Berkeley: Um jantar experiência no Chez Panisse

IMG_2798

 

Restaurante Chez Panisse, Berkeley – Califórnia

Gulosa como sou, o Chez Panisse estava na minha lista de restaurantes a visitar bem antes de eu chegar a Berkeley, Califórnia (cerca de 30-40 minutos de São Francisco). E sabendo que o restaurante e sua chefe Alice Waters revolucionaram a culinária californiana criando um estilo próprio que combina slow cooking (cozinha lenta) com ingredientes frescos, locais e orgânicos, minhas expectativas eram ALTÍSSIMAS.

O Chez Panisse tem dois andares, no térreo funciona o restaurante onde a cada noite há um menu fechado diferente (de três ou quatro pratos)  preparados com ingredientes da estação. Tudo é produzido no restaurante, do pão ao sorvete. São poucas mesas e a reserva é indispensável. O preço do menu varia de acordo com o dia das semana as segundas feiras o menu custa $65,00, de terça a quinta $85,00 e sexta e sábados $100,00. Dizem que o menu de sábado é mais requintado enquanto o se segunda feira é mais simples. Como fomos numa quarta feira experimentamos o menú meio termo e adoramos.

IMG_2800 IMG_2796

 

Fachada do Chez Panisse

No segundo andar há um bar/ café bem mais descontraído o menu também varia diariamente mas é bem mais barato e casual. Para o bar não é preciso fazer reservas, basta ter sorte de encontrar um lugar.

De volta ao nosso jantar, havíamos reservado para as 21:00 horas e fomos chamados pontualmente. O restaurante que acabou de ser reaberto depois de um incêndio que o obrigou a fechar a porta por três meses está cheirando a novo. O interior é todo de madeira decorado com lanternas e abajures.  Do lado direito estão as mesas e do lado esquerdo a cozinha, que não é enorme mas tem quase o mesmo tamanho da área dedicada as mesas.

IMG_2753

 

Na nossa mesa havia um cardápio de vinhos e um pequeno menu do dia…

IMG_2749 IMG_2751

 

 

Para abrir o apetite recebemos umas pimentas e uns pãezinhos incríveis. Uma das nossas principais críticas a culinária norte americana é que os pães daqui são muito piores que os Brasileiros e Europeus (com muito poucas exceções) e o Pão o Chez estava simplesmente perfeito, cascudo (entenda por crocante) por fora e mega macio por dentro.

IMG_2756 IMG_2759

O primeiro prato da noite foi um sashimi de Sea Bass californiano com pimenta preta e geléia de pepino. O sashimi tava tão gostoso que até o Gustavo que não é fã de peixe cru comeu feliz da vida. A geléia de pepino, super suave combinada com pedacinhos de pepino cortadinhos deram um toque especial.IMG_2765

 

O segundo prato também estava bem gostoso, uma massa levíssima (dessas que literalmente derretem na boca) coberta com molho de tomate vermelho, hortelã e pinoli. Tão acostumada a comer massa com manjericão fiquei encantada com a ideia do hortelã, que combinou para lá de bem.

IMG_2771

 

E o terceiro prato parece que foi pensando especialmente para mim, pato com molho de cogumelos selvagens com legumes e batatas. (Sou mega fã de pato e peço 90% das vezes que vejo um no cardápio… presentão de aniversário). O pato estava no ponto certo macio com casquinha crocante do jeitinho que tem que ser. O cogumelo do molho (Morel Mushroom) eu nunca havia experimentado e adorei, super saboroso.

IMG_2775

 

E para fechar o cardápio uma sobremesa TOP, um suflê de damascos absurdamente cremoso. O suflê veio acompanhado de uma jarrinha de creme inglês e a ideia era abrir o suflê com a colher e despejar o creme dentro. Meu lado formiga pirou com a maciez do suflê, comi devagarinho querendo que durasse para sempre.

IMG_2777

 

Antes de sair do restaurante fomos conhecer a cozinha que é bem bacana… toda aberta. As carnes chegam inteiras e são cortadas no próprio restaurante, cada pedacinho vira um prato diferente.

A máquina de sorvete funcionando a mil também me chamou a atenção, numa próxima ocasião visitarei o café para provar desse famoso sorvete

IMG_2787 IMG_2782 IMG_2784 IMG_2783

 

E aqui terminou nosso jantar (e o meu aniversário). Para quem vem para a região de São Francisco, #FICAADICA. Só não deixe de reservar com antecedência pois costuma lotar bem depressa.

Além de conhecer o Chez, a cidade de Berkeley é uma graça e tem um monte de lugares para visitar, mas isso deixarei para um próximo post.

Localizese:

Chez Panisse

Reservations

1517 Shattuck Avenue | Berkeley, California

 

Veja também:

Berkeley: primeiras impressões: https://ideiasnamala.com/2012/05/26/berkeley-primeiras-impressoes/

Muir Woods: a terra das red woods: https://ideiasnamala.com/2012/10/15/california-visitando-a-terra-das-sequoias-gigantes/

São Francisco: um passeio pela Alamo Square e arredores: https://ideiasnamala.com/2012/06/01/sao-francisco-um-passeio-pela-alamo-square-e-arredores/

Planeje sua viagem

Comentários (7)

[…] Chez Panise*: Um jantar experiência comandado pela renomada Alice Waters […]

[…] de quarta a sábado das 8 as 16:00), a dona dessa simpática padaria trabalhou muitos anos no Chez Panisse, um dos restaurantes mais famosos da Califórnia (e um dos meus preferidos). Os doces são lindos, […]

[…] produtos locais, cuidadosamente selecionados e um menu de degustação que varia diariamente. O restaurante Chez Panisse é pequenino, aconchegante e pra lá de romântico, um lugar que faço questão de visitar em […]

[…] Essa pequena cidade estudantil pertinho de São Francisco tem uma atmosfera única que combina hipsters modernos com estudantes universitários e gente super descolada. Berkeley é casa de um dos restaurantes mais famosos da Califórnia o Chez Panisse. […]

[…] famosa gastronomia local. Tem muitas opções que variam desde o premiadissimo e não muito barato Chez Panisse, um restaurante conceito que combina ingredientes locais em receitas super diferentes, ao Top Dog […]

[…] Chez Panisse: um jantar experiência em Berkeley: https://ideiasnamala.com/2013/07/12/berkeley-um-jantar-experiencia-no-chez-panisse/  […]

Deixe o seu comentário