Las Vegas com bebê: tudo o que você precisa saber

Tá indo para Las Vegas com bebê? Este post é pra você! Saiba o que fazer em Las Vegas com bebê e veja como aproveitar a cidade ao máximo com o pequeno. Veja o que funciona bem, conheça as armadilhas e muito mais!

Meu marido foi contra, minhas amigas deram risada, mas eu queria MUITO encontrar com meu irmão e minha cunhada que estavam indo para Las Vegas passar o ano novo e insisti tanto que ganhei a parada. Foram 4 dias em Las Vegas com bebê com direito a um bate-e-volta lindo para o Valley of Fire State Park e muitas dicas para quem planeja fazer algo parecido. Vem comigo?

Las Vegas com bebê: Os desafios

Las Vegas não é o destino mais baby friendly do mundo, muito pelo contrário. Fumaça de cigarro em lugares fechados, ambiente carregado e estímulos visuais e sonoros tremendos. O desafio visual começa no aeroporto, as máquinas de caça níquel estão por toda parte com suas cores brilhantes e luzes fortes, para um bebezinho uma verdadeira balada. O jeito é cobrir o bebê sempre que possível e evitar esse estímulos desnecessários (sua noite de sono agracece). Sempre que dava ficávamos longe dos cassinos e tentávamos curtir Las Vegas de maneiras alternativas. E quer saber? Viajar para Las Vegas com bebê não só é possível como é divertido!

rotina do bebê na hora de viaja
Máquinas de papa níquel espalhadas pelo aeroporto de Las Vegas – O bebê ficou louco pelas cores!

E do lado de fora?

Como viajamos no inverno e a temperatura estava bem agradável, até deu para fazer alguns passeios ao ar livre, mas em geral o clima é terrível para bebês: um calor do cão no verão e no inverno um frio bravo. Ah, e falando em passeios ao ar livre, passear de carrinho pela Las Vegas Boulevard, mais conhecida como Strip, de carrinho é uma tremenda furada (lá embaixo eu explico todos os detalhes!)

 Las Vegas com Bebe
Passeio de carrinho

Cadê os trocadores??

Exceto o Bellagio que tem trocadores excelentes em todos os banheiros, os hotéis de Las Vegas pecam um pouco no quesito baby friendly. Muitos banheiros não tem trocador, e muitas vezes você terá que buscar um pouco até encontrar algum. Dá um pouco de trabalho, mas no final dá tudo certo.

E pra amamentar…

Eu tenho um pouco de sorte nesse quesito, o baby Tom é um guloso, come em todo lugar e pra facilitar eu também não tenho a menor cerimônia de amamentar em público. Mas em Las Vegas tive um pouco de dificuldade. Exceto nos shopping centers (que em Las Vegas são lugares ótimos para passear com bebê) e no Bellagio que tem um corredor repleto de poltronas confortáveis, (quase) não há cadeiras/bancos/poltronas que não sejam na frente de um caça níquel. Quem precisa amamentar em um lugar calmo terá uma dificuldade danada!

O que funcionou para nós?

Sentar em barzinhos menos badalados (como o tempo estava bom, preferimos os lugares ao ar livre), pedir algo e amamentar no meio tempo. A região do NY NY tem vários barzinhos com mesas ao ar livre bem gostosas para sentar, bater um papo e comer algo. Recomendo!

Onde se hospedar com bebês em Las Vegas

Outra dica importante na hora de planejar a viagem é na escolha do hotel. Se possível fique no eixo Bellagio – Venetian que tem bons hotéis e muita coisa bacana para fazer a pé. E Como a fumaça de cigarro é algo terrível para os pequenos, eu evitaria os hotéis mais antigos e que costumam ter um cheiro bem forte (Harras, Treasure Island e Mirage são alguns dos que eu evitaria).

Dicas de hotel em Las Vegas 

Para quem quer conforto:

  • Mandarin Oriental: Localização top, serviço incrível e nada de cassinos. Um hotel para você curtir o melhor de Vegas sem enlouquecer o baby.
  • Bellagio: Um hotel excelente, bem preparado para receber bebês e com uma estrutura ótima. [Veja nossa review do Bellagio]
  • Aria: Moderninho e bem localizado. Estrutura bacana e nada daquele cheiro terrível de cigarro.
  • Wynn e Encore: Dois hotéis excelentes e bem preparados para receber os pequenos.
O que fazer em Las Vegas com Bebe
Baby Tom curtindo a cama dos pais

Hotéis com bom custo benefício

Flaminco: Custo Benefício ótimo, bons quartos e um jardim de pássaros lindo.
MGM: Um hotel gigante e super bem estruturado. Nos hospedamos e gostamos [veja minha review aqui]
Mandalay Bay: Um pouco fora de mão, mas uma ótima opção para se hospedar com pequenos.

E o berço do bebê?

Quase todos os hotéis de Las Vegas oferecem bercinhos emprestados. É só pedir na chegada. De qualquer forma, vale escrever para o hotel (e se você quer ter 100% de certeza ligar confirmando), mas nos bons hotéis de Vegas pode ficar tranqüilo que o berço tá garantido.

Quer saber o que eu faço pra me garantir?

Quando faço minha reserva no Booking.com deixo a seguinte mensagem na caixinha de comentários. A nota não garante que o bercinhos vai estar lá, mas ajuda em 90% dos casos, especialmente nos bons hotéis.

Sr. gerente,

Estamos animados com a nossa viagem a Las Vegas e ansiosos para conhecer seu hotel. Como estamos viajando com um bebê e adoraríamos solicitar e reservar um dos seus bercinhos para o nosso pequeno. Muito obrigada pela atenção.

Mari

E pra te ajudar,aí vai uma cola em inglês pra você copiar e colar na sua reserva:

[ Dear Manager, We are excited with our upcoming trip to Las Vegas and looking forward to staying at your hotel. As we are traveling with a baby, I would love to request one of your baby cribs in advance, please keep it reserved for us! Thank you [Seu nome].]

O que fazer em Las Vegas com bebê

Um dos programas mais divertidos de Las Vegas (com ou sem bebê) é passear pelos hotéis e visitar suas atrações, algumas das atrações preferidas do Baby Tom foram:

Atrações grátis em Las Vegas

Fontes do Bellagio

As fonte do Bellagio que dançam conforme a música fizeram um mega sucesso com o baby Tom, ele ficou encantado com a música e adorou essa coisa de água que mexe. E cá entre nós, as Fontes do Bellagio são realmente incríveis e fazem sucesso até com os adultos!

Fonte do Bellagio
Fonteas dançantes do Bellagio

Jardins do Bellagio

Os jardins de inverno do Bellagio que estavam decorados com ursinhos polares feitos de flores encantaram o Tom. Ele vibrou ao ver o trenzinho passar, e gostou tanto do passeio que repetimos algumas vezes. E claro que a mamãe viajante (euzinha!) aproveitou para se esbaldar de fotos dos ursos fofos!

Dicas pra se dar em em Las Vegas
Jardins do Bellagio: um programa que o baby Tom amou!

Jardim de pássaros exóticos do Flaminco

O jardim de aves exóticas do Flamingo é outro hit com os pequenos, o tom amou ver os patinhos coloridos e flamingos cor de rosa.

Dicas pra se dar em em Las Vegas
Flamingos no jardim de pássaros do Flaminco

Jardins do Wyyn

Outro jardim que merece a visita é o do Wynn, um jardim caprichado com bolas de flores e decorações que mudam a cada estação durante a nossa visita havia um carrossel de flores lindos. O Wynn também tem fontes dançantes que em geral tocam músicas da Disney. O Tom amou.

Dicas pra se dar em em Las Vegas
Decoração extravagante do Wynn

O Tram do Bellagio

O tram do Bellagio é uma forma legal – e grátis – de você se deslocar entre os hotéis, e para um bebê, é um senhor passeio divertido. Colocávamos o Tom na janelinha e ele ia vendo a “cidade mexer” feliz da vida.

Passear pelos shopping centers

Os shopping centers são um lugar bacana para você passear com o seu carrinho de bebê sem nenhum caça níquel por perto (aleluia) e sem cheiro de cigarro (sim, é permito fumar dentro dos shoppings, mas os fumantes não se concentram num só lugar como acontece nos cassinos e em geral da para passear tranquilamente sem nada de cheiro de cigarr)o.
Meus shopping preferidos em Las Vegas são o Shopping do Venetian – dá até para passear de gôndola lá dentro, e o The Forum shopps perto do Caesers. O Fashion show também é bacana e tem muitas lojas boas para quem pretende comprar algo!

The Venetian - Las Vegas
Shopping do The Venetian em Las Vegas
Shopping do The Venetian em Las Vegas
Passeio de gôndola em Las Vegas

Passeios pagos para fazer em Las Vegas com bebê:

E pra quem topa gastar uns dinheirinhos e fazer uns passeios pagos, Las Vegas tem três passeios bem bacanas para fazer com bebês

Roda Gigante do The Link:

Dicas pra se dar em em Las Vegas
High Roller: a roda gigante de Las Vegas

A High Roller – que por enquanto – é a roda gigante mais alta do mundo, é um passeio bem bacana para fazer com crianças. O Tom grudou os olhinhos do vidro e curtiu bastante. Veja detalhes nosso passeio na Highroller.

Viajando com bebês: nossas melhores dicas
Gustavo, Mari e Baby Tom na Highroller em Vegas

Dica: A Roda Gigante fica no complexo de diversões do The Link, um espaço a céu aberto hiper agradável para passear e com várias lojas bacanas. Não se esqueça de dar uma passadinha na Ghirardelli Square e pegar seu quadradinho de chocolate grátis. Hummm!

Aquário do Mandalay Bay

O Shark Reef Aquarium no  hotel Mandalay é bem bacana e merece ser visitado. Eu já conhecia o aquário e optei por não voltar com o Tom, mas tenho certeza que o Tom gostaria bastante.

Las Vegas com Bebe
Aquário do Mandalay Bay

Jardim dos Tigres e Golfinhos do Mirage

Esse é o tipo de atração que os pequenos adoram mas que de uns tempos pra cá eu passei a evitar. Quando visitei o jardim há uns anos atrás lembro de ter saído bem impressionada com o trabalho feito com os golfinhos (um montão de treinamentos e terapias para eles não ficarem estressados com o cativeiro, mas cá entre nós, eles nem deveriam estar lá, né?!) mas fiquei bem triste ao ver os tigres, sabe quando eles ficam andando de um lado para o outro todos confusos? Uma pena! Saí arrependida e decidi não apoiar mais esse tipo de atração. Assim, não levei e não pretendo levar o Tom para ver os golfinhos ou tigres, mas deixo o meu relato pra você escolher.

O que fazer em Las Vegas com Bebe
Golfinhos do Mirage

O que não funciona: Dicas do que NÃO fazer em Las Vegas com bebê

Passear de carrinho pela Strip

Pensa numa furada enorme. Essa é a melhor forma pra definir o nosso primeiro passeio em Las Vegas. Tivemos a brilhante ideia de ir caminhando do MGM ao Bellagio, mas não sabíamos que a Strip é zero adaptada a um passeio de carrinho. A Calçada não é contínua, em muitos pontos não há faixa de pedestres para atravessar (ou para continuar porque volta e meia a rua some) você precisa subir uma passarela. Algumas passarelas tem escadas rolantes, outras tem elevador, outras não tem uma coisa e nem outra. Passear pela Strip de carrinho exige, paciência e um malabarismo -que acredite – você não quer fazer.

Las Vegas com Bebe
Paseando pela Strip de carrinho, a primeira roubada da vagem!

O que eu faria se você

Fique hospedado em um hotel conectado a linha de Trabalho do Bellagio, ou do Monorail de Las Vegas. Outra alternativa é se virar de Uber/ Lyft que funcionam que é uma beleza e são bem baratos em Vegas.

Vale a pena alugar um carro em Las Vegas?

Para passear na cidade e acho que não. Exceto no dia do outlet e para fazer passeios fora da cidade, não recomendo alugar carro em Las Vegas (expliquei todos os detalhes neste post repleto de dicas para se dar bem em Vegas), porque os estacionamentos são pagos e o Uber é tão barato que o trabalho de estacionar não vale o perrengue! Vai por mim!

Levar o bebê para os shows

Os shows de Las Vegas são incríveis, mas nada para visitar com um bebê. Sorry! Ainda que seja permitida a entrada de babies no Mystere do Cirque du Soleil (que na minha opinião é o espetáculo mais fraco do Cirque Las Vegas) manter um bebe entretido durante todo o espetáculo é quase impossível, isso se ele não abrir o berreiro e chorar de medo (ou por qualquer outro motivo). E o Blue Men Group – que também é liberado – é assustador de mais para um bebê. O espetáculo é barulhento e os carinhas azuis são zero amigáveis para alguém de poucos meses. Eu se fosse você não cairia na roubada de levar o baby para os shows!

E antes que você me pergunte, a idade mínima para assistir aos outros espetáculos do Cirque (O, Ka, e Love é 5 anos).

Quer uma dica?

Faça um revezamento! Uma noite alguém vai assistir um espetáculo e na outra vocês invertem. No nosso caso o revezamento foi um sucesso absoluto e tanto eu quanto o Gu pudemos curtir os shows que queríamos. (Quer uma dica? Fui assistir o La Reve no Wynn e esse é meu novo show preferido em Las Vegas, simplesmente incrível!)

Dicas pra se dar em em Las Vegas
Palco incrível do La Reve, um show que eu recomendo MUITO. Sem bebês!

Passear pela loja do M&M

Alguém me deu a brilhante ideia de passear com o baby na loja da M&M, e fora o fato que a mãe do bebê (AKA eu) se encheu de chocolate cor de rosa, achamos uma furada tremenda. Corredores apertados, crianças mais velhas gritando e correndo, e um labirinto de escadas rolantes. O Tom perdeu a paciência rapidinho e achamos que não vale o esforço. (Sem bebês a loja é bacana, e convenhamos que a chance de comer um saquinho de M&M’s rosa é sempre sensacional!)

Aproveite a viagem e faça um Bate-e-voltas maravilhoso

Para mim uma das graças de Las Vegas é a possibilidade de explorar vários parques lindos na região como o Valley of Fire, Red Rock Canyon e até mesmo o Zion National Park ou o Death Valley. O Grand Canyon fica bem mais longe é um passeio delicioso de 2 ou 3 dias (o Bate e volta eu não recomendo, especialmente com bebê)

Valley of Fire State Park
The Fire Wave np Valley of Fire

Na nossa ida a Las Vegas com bebê visitamos o Valley of Fire e foi sensacional. O Parque fica há pouco menos de uma hora da cidade e foi uma linda trégua do barulho e das luzes de Vegas. Isso sem falar nas fotos lindas de família. Recomendo muito o passeio!

Rotina do bebê na hora de viajar
Curtindo o Valley of Fire State Park com a family.

Nossa rotina em Las Vegas com bebê

Já contei um pouquinho como tentamos manter a rotina do bebê durante a viagem, e em Las Vegas não foi diferente. Durante a viagem para Las Vegas ele ainda fazia três sonecas e nós tentamos respeita-las o máximo possível.

Soneca da manhã no quarto
Ele acordava entre 7:00 e 7:30 da manhã, saíamos para tomar um café da manhã rápido (geralmente no restaurante do hotel) e voltávamos para o quarto para ele tirar a soneca da manhã no bercinho. Nesse meio tempo nós dormiamos junto ou trabalhávamos no computador. No dia em que fomos para o Valley of Fire, saímos de Las Vegas na hora da soneca dele.

Soneca de depois do almoço: na rua
Assim que ele acordava, ele mamava e em seguida saíamos para passear. Depois do almoço, colocávamos ele no carregador de bebê (ele sempre dormiu melhor carregado que no carrinho) e ele dormia. Num dos dia conseguimos fazer ele dormir no carrinho.

Soneca da tarde: no hotel
Quase todos os dias voltamos para o hotel no final da tarde para ele tirar mais uma soneca. Já estávamos cansados mesmo, então era bem tranquilo voltar.

A noite: revezamento de papais
E para curtirmos um pouquinho da vida adulta de Las Vegas o Gu e eu nos dividimos, enquanto um saia para passear com a familia do meu irmão o outro pedia comida no hotel e ficava no quarto. Para nós o revezamento funcionou HIPER bem!

E vale a pena visitar Las Vegas com bebê?

Sem dúvida. Adorei a viagem, amei encontrar com a família e curtir o lado mais tranquilo de Las Vegas. Ir para Las Vegas com bebê é sem dúvida bem diferente de uma viagem tradicional, mas é divertido e vale a pena! (Especialmente se você for combinar a viagem com um roteiro pela Califórnia, ou com um roteiro de carro pelo deserto americano).

E aí, curtiu as dicas?

Alguém aí já foi pra Las Vegas com bebê e quer compartilhar o que achou?

Guarde essa dica no Pinterest!

Las Vegas com bebê


Viaje sem stress

Reserve seu hotel em Las Vegas

Alguns hotéis que recomendamos:

Hotéis com bom custo benefício em Las Vegas

  • MGM Grand: O maior hotel de Vegas tem um custo benefício excelente
  • The Linq: Novinho e com um centro de entretenimento descolado
  • Flaminco: Bacana, reformadinho e em frente ao centro de entretenimento do The Linq.
  • Monte Carlo: Um ótimo custo benefício e muito bem conectado.

Vale ficar ligado

Dois hotéis que eu adoro a vibe são o Paris e o New York New York. Eles geralmente custam um pouquinho mais caro que os hotéis acima, mas são bem divertidos.

Quer um hotel top?

E pra quem quer um hotel incrível, Mandarin OrientalWynnBellagio e Aria são excelentes opções.


Veja também:


Para ficar por dentro de todas as novidades do Ideias na Mala, siga nosso instagram!

Planeje sua viagem

Comentários (19)

[…] Veja aqui nossas melhores dicas para aproveitar Las Vegas com bebê […]

O hotel Flamingo que vc recomendou só aceitas hóspedes com mais de 21 anos

Oi Rafael,
A tradução do booking foi mal feita. O hotel aceita crianças, mas possui áreas apenas para adultos!
Abraços

Oi Mari, tudo bem?!
Adorei o post! Já conheço Vegas mas dessa vez levaremos nossos filhos de 4 e 2 anos. Eu me lembro de ter passado por varias passarelas ao longo da Strip mas se pra ser sincera, confesso que na epoca nem me atentei sobre a dificuldade de se andar la com carrinho de bebes ou cadeira de rodas.
Sendo assim tenho 2 duvidas:
1-) existe outra opção de “caminho” pra fazer, considerando que estaremos com aquele carrinho de 2 lugares? Ou o jeito eh encarar as escadas (rolantes ou não qdo não existir elevador)? Ficaremos no Bellagio.
2-) foi tranquilo andar de uber com o bebê sem cadeirinha/bb conforto? Imagino que ele foi no colo, não? Algum motorista recusou a corrida qdo viu que havia bebê sem cadeirinha ou vcs não tiveram problemas? Estamos no maior dilema pq sabemos que alugar carro é roubada, mas ja sabemos que iremos ate o Stratosphere, por exemplo, e a caminhada eh longa…
O monorail eu nem vi/usei da outra vez? Mesmo ficando na parte de tras e fazer a gnt andar mais, vale mais que alugar carro?
Obrigada!

Oi Claudia,
Os Ubers em geral te olham torto – bem torto -mas acabam pegando a corrida. Nunca tivemos problema. O que sim já levei foi uma “chamada do Uber” porque alguém dos motoristas me reportou, achei bem covarde da parte dele aceitar a corrida e a bela gorjeta que deixei e depois me dedurar.
Quanto as passarelas, é um saco a caminhada e vc vai ter que fazer muito zigue-zague, mas em 90% dos casos, dá para fazer sim!
E não deixe de passear pelo Flamingo com as crianças que vão amar o pássaros.
Beijos

Olá, pretendo ir a Las Vegas no próximo mês com minha esposa e meu filho de 2 anos, você acha que o hotel Paris Las Vegas seria uma boa escolha? Estava pensando nesse hotel por ficar de frente para o Bellagio mas não sei se seria bom pra se hospedar com criança.

Oi Fabricio,
Seria uma ótima escolha!
O Flamingo acabou de ser reformado e é uma excelente pedida com os pequenos!

Que legal seu post. Estou tentando montar um roteiro para dezembro/18, meu esposo, eu e nosso filho que terá quase 3 anos (faz em janeiro). Pensei ficar 4 dias em Vegas, fazer esses programas que possam incluir ele, porém os show só aceitam acima de 5 anos esta me deixando frustada, pq não seria legal o revezamento já que estaremos sozinhos mesmo, sem cias familiares ou amigos, apenas nós 3.
Penso em ficar 4 dias em Vegas depois alugar um carro e ir para LA, ficar uns 5 dias e depois ir para São Francisco mais uns 4 dias….E de lá pegar um voo para NY passar o ano novo e voltar para BR.
Tem mais dicas para encaixar nesse roteiro?

Obrigada.
Ellen
e-mail: ellenvm10@gmail.com

Oi Ellen
Aqui no Ideias na mala vc encontrará mais de 200 posts com dias para engordar seu roteiro e o legal é que tem muita coisa bacana para fazer com criança.
Dá uma xereteada no site e qq dúvida é só escrever que eu respondo rapidinho.
Beijos

Oi Mari, tudo bem?!
Estamos indo agora, dia 23/03 para Las Vegas, Los Angeles e San Diego. Estou levando meu filho de 4 anos e a minha bebê de quase 6 meses (que ainda mama exclusivo). Vi que o tempo estará mais frio e já me dá medo sair com ela assim…o seu filho tinha quantos meses? Você foi em que período? Estava muito frio e ventando? O que você faz para amenizar? Terei que optar por passeios fechados e nada aberto, caminhar pela strip vai ser um problema….estou com bastante medo!!!

Beijos de Brasília
Alessandra

Oi Alessandra,
Caminhar pela Strip com bebê é muito chato – como detalhei no post – quase impossível. Fui em dezembro que também é inverno e empacotei meu bebê que na época tinha quase a idade do seu. Nessa hora lembre-se que as pessoas dos países mais frios do mundo tbm tem filhos -uma amiga querida que me deu essa dica – e que nada como uma roupa bem quentinha para deixar tudo ótimo!
Vá tranquila e confie na sua intuição de mãe
Um super beijo,
Mari

Olá….adorei as dicas, tenho uma dúvida em relação à alimentação do pequeno, como foi???

Oi Camila,
Nós fizemos a introdução alimentar do Tom com o BLW, ou seja, ele sempre comeu sólidos, então nosso desafio era buscar sempre coisas saudáveis – o que é relativamente fácil! Nos restaurantes mexicanos sempre tem arroz e feijão, é bem fácil compras frutas cortadas e por aí vai…
Respondi tudo?
Beijos

Mari, tudo bem?
Me preocupa esse lance do berço porque no booking não indica que há essa opção em quase nenhum hotel.
Mesmo sem a indicação, é certeza que eles tem?
Vou em agosto com minha neném de 1 ano.

Obrigada!
Liz

Oi Liz,
Nesses quase dois anos viajando com o Tom só duas vezes cheguei em hotéis sem berço, nas duas fiquei de mal humor, coloquei ele na nossa cama (o que eu detesto e boa). Se vc não quiser arriscar de jeito nenhum, vale dar uma ligadinha para o hotel.
Beijos

Agradeço pelo post. Estava pensando em incluir Vegas na road trip, mas depois de ler a decisão foi NÃO! rs.

Estou seguindo suas dicas incríveis.

Bjao!

Feliz de ter ajudado!
Beijos

Deixe o seu comentário