegamos na entrada do parque descobrimos que a parte das Sequoias estava fechado para restauração! Ficamos tristes, mas não desanimamos, continuamos viagem naquele paraíso!

[Pitaco da Mari: O Yosemite tem dois outros bosques de Sequoia. Veja todos os detalhes nesse post]

Califórnia de carro
Tunnel View – Uma das vistas mais lindas do YosemitePark

Entrada no Yosemite Park

A entrada no Yosemite custa $30 dólares e vale por até uma semana. Logo na entrada, os rangers te avisam que é proibido deixar comida ou qualquer produto cosmético com cheiro (Baby Wipes, Desodorante, Perfume e etc…) no carro porque o cheiro chama a atenção dos ursos. E os ursos sabem muito bem como destruir um carro [E de quebra você terá que pagar uma multa imensa]. Não tivemos problemas com ursos, mas adoraria ter visto um!

Califórnia de carro
Yosemite Park

O plano era não ter planos: e funcionou!

Existem mil opções de trilhas, acho que voltaria para ficar de 4 a 5 dias nesse paraíso. Optamos por não ter um roteiro planejado e fomos dirigindo e parando sem grandes planos. Foi maravilhoso, sair do túnel e ver aquele cenário incrível do mirante Tunnel View, a cachoeira Bridalveil que estava quase seca, e a Yosemite Falls estava tão sem água que conseguimos escalar as pedras e ir bem pertinho da queda! Adoramos, tudo! Tinha muita família, muita criança e adoramos ver a criançada brincando ao ar livre com uma paisagem dessas e longe dos tablets e celulares!

Veja também: Yosemite – Guia completo para planejar sua viagem 

SAN FRANCISCO

Dia 9: Yosemite – San Francisco

No nono dia de viagem saímos de Mariposa rumo a San Francisco! Saímos por volta de 9 da manhã e na estrada paramos em algumas lojas. Chegamos em San Francisco por volta das 15 horas e fomos direto para o hotel – Motel Capri – que foi um dos que mais gostamos da viagem, simples, cheiroso, tudo novinho e com preço ótimo, super indico!

Golden Gate Park

Deixamos tudo no hotel e fomos até o Golden Gate Park . Eu queria entrar no Japonese Tea Garden, mas fecha às 16.45 e chegamos as 17 :(. Ainda sim aproveitamos bastante e passeamos pelo parque.

Califórnia de carro
Jardim Japonês – Golden Gate Park

Union Square

No final da tarde, fomos dar uma volta na Union Square, um dos principais distritos de compras de San Francisco, com muitas lojas bacanas.  Como dona de salão de beleza não resisto a Sephora e uma MAC (tem uma na Powell x Market St. bem na frente de onde se pega os bondinhos).

Califórnia de carro
Unions Square -San Francisco

Dia 10: Lombard Street, Pier 39 e Sausalito

Dia de turista, e para começar bem, fomos acordados por um terremoto básico, 4 graus (na escala Richter). Tremeu tudo!  Fiquei em choque por uns 10 minutinhos, mas acho que é uma coisa tão normal por lá que ninguém deu a mínima,a rs!!

Califórnia de carro
Lombard street San Francisco

Depois do café da manhã, fomos turistas. Fomos de carro e estacionamos próximo a Lombard Street. De lá fomos passear a pé, descemos a rua mais famosa da cidade e tiramos muitas fotos , depois fomos até o Fisherman’s Wharf (o antigo porto de pescadores em San Francisco, um lugar bem turístico e animado). Entramos em várias lojinhas, passeamos no Píer 39 e seguimos a caminhada sentido o porto de embarque de Alcatraz. Deixamos para comprar na hora, e quando chegamos lá, estava esgotado pelos próximos dias. Assim tivemos que deixar para uma próxima viagem.

Califórnia de carro
Pier 39 – San Francisco

Fica a dica: quer visitar Alcatraz? Compre suas entradas com antecedência. Especialmente nos meses de Julho e Agosto

Os leões marinhos do Pier 39

Almoçamos uma pizza de hambúrguer no píer 39 e fomos ver os leões marinhos, e tenho que dizer que perdi uma bela hora vendo eles brigarem. É super divertido!

Califórnia de carro
Leões marinhos – Pier 39

Passeio por Sausalito

Começou a bater o friozinho, então demos um pulinho no hotel para trocar de roupa e fomos para Sausalito! Não conseguimos ver a ponte Golden Gate “limpa”, a neblina estava bem pesada, mas em Sausalito estava uma delícia! Ficamos um pouco por lá, a cidade é bem turística e tinha gente para tudo quanto é lado!

Califórnia de carro
Mirante da Golden Gate do lado de Sausalito

Pitaco da Mari: Especialmente no verão (Julho e Agosto) a neblina toma conta da baía de San Francisco. Tem dias que nem dá para ver a ponte. Para os San Franciscanos, a ponte encoberta é motivo de piada, e a névoa temperamental da cidade ganhou nome: Karl, the fog – e até perfil no Twitter.

Dia 11: Golden Gate Bridge e Palace of Fine Arts

Último dia em San Francisco, e tanta coisa para conhecer! Fomos direto para a ponte Golden Gate, mesmo com a neblina, queríamos conhecê-la e tirar fotos! Ficamos um bom tempo por lá, e na volta, decidimos parar no Palace the Fine Arts que é super pertinho! Triste escolha.

Califórnia de carro
Golden Gate em dia nublado

Fomos rapidinho só para visitar os jardins e tirar algumas fotos de fora. Pegamos a nossa câmera e deixamos nossa mochila no banco de trás. Voltamos em menos de 10 minutos e o vidro do carro estava quebrado e a mochila havia sido roubada! ☹ Nossa GoPro estava dentro da mochila e todos os meus vídeos e fotos mais legais foram embora!

Califórnia de carro
Palace of Fine Arts – San Francisco

Nosso dia acabou aí, pois tivemos que ir até o aeroporto fazer a troca do carro (na Alamo da cidade não tinha o mesmo carro que o nosso, e não podíamos pegar um carro menor pois estávamos com muita mala). Não conseguimos andar de bondinho. Encerramos nossa passagem por San Francisco com um jantar no Bubba Gump.

Pitaco da Mari: Não deixe nada no carro nem em San Francisco, nem em lugar nenhum. Infelizmente os ladrões de galinha estão espalhados por todos os cantos do mundo (já ouvi relatos de roubo desse tipo na Europa, no Caribe, e em vários outros cantos do mundo). Na dúvida, melhor não arriscar!

NAPA VALLEY

Dia 12: Napa Valley

Chegada em Napa: Motorista para dirigir nosso carro

Programamos nosso tour em Napa Valley as 10:00 da manhã, por isso, saímos de San Francisco as 8:40. As meninas do hotel Best Western Plus inn at the Vines foram maravilhosas: como queríamos degustar muitos vinhos e as leis de trânsito dos Estados Unidos são rigorosos, mandei um e-mail para o hotel dizendo o que eu queria fazer na cidade, e a principal vinícola que gostaria de visitar e fomos muito bem atendidos. Elas reservaram um motorista para dirigir nosso carro por $45,00 dólares a hora e o mínimo de 4 horas! Foi perfeito!

Chegando em Napa, deixamos nossas malas na recepção e conhecemos nosso motorista.

Tour pelas vinícolas de Napa Valley

Fomos a primeira Vinícola, Castelo di Amorosa. Fiquei muito empolgada para conhecer essa vinícola por que ela é uma réplica de um castelo italiano (lí sobre a vinícola aqui no Ideias na mala ;). Pagamos 40 dólares pelo tour e experimentamos 5 vinhos diferentes. Maravilhosos! No final, compramos duas garrafas:  1 rose e um branco (nossos preferidos).

Califórnia de carro
Castelo Di Amorosa – Napa Valley
Califórnia de carro
Degustação de vinhos no Castelo
Califórnia de carro
Castelo Di Amorosa

Saímos da degustação e fomos para a segunda vinícola, Beringer, uma das vinícolas mais tradicionais de Napa! Como o nosso motorista tinha uma promoção 2×1,  pagamos 15 dólares cada ao invés de $30! Degustamos 4 vinhos e compramos 2 roses por 15 dólares cada. Deliciosos! Nossa terceira vinícola foi V.Sattui, pagamos $15 dólares cada e degustamos 4 vinhos . É a vinícola mais antiga de Napa e AMEI o mercadinho com milhares de opções de queijos! Comprei alguns para acompanhar a última degustação!

A última vinícola do dia foi a Hall. E ela é linda demais, a vinícola mais moderna da cidade, toda de vidro, o tour e degustação foram $40 dólares cada. Mas foi a degustação que eu menos gostei, eles só têm vinhos tintos e bem fortes!

Dica para quem pretende visitar Napa: Todas as nossas degustações foram reservados pela pelo pessoal do Best Western PLUS. É bem importante reservar os tours com antecedência. Para degustações no balcão (na maior parte das vinícolas) é só aparecer.

Foram quase 6 horas de passeio, muitos vinhos e nos divertimos muito. A noite, comemos um lanche no Mc Donald’s mais próximos (já estávamos mais para lá do que pra cá) e voltamos para o hotel para reorganizar nossas malas com as garrafas compras. As malas, por sinal, já estavam nos esperando no nosso quarto!

Dia 13: Napa Valley – Monterey

Saímos de Napa de manhãzinha e fomos para Monterrey beirando o mar. A Highway 1, a estrada que corta o litoral da Califórnia e liga San Francisco a Los Angeles era outro trecho que tínhamos altas expectativas, e foi muito melhor do que esperávamos. Pena que pegamos o tempo nublado até a hora do almoço, mas ainda assim, não perdeu o charme!

Califórnia de carro
Monterey – Califórnia

Chegamos no hotel, deixamos nossas coisas e fomos para o Old Fisherman’s Warf em Monterey (um pier fofo com muitas lojinhas lindas e restaurantes), caminhamos pelo Píer e almoçamos em um restaurante por lá.

Califórnia de carro
Em Monterey

A tarde, fomos para um outlet super perto do hotel, jantamos no Bubba Gump (já viram que é uma tradição?) e fomos descansar porque estávamos exaustos e sabíamos que o dia seguinte seria puxado!

Dia 14: Monterey – Los Angeles

Acordamos bem cedo, tomamos e café e pé na estrada! Foram 12 horas de viagem até chegar em Los Angeles e me arrependi de não ter ficado em Santa Barbara. Mas mesmo assim foi incrível! Passamos por Carmel, Big Sur, Santa Barbara. Um lugar mais incrível que outro.

Califórnia de carro
Cipreste Solitário na 17 Mile Drive – Carmel
Califórnia de carro
Cipreste na praia de Carmel
Califórnia de carro
Big Sur – Califórnia
Califórnia de carro
McWay Falls em Big Sur

Algumas trechos/ Paradas que fizemos e gostamos:

[Pitaco da Mari: Fazer o trecho Big Sur – Los Angeles em um dia é MUITO corrido. Eu recomendo três pernoites do caminho: Carmel/Monterey, São Luis o Bispo, Paso Robles (para quem gosta de vinho) ou Cambria, e Santa Barbara. Em três dias, eu faria: Primeira noite em Carmel/Monterey, segunda noite em Los Olivas (ou Solvang) e terceira em LA.Para quem só tem dois dias para percorrer a Highway 1 (como a Thaisinha) minha sugestão de roteiro é essa aqui.]

Dia 15: Santa Monica

No último dia de viagem, voltamos para Venice Beach e Santa Monica. Ficamos lá o dia todinho, caminhando, vendo os jogos de basquete, vendo o pessoal treinando na academia a céu aberto e foi o máximo! No dia seguinte, pegamos o vôo e voltamos para São Paulo.

Califórnia de carro
De volta a Santa Monica 😉

Sobre a Thaisinha Amorim

Meu nome é Thais Amorim, sou paulista, tenho 27 anos e sou proprietária de um Salão de beleza em Moema – São Paulo, O Núcleo K (Av. Bem-te-vi, 40). Viajar é uma das minhas maiores paixões. Siga a @Thaisinhaamorin no Instagram.


E aí, curtiu as dicas da Thaisinha?

Alguém aí já foi para a Califórnia e quer dividir as dicas com a gente?


Veja também:

E para ficar por dentro de todas as novidades do Ideias na Mala, siga nosso instagram!

This error message is only visible to WordPress admins

Error: No connected account.

Please go to the Instagram Feed settings page to connect an account.

Planeje sua viagem

Matérias Relacionadas

Comentários (5)

[…] Roteiro de 15 dias pela Califórnia: San Francisco, Los Angeles, Yosemite com uma passadinha em San Diego para ver a NFL – Escrito pela Thaisinha Amorim […]

Boa noite!!
Quero agradecer a ideias na mala, pelas dicas de viagem.
Hoje estamos terminando nossas férias com gostinho de quero mais, passamos 17 dias maravilhosos e conhecemos lugares incríveis graças à vocês, chegamos dia 07/07, por Los Angeles e estamos saindo por San Francisco.
Passamos pela cidades que foram indicados pelo site e foram incríveis, amanhã estaremos voltando para o Brasil e foi uma grande experiência.
A partir de agora em todas viagem ireimos consultar antes às dicas de IDEIAS NA MALA!!
Parabéns!!!

Obrigada pelo carinho!
Muito feliz em ter ajudado na viagem de vocês <3
Beijos

Bom tarde amigos, esse ano também fizemos um roteiro parecido com esse , sendo que fomos direto a San Francisco e descemos pela costa até LA, parando em Monterey e San Luis Obispo para pernoitar. A viagem é muito linda ficamos muito encantados com os locais visitados, porém como era nossa primeira viagem ao exterior e como todo marinheiro de primeira viagem descobrimos que 9 dias é pouco para poder curtir tudo que deveríamos ou poderíamos. Mas esse ano de 2016 vamos voltar e ficar 21 dias e incluímos Vegas. Então nosso roteiro será: Rio / Vegas / San Francisco (avião), San Francisco / LA/San Diego (carro) e como já fizemos a viagem pela costa essa será pelo interior (visitando Palo Alto, San José Fresno entre outras). Espero dessa vez explorar e com ajuda de sites como esse e outros poder desfrutar o melhor e mais ainda do que fizemos antes e poder repartir com voces nossas experiencias e dicas.
Ps. Estou pensando em fazer um blog de nossa viagem on line, alguém saberia me dizer qual melhor para se poder fazer isso.

Grato e abraços,
Carlos e Piedade Lobato

Oi Carlos e Piedade,
Que experiência legal!
Par um blog minha dica é o wordpress. Super fácil e prático e usar
Beijos

Deixe o seu comentário