5 Motivos para viajar sozinha

Viajar sozinha é desbravar um mundo de possibilidades, do seu jeito. No post anterior contei porque eu gosto tanto de viajar sozinha, agora dou 5 motivos que vão te ajudar a refletir por que viajar sozinha é tão legal, e porque você também deveria experimentar. Pronta pra começar?

1) Ser dona das suas escolhas

Tem coisa mais gostosa (e mais verdadeira) do que fazer sempre o que você quer? Viajando sozinha posso caminhar o quanto eu quiser (ADOOOORO bater pernas), posso me enfurnar dentro de museus sem dó, posso alternar hospedagens em lugares baratíssimos (e de qualidade obviamente duvidosa que meu marido e grande parte dos meus amigos torceriam o nariz só de imagina) com noites no melhor hotel da cidade (o meio termo não me convém, sou 8 ou 88 #Felizdavida), posso passar o dia todo na beira da praia lendo um livro sem ter que dar satisfação pra ninguém e posso FUJIR de todas as baladas, porque eu simplesmente não acho a menor graça de música alta.

Cartões Postais #IdeiasnaAsia

Postais que comprei na última jornada solo pela Ásia. Olha só quanto lugar bacana que conheci !

2) Se conhecer melhor

Viajar sozinha é um exercício constante de autoconhecimento. É aproveitar a ausência de pessoas e de obrigações para pensar, e refletir. É perceber que a sua companhia já te basta, e que ter milhões de amigos é tão legal e tão divertido quanto passar um bom tempo com você mesma. É uma revisão constante de valores, é se questionar diariamente o que te faz mais feliz e como fazer para ser cada vez melhor.

Mari Vidigal Brandileone

Lendo meu livro quietinha em algum lugar do Camboja

Me bastar e estar feliz sozinha são dois dos melhores ensinamentos que viajar sozinha me proporcionaram e que carrego para minha vida em casa, saber quem sou e o que me faz feliz, me ajuda a ser mais verdadeira no meu relacionamento. Autoconhecimento também é a chave do sucesso para a boa convivência em grupo, e definitivamente minhas jornadas solo me ensinaram muito.

 

3) Perder o medo de dizer não

Outro aprendizado muito legal de viajar sozinha é me importar menos com os outros e mais comigo. Percebi que carregar peso me incomoda mais do que repetir a mesma roupa trocentas vezes (depois de lavar é óbvio) e que esperar a mala na esteira me incomoda tanto que prefiro fazer o (im)possível e não despachar.

Aprendi a tomar e bancar todas as minhas decisões. Sou a única responsável por todo e qualquer erro que venha acontecer, e quer saber? Me culpar ou me julgar não ajuda a resolver nada, muito pelo contrário. Só atrapalha.

Tive problemas? Vários. Me perdi? Muitas vezes. E cada perrengue, ou cada portada na cara me ajudam a lembrar que nem tudo são flores (e que no futuro terei uma boa história pra gargalhar). O perrengue me fortalece, e os desafios me tornam uma pessoa mais aberta (e rendem senhoras histórias pra contar).

Respeito meus medos (por mais legal que ir de moto para a cachoeira pareça, dirigir uma moto na mão inglesa, pode não ser uma boa idéia pra quem nunca sentou numa moto na vida) e não vou além dos meus limites (que são bem baixos). Segurança em primeiro lugar, sempre. Assim não tenho o menor pudor em dizer: “Não, obrigada” ou “Tô fora”. A vida é minha, e dela cuido eu.

IMG_7079

Feliz da vida tomando meu primeiro banho gelado nas águas do rio ganges – Eita friaca!

4) Aproveitar cada oportunidade

Muita gente deixa de fazer viagens incríveis ou fica em casa pasmando por falta de coragem de viajar sozinha. Aprender a viajar sozinha te permite aproveitar cada pedacinho das férias ou cada oportunidade de desbravar um lugar novo.

Duas coisas importantes:

  1. Você nunca vai saber se não gosta de algo, sem experimentar. Então não diga que viajar sozinha não é para você sendo que você nunca tentou.
  2. Não pense no que os outros vão pensar. Faça o que você realmente quer (que na maioria das vezes significa tomar coragem e ir) viajar sozinha não é tão assustador assim e é bem mais divertido do que parece.

Mari Vidigal Brandileone

Na canoa em Halong Bay: se eu fosse esperar alguém pra ir comigo pro Vietnã, estaria esperando até hoje.

5) Conhecer muita gente bacana

Outra MEGA vantagem de viajar sozinha é conhecer pessoas interessantes e completamente fora do seu círculo de amizades. Viajar sozinha faz com que você se aproxime de outros viajantes (vindos de todas as partes do mundo), fazer passeios diferentes dos que você faria (se você quiser, é óbvio, já que você é SEMPRE livre para dizer não) e fazer novas amizades para a vida. Já conheci tantas pessoas legais na estrada, que sou imensamente grata por cada oportunidade.

Taj Mahal com amigas

Meninas fofas que conheci na Índia: Anja (Suíça), Claire (Irlanda), Yulia (Alemanha) e Mari (eu)

E ai, pronta para encarar sua primeira jornada solo? Vai fundo que o mundo é lindo e tá te esperando!

 

#ViajandoSozinha

Este post é parte da série Viajando sozinha, uma fonte de inspiração para mulheres que desejam desbravar o mundo por conta própria.

 

Planeje sua viagem

Comentários (7)

Oi gostei do seu poste. E quero dizer que realmente viajar sozinha é tudo.
Eu tbm fiquei assombrada em tomar coragem e dizer ao meu marido, VC não quer ir comigo e seu filho, eu disse ok.
Nós iremos, fomos e deu TD certo. Chegamos no lugar achamos Hotel e conta, com café da manhã e muito confortável, a dona super simpática, as atendentes, as arrumadeira foi fantástica a experiência. Depois passamos muito o dia inteiro na Ilha, a praia maravilhosa, os lugares tiristicos, TD maravilhoso. Sorri, com meu filho de oito anos, brincamos, na damos dormimos a tardinha do por do Sol na praia, ótimos restaurantes, Boutique lindas, agora pensa se eu não tivesse tomado coragem e ir com meu filho, eu iria ficar frustrada, reclamando, stressado, eo pior dentro de casa a miga ninguém merece.

Aí quer um conselho viaje sozinha com seus filhos, se o marido não quier ir.
Depois ele te liga dizendo.

Amorzão como vc está aí com aquela voz de arrependido rsrsrskkkk gostei bem feito falei.
Viaje é sem medo de ser feliz claro com a cabeça no lugar aí pras casadas, as solteiras já sabem né se cuidem fica aí a dica

Viaje sozinha e sente a liberdade e alegria bjs.

Quatro anos dessa postagem, mas hoje em 2019 conheci suas Ideias na mala…. e estou amando. Me preparo para minha primeira viagem solo e ler o que você escreve tem me motivado muito, você não tem noção… Obrigada por compartilhar. Me sinto feliz com a ideia de viajar sozinha, pois quero ter essa experiência na vida. Adorei que escreveu sobre seus limites e diz que são baixos, visando sempre a segurança, claro rsrs. Ri muito disso, porque já tive vergonha de admitir meu terrível medo de altura, que ainda encaro quando há segurança. Também gostei do que disse sobre a mala, é sempre meu perrengue, demorei muitos anos pra não levar a casa toda na viagem e me arrepender, óbvio. Vou continuar lendo mais, já vi que há muita coisa boa que vai me ajudar muito. Abraço de Vila Velha-ES.

Oi Ana Emilia,
Que delícia de comentário e vai sim! É difícil pra tomar o primeiro passo, mas libertador!
Beijos

Obrigada pela visita e fez que gostou do post! Estou me esbaldando com seus posts da Alemanha! Bjs

Gostei deste post! Viajar sozinha é para pessoas fortes, seguras e equilibradas! Grande experiência

Deixe o seu comentário