Chile: O que fazer em Valparaiso e Viña del Mar

Saiba que fazer em Valparaiso e Viña del Mar e no Chile, um guia completo para você programar um bate e volta perfeitinho para estas duas cidades tão especiais partindo de Santiago. Pronto para se encantar?

A dobradinha Viña del Mar e Valparaíso é uma pedida certeira para quem quer fazer um bate e volta delicioso a partir de Santiago, as duas cidades são bem diferentes, cheias de personalidade e muita coisa legal para ver e fazer. Neste post dividiremos com vocês nossas melhores dicas do que fazer em Valparaíso e Viña del Mar. E quer saber o mais legal ? Dá para programar este bate e volta (ou pernoite para quem quiser explorar a região a fundo) do jeito que você quiser: Por conta própria de transporte público, por conta própria com carro alugado ou excursão.

Como chegar em Valparaíso?

Há três formas de chegar em Valparaíso:

A) Excursão – A escolha da Amanda

A excursão é uma pedida incrível para quem quer aproveitar o melhor das duas cidades guiado por alguém que realmente conhece a região, e sem o perrengue de alugar carro. Há diversas agências que oferecem este passeio, e nós escolhemos e aprovamos a SnowTours Chile.

Fizemos o passeio com um grupo pequeno, a van nos buscou no nosso hotel em Santiago e nos levou de volta. Fizemos as duas cidades no mesmo dia, com parada estratégica para almoçar e recarregar as energias.

Informações sobre o passeio:

  • Operadora escolhida: SnowTours Chile
  • Investimento: $ 27.000,00
  • O que inclui: transfer desde o hotel (exceto hotéis próximos do aeroporto), guia trilíngue (português, inglês e espanhol), seguro auto (cobre acidentes que ocorrem dentro do carro)
  • Duração: 10 horas (contando da hora que sai até a que volta ao hotel).

A Amanda descreveu a experiência dela com a Snowtours em detalhes neste roteiro de 5 dias em Santiago.

B) Transporte público – A escolha da Thaís

Para chegar em Valparaiso

Vá ao Terminal Alameda (Av. Libertador Bernardo O’Higgins 3750 – Linha vermelha do metrô parada Universidad de Santiago) e compre passagem nas empresas Turbus ou Pullman, que fazem este trajeto. Os intervalos de ônibus são curtos, entre 15 e 30 minutos, garantindo uma boa oferta de ônibus ao longo do dia. Pode chegar na hora e comprar sem medo!

Para se deslocar entre as duas cidades:

Há uma linha de metrô que conecta Valparaiso e Viña del Mar, o trajeto leva cerca de 30 minutos e é simples, fácil e prático. No site do metrô é possível calcular o preço exaro do trajeto que oscila de acordo com o horário e a categoria do bilhete (adultos, idosos, estudantes e etc…)

A Thaís – autora deste post – fez este passeio de forma independente e recomenda muito. Ao invés de fazer um bate e volta, ela preferiu dormir uma noite em Valparaiso e conhecer a região com calma, e adorou a pedida. Para quem quer fazer algo econômico, esta é sem dúvida a alternativa mais em conta!

B) Aluguel de carro – A escolha da Lelê Gianetti

A Lelê Gianetti do blog It Yourself  que escreveu este roteiro de 3 dias em Santiago, optou por fazer o trajeto de carro alugado. Ela pagou cerca de R$100 por dia de aluguel de carro e fez o trajeto por conta própria, são cerca de 140 Km de distância e o Google Maps sinaliza bem o caminho. Segundo a Lelê, “a estrada é super fácil de dirigir e o trajeto é lindo com vistas das cordilheiras e algumas vinícolas no caminho”. A Lelê ainda aproveitou a viagem para parar no outlet Arauco Premium Outlet Curauma que vale bem a pena para quem curte lojas esportivas como a Adidas e a Nike, mas aumenta um pouco a viagem.

Valparaiso e Viña del Mar: O que você precisa saber antes de viajar

O Bate e volta a partir de Santiago

É possível ficar hospedado em Santiago e fazer um clássico bate e volta – que foi o que a Amanda fez com o pessoal da SnowTours Chile. Mas se você prefere viajar sozinho, por contra própria, pode se deslocar até lá de ônibus (a viagem dura cerca de duas horas) e tem ônibus saindo de lá durante todo o dia, ou alugar um carro.

Dá para visitar Valparaiso e Viña del Mar no mesmo dia?

OPA! As duas cidades são praticamente coligadas, separadas apenas por uma ponte, então é possível conhecer ambas no mesmo dia – com excursão ou por conta própria. E para quem quer conhecer as cidades a fundo, uma pernoite na região é sempre uma boa pedida.

Vá preparado para pegar um friozinho:

Por mais que sejam cidades litorâneas, Valparaiso e Viña del Mar elas estão relativamente próximas da cordilheira da costa, por onde passa uma corrente de ar frio vinda do sul do país, por isso a temperatura ao longo do dia oscila bastante. Não estranhe se você pegar 10 graus em Valparaíso durante a noite e 30 graus, em Viña del Mar, durante o dia no mês de janeiro. A dica é colocar roupas leves por baixo e um casaco que dê conta do recado por cima.

Nem pense em beber na rua

Evite problemas, é proibido beber bebida alcoólica nas ruas da cidade. Assim, esqueça a associação daquela cervejinha gelada à beira-mar.

O que fazer em Viña del Mar

Encantadora, a cidade jardim – como é conhecida Viña del Mar – esbanja charme e sofisticação.  A cidade, que é um destino procurado o ano inteiro pelos turistas (e locais), é uma pedida incrível para celebrar o Ano Novo, e durante o mês de fevereiro é sede de um festival internacional de música. Isso em falar das praias lindas banhadas pelo oceano pacífico. O mar é gelado, só se via surfistas com suas roupas de neoprene e crianças, é claro, nadando por lá – criança parece ter outra sensação térmica, né?

Principais pontos turísticos de Viña del mar: 

Valparaiso e Viña del Mar
A apaixonante orla de Viña del Mar

Os Castelos de Viña del Mar

Viña Del Mar tem 3 castelos bem interessantes, e todos listados como patrimônio histórico nacional. Ainda que você faça uma visita rápida a cidade, vale considerar uma passadinha – ou uma visita detalhada – a pelo menos um deles. E pra quem quer visitar os três, indico este post da Denise do Viajante solo.

Castillo Wulff

Se você gosta de construções cinematográficas, o Castelo Wulff, um castelo estilo europeu à beira mar, é  parada obrigatória.

Localizado em cima das rochas na orla da praia Miramar,  o Castillo Wulff foi construído em 1908 pelo alemão Gustavo Wülff, comerciante do ramo marítimo, sal e carvão, radicado no Chile.Com características arquitetônicas franco-germânicas, a construção ganha ares de castelo nas mãos do arquiteto Alberto Cruz Montt.

No começo da década de 1960, a construção se tornou propriedade municipal e em 1995, tornou-se patrimônio histórico nacional e atualmente, o espaço conta com salas de exposições culturais. Ainda que você não queira entrar nas salas de exposição, a fachada é linda e rende fotos bacanas.

Valparaiso e Viña del Mar
Castelo Wulff, Viña del Mar

Informações úteis

Castillo Wulf (Site oficial)

  • Horário de funcionamento: Terça-feira a Domingo das 10h às 13h30 e das 15h às 17h30.
  • Contato: Telefone: +56 (32) 2625427

Castillo Brunet

De arquitetura medieval com um pé no estilo gótico francês, o castelo Brunet teve como arquitetos Alfredo Azancot e Jorge Schroeder Espinoza.  O castelo também é conhecido como o Palacio de los Carabineros, pois o grupo militar de defesa civil ocupou a propriedade durante a ditadura militar. 

Informações úteis

Castillo Brunet

  • Endereço: Iberia 104
  • Funcionamento: Visitas previamente agendadas com Iván Tocigl Caviedes via fax (+32 2664325)

Castillo Ross (Club Unión Arabe)

Construído em 1912, o castelo Ross foi desenhado pelo arquiteto Cruz Montt, em um estilo Tudor. Desde 1967, tornou-se terreno árabe e atualmente, ali funciona o Club Unión Arabe, como restaurante e centro de eventos.

Onde:

  • Endereço: Rua La Marina, 50
  • Horário de funcionamento:De terça a domingo, das 10:00h às 13:30h e das 15:00h às 17:30h.
  • Contatos: Telefone: + 56 (32) 2664461 |  [email protected]

Casino Enjoy Viña del Mar

Para quem é fã de jogatina, vale visitar o Casino Enjoy Viña del Mar, o mais antigo do Chile, equipado com mais de 1200 máquinas, bares, restaurantes e boates. Para o Réveillon são programadas algumas festas bem badaladas (entenda por caras) – acabei optando por algo mais em conta ;P.

Valparaiso e Viña del Mar
Casino Enjoy Viña del Mar | Foto: divulgação

Museu Arqueológico e Moai

No jardim do Museo de Arqueologia e Historia Francisco Fonck, que exibe exposições sobre cultura local, você encontra um legítimo Moai da Ilha de Páscoa (um dos poucos que existem fora de lá) – bela oportunidade para fotografar a lendária estátua de pedra que fica disposta de costas para o mar, e, portanto, de frente para o interior da ilha de Páscoa. O Moai é uma das parada das melhores escursões para Viña del Mar

Viña del Mar
Moai em Viña del Mar

Informações úteis:

Museo de Arqueologia e Historia Francisco Fonck

  • Endereço: 784, 4 Norte, Viña del Ma
  • Horários de funcionamento:
    • Segunda: 10:00 às 14:00 e 15:00 às 18:00
    • Terça à sábado: 10:00 às 18:00
    • Domingo: 10:00 às 14:00
  • Ingressos: Adultos 2800 Pesos | Crianças 500

Reloj de Flores

O Relógio de flores de Viña del Mar (Endereço: Alamos 590) é o cartão postal da cidade, e aquele cantinho que quase todo mundo faz questão de fotografar, ele foi construído no início de 1960, para a Copa do mundo de futebol, já que Viña del mar foi uma das sedes dos jogos, na ocasião. Reza a lenda que quem vai até lá e tira uma foto em frente ao relógio, garante a sua volta à cidade – e olha, isso tem lá seu fundo de verdade, já que eu mesma já voltei no mínimo duas vezes. 

Valparaiso e Viña del Mar
Aproveite uma brecha entre as dezenas de turistas e fotografe um dos cartões postais da cidade.

Jardín Botánico

Quer fugir um pouco do centro de Viña del Mar e conhecer um espaço maravilhoso – e repleto de atividades ao ar livre?  Inclua o Jardim Botânico de Viña del Mar (site oficial) no seu roteiro, o parque abriga um bosque, um pomar com mais de 3.000 espécies vegetais, dentre os quais, espécies botânicas de valor inestimável, como o Tomir, uma árvore extinta em seu lugar natural, a Ilha de Páscoa.

Destaque para o jardim de cactus, que conta com uma incrível coleção de cactos provenientes do Chile. E para área de piqueniques!

E pra quem viaja com crianças, vale falar que o parque conta com algumas atividades bacanas como arvorismo, parede de escalada e brinquedões infláveis (entrada para as atividades extra paga à parte).

O que fazer em Valparaiso e Viña del Mar
Jardim Botânico de Viña del Mar | Foto: Divulgação

Jardim Botânico de Viña del Mar (site oficial)

  • Endereço: Camino El Olivar 305 – Viña Del Mar
  • Horário de funcionamento:
    • Visitas de Inverno: 1 de Maio a 31 de agosto das 10h às 18h (todos os dias)
    • Visitas de Verão: 1 de Setembro a 30 de Abril 09h às 19h (todos os dias)
  • Ingressos:
    • Adultos: $2000
    • Crianças & terceira idade: $1000 (3 a 12 anos)

Parque Quinta Vergara

E pra quem quer ver jardins incríveis sem gastar um tostão a dica é o Parque Quinta Vergara (veja este post lindo do Viajante Solo) que tem jardins lindos e com plantas trazidas de vários cantinhos do mundo, o Palácio de Vergara (que infelizmente sofreu estragos com o terremoto de 2010 e está interditado) mas que ainda assim rende fotos lindas da fachada e o anfiteatro de Viña del Mar, um edifício bem moderno e um tanto diferente do resto do parque.

O passeio é uma delícia, e um prato cheio para quem curte fotografar plantas.

Informações úteis:

  • Endereço: Rua Errázuriz 563-596
  • Horários de funcionamento: De terça a domingo das 07:00 às 18:00.
  • Entrada Gratuita

Praias em Viña del mar

Vamos falar de praia? As praias de Viña del Mar são lindas com areias branquinhas e mar gelado. Aí vão algumas das nossas praias preferidas

viña del mar chile
Mar lindeza em Viña del Mar// Foto: Thaís Carneiro

Caleta Abarca

Bem localizada e de fácil acesso, esta praia ocupa a região central da cidade. Próxima ao Cerro Recreo, ao Cerro Castillo e à igreja dos capuchinhos

Playa Reñaca

Uma das mais lindas e mais visitadas da cidade, é na praia da Reñaca que estão os principais hotéis da cidade, e alguns dos cantinhos mais especiais de Viña del mar para curtir o pôr do sol.

E para quem vai passar o ano novo em Viña del mar: A praia da Reñaca é uma ótima pedida para curtir os fogos!

Valparaiso e Viña del Mar
Para quem quer uma opção badalada e bem mais low cost no Réveillon, a dica é ver a queima de fogos na praia de Reñaca.

O que fazer em Valparaíso

Com um ar mais decadente, Valparaíso mistura o velho e o novo em um combo que encanta.

A cidade é bem peculiar e a geografia é bem contrastante, pois a cidade é marcada por morros. Tanto  que existe uma espécie de elevador público, o funicular Villanelo, que além de passeio interessante para quem quer curtir as vistas de Viña del Mar, é um braço importante do transporte público na cidade (sim! O elevador tem um preço diferenciado para os moradores, e economiza uma senhora pernada pelas ladeiras da cidade).

E as praias de Valparaiso?

Valparaíso, por sua vez, é uma cidade portuária e as praias são mais sujas, mas isso não tira o seu brilho. A cidade mega colorida e com vielas apertadas ganha o coração dos turistas, que não tiram a câmera das mãos nem por um segundo.

Dica de segurança:

Cuidado ao explorar regiões pouco turísticas, pois alguns bairros são mais inseguros como, o Puerto, que foi o primeiro bairro da cidade a existir e está na zona portuária.

Valparaiso e Viña del Mar
Vista da cidade de Valparaiso
Valparaiso e Viña del Mar
As estreitas vielas de Valparaíso

Principais pontos turísticos de Valparaíso:

La Sebastiana – A casa de Pablo Neruda

La Sebastiana, uma das três casas do poeta chileno Pablo Neruda, é lindíssima e me deixou bem apaixonada pela arquitetura e decoração.

Chegue cedo:

Para curtir os encantos da casa sem uma muvuca turística louca, chegue próximo ao horário de abertura da casa – quanto mais tarde, menos intimista – e deliciosa – será a sua experiência. (E sim, rola aquela disputa chata por espaço). O áudio-guia é gratuito e é bem bacana de usar no percurso, basta pegá-lo na recepção.

Valparaiso e Viña del Mar
Fachada do museu La Sebastiana
Valparaiso e Viña del Mar
Vista do terraço da La Sebastiana, casa-museu do poeta Pablo Neruda// Foto: Thaís Carneiro

Informações úteis:

La Sebastiana (Site oficial)

  • Endereço: Ricardo de Ferrari 692, Valparaíso
  • Horário de funcionamento
    • Março a dezembro: terça-feira a domingo de 10h às 18h.
    • Janeiro e Fevereiro: terça-feira a domingo de 10h a 19h.
    • Fechado às segundas-feiras.
  • Ingressos
    • $7.000 por pessoa.
    • $2.500 para estudantes e chilenos acima dos 60 anos. (Estudantes estrangeiros devem apresentar uma credencial estudantil internacional.)

Cerro Concepción

Com ruas estreitas e charmosas, a região do Cerro Concepción foi ocupada por colonizadores alemães e ingleses que vieram explorar o país. Foi por lá que surgiu o primeiro ascensor público da cidade, conectando a cidade alta à cidade baixa e facilitando a vida dos moradores. As casinhas coloridas e a circulação de turistas dão o tom ao bairro.

Valparaiso e Viña del MarGrafites no entorno do Cerro Concepción em Valparaíso // Foto: Thaís Carneiro

Grafites espalhados por toda a cidade

Após um início duro, já que a cidade foi cenário de terremotos, guerras e tomada pela pirataria, a cidade se reinventou, trazendo alegria às ruas do centro da cidade, que se transformou numa verdadeira galeria de arte a céu aberto.

O que mais atrai os visitantes e impressiona são os grafites, espalhados por toda a cidade – nas paredes, nas escadas, nas construções. Valparaiso é uma cidade colorida e desvendar seus grafites é um passeio ultra especial (e que rende fotos lindas).

Graffitis de artistas do mundo inteiro fazem com que os turistas andem pelas ruas em busca dos melhores “cliques”, e o programa é tão popular que dezenas de agências locais oferecem tours pelos grafites locais.

Valparaiso e Viña del Mar
Uma perspectiva subindo e outra descendo
Valparaiso e Viña del Mar
Fala se não é uma verdadeira obra de arte?!

Plaza Sotomayor e o Porto

Em uma cidade portuária como Valparaíso, não há como escapar de um pulo no porto, certo? Ver as idas e vindas dos barcos e das pessoas circulando pela região é um programa que eu curti bastante fazer. Além disso, caminhando pelo pier você encontra várias tendas de artesanato, bem interessante e cultural.

Valparaiso e Viña del Mar
Caminhando pelo pier do Porto de Valparaíso
Valparaíso, Chile
Leão marinho tomando sol no porto de Valparaíso

Há apenas duas quadras do Porto, está localizada a praça Sotomayor, dedicada a homenagear o advogado e político chileno Sotomayor e  os soldados mortos em combates navais de Iquique e Punta Gruesa, no século XIX, reunindo ali os seus restos mortais. A praça é bem bonita e tem vários edifícios históricos que rendem fotos legais.

Roteiro de 3 dias em Santiago
Praça Sotomayor no centro de Valparaiso | Foto: Lelê Gianetti

Mercado de frutos do mar

Na verdade, essa parada foi uma “cortesia” do nosso bem humorado motorista da van da SnowTours Chile, que fez o favor de nos levar conhecer de perto os leões marinhos e os pelicanos.

O maior desafio não foi encarar o cheiro, típico de qualquer mercado de peixe, mas se manter fora da “zona de tiro”, já que estávamos cercados de gaivotas e outras aves sobrevoando o local em busca de comida.

No final das contas deu tudo certo, conhecemos os leões marinhos e saímos ilesos e limpos do local (risos).

Valparaiso e Viña del Mar
Esse espertalhão fica só esperando ser alimentado, no mercado de peixe de Valparaíso

Paseo 21 de Mayo

Para ver o porto do alto, a dica é dar um giro pelo Paseo 21 de Mayo. Olha só as fotos caprichadas que a Lelê tirou.

Roteiro de 3 dias em Santiago
Paseo 21 de Mayo | Foto: Lelê Gianetti

 

Dica de hostel em Valparaíso

A Thaís ficou hospedada no Nómada Hostel.  Simples, limpo e com um staff bacana, o albergue é um espaço tranquilo e com um café da manhã legal. Eles deram ótimas dicas de bares e restaurantes bons e baratos. Próximo ao metrô, facilitou a nossa caminhada pela cidade e o pulo em Viña del Mar.

O que fazer em Valparaiso e Viña del Mar no mapa

Veja todas as dicas deste post sinalizadas no mapa.

 

Contrate um seguro viagem e viaje sem stress

Você já contratou um seguros viagens? Ainda que o Chile seja aqui do lado, contratar um bom seguro viagem pode te livrar de perrengues incríveis como perda de bagagem, cancelamento de voo, e claro, eventualidades médicas que ninguém espera mas que pode sim ocorrer na sua viagem.

Escolha uma apólice com bom custo x benefício, mas que cubra tudo no ato, evitando que você tenha que colocar a mão no bolso para meses depois ser reembolsado.

Nossa dica é o site da Seguros Promo, que funciona como um comparador de apólices, oferecendo o que há de melhor no mercado em termos de seguro, numa linguagem super descomplicada e fácil. Clique aqui e faça sua cotação com a Seguros Promo inserindo nosso cupom IDEIASNAMALA5 para ganhar 5% de desconto na compra do seu seguro viagem.

E aí, curtiu nossas dicas do que fazer em Valparaiso e Viña del Mar? Sentiu falta de alguma dica? Conta pra gente nos comentários!


Viaje sem stress:

✅ Reserve seu hotel em Santiago

✅ Faça seu seguro de viagens


O Ideias na Mala fez os de Viña del Mar e Valparaíso a convite da SnowTours Chile. Todas as opiniões deste post correspondem a nossa real experiência!


Veja também:

Deserto do Atacama no Ideias na mala

Mais posts do Chile


Para ficar por dentro de todas as novidades do Ideias na Mala, siga nosso instagram!

Planeje sua viagem

Comentários (3)

[…] da região de Cajón del Maipo vale aproveitar seu tempo em Santiago para conhecer a Região de Val Paraiso e Viña del Mar e o templo Bahai que fica dentro de Santiago mais numa região mais afastada e é pura […]

Oi, Thais. Tudo bem? 🙂

Seu post foi selecionado para o #linkódromo, do Viaje na Viagem.
Dá uma olhada em http://www.viajenaviagem.com

Até mais,
Bóia – Natalie

Oba! Que delícia começar a semana assim!
Beijos e obrigada,
Mari

Deixe o seu comentário