Oakland Zoo: Saiba como é a visita

Conheça o Oakland Zoo e a novíssima California Trail, uma viagem linda por mais de 600 espécies de animais da Califórnia e do mundo sustentada por um projeto de conservação pra lá de bacana e vistas lindas da baía de San Francisco. Pronto para se encantar?

Oakland Zoo: Saiba como é a visita

Um projeto bacana, um zoo ultra bem conservado, e vistas privilegiadas da baía de San Francisco são alguns bons motivos para visitar o Zoo de Oakland, um passeio bem interessante para adultos e crianças.

O Oakland Zoo é dividido em 6 grandes áreas:

  • California Trail: área mais nova do parque onde ficam as espécies nativas da Califórnia. É espetacular!
  • African Savana: Alguns dos preferidos dos pequenos como Girafas, Zebras, Elefantes, hienas e leões
  • Tropical Rainforest: Os tigres são a estrela desse pedaço que também conta com macacos e ursos
  • Children’s Zoo: Uma área interativa e interessante com uma mini fazendinhas para os pequenos, tartarugas gigantes, jacarés e morcegos
  • Wild Australia: Um trenzinho te leva a Austrália selvagem com cangurus e emas. Não visitamos este pedaço.
  • Adventure Landing: Aqui está o trenzinho que te levará a região da Australia e vários outros brinquedos típicos de parque de diversão. Não visitamos este pedaço.

Nós visitamos a parte baixa e deixamos a Califórnia Trail para o final, mas os meninos ficaram tão cansados que não aproveitaram tanto o pedaço mais especial do Zoo, assim, minha dica para quem visita o Zoo de Oakland pela primeira vez é: Comece pela Califórnia Trail! Aí vão os melhores momentos da nossa visita!

Tropical Rain Forest: Ursos, pássaros e macacos

Começamos nossa visita no Zoo de Oakland pelos Flamingos, eles ficam logo na frente do portão de acesso e são uma pedida linda para inaugurar qualquer passeio, depois de namorar os flamingos um bocado, visitamos ursos brincalhões e uma porção de macacos (um Siamang maravilhoso que nos deu uma encarada forte), chimpanzés barulhentas (infelizmente o vidro do viveiro estava um pouco embaçado e não enxergamos tão bem, e uma porção de macacos prego brincalhões. Não sei quanto a vocês mas desde pequena sou louca pelos macacos, adoro suas acrobacias e não precisaria ver nenhum outro animal para sair do zoo feliz a beça. Ô bichinho esperto.

Oakland Zoo
Flamingos
Oakland Zoo
Tom dando tchau para o macaco Siamang
Oakland Zoo
Os ursos vieram nos receber com muita bagunça

Levamos um carrinho de bebê guarda-chuva  que serviu de enfeite neste primeiro pedaço já que o Tom fez absoluta questão de fazer tudo a pé, andando sozinho, chamando os tigres (falamos que vamos ver tigres, e ele ficou animadão!) e cantarolando para cada um dos animais.


Children’s Zoo e a maior tartaruga que já vi

Nossa próxima parada foi o Children’s Zoo, uma área com várias animais interessantes e um pedacinho bem legal para os pequenos brincarem e fotografarem. Neste pedaço o que mais chamou a atenção do Tom foram os jacarés – que na real, estava um pouco escondidos de mais – mas eu e o Gustavo ficamos impressionadíssimos com o tamanho das tartarugas, nunca tinha visto uma tartaruga tão gigante (no vídeo que está no começo do post dá para ver bem o tamanho da danada!)

Oakland Zoo
Jacaré tentando se esconder
Oakland Zoo
A maior tartaruga que já vi

Um destaque desta área é o estábulo das cabras e ovelhas onde os pequenos podem interagir com os animais. Aqui mais um superlativo para a minha vidinha: vi a maior cabra da minha vida, e fiquei embasbacada com o tamanho dela. Além da cabra jumbo haviam dezenas de cabritinhos fofos, ovelhas e até uma gato.

Oakland Zoo
E sente só o tamanho desta cabra!

Fomos recebidos por um time de crianças voluntárias que nos explicou que não podíamos tocar nem no rabo, nem nos chifres ou nos dentes das cabras, mas que poderíamos fazer carinho e penteado-las. Tom a Caio aproveitaram para tocar os bichinhos e curtiram bastante a experiência.

Oakland Zoo
Cabras e bodes

African Savana: Zebras, Girafas e elefantes

Ainda não tínhamos visto o danado do tigre, mas conseguimos realizar uma série de desejos do pequeno. Vimos elefantes (o viveiro dos elefantes deste zoo é super amplo e serve de referência para outros zoos do mundo – o do Zoo Safari de San Diego me pareceu mais amplo, mas não dá para negar que é um bom espaço), leões (que vimos acordados por pouco, chegamos e logo eles deitaram), Zebras (sempre maravilhosas), hienas (o Gu nunca tinha visto uma hiena de perto e achou sensacional) e uma área super caprichada com girafas e antílopes (Elands).

Oakland Zoo
Girafas
Oakland Zoo
Elefantes
Oakland Zoo
Leão quase deitando para dormir
Oakland Zoo
Hiena sonolenta
Oakland Zoo
Zebras

California Trail: A parte mais incrível do Zoo de Oakland

Um passeio de gôndola conecta a parte baixa do Zoológico a California Trail, uma área de animais nativos da Califórnia inaugurada em julho de 2018, e o grande Highlight do Oakland Zoo.

Oakland Zoo

A subida de gôndola é especial, primeiro porque os pequenos AMAM a experiência, e segundo porque o parque fica numa localização privilegiada de Oakland e tem vistas maravilhosas da baía de San Francisco, num dia claro e sem neblina dá para ver a cidade todinha (bem de longe, é claro) rodeada pela grande área verde do Zoo. Achei o máximo!

O Restaurante: Comida gostosa e saudável

Chegando no topo há um restaurante com comidas ótimas e várias opções saudáveis (VIVA! Não é porque estou fazendo um programa de criança que tenho que comer hambúrguer meia boca e batata frita gordurenta, certo?!)

Pedimos uma bela salada, um sanduba bem caprichado e salada de frutas para os pequenos. E para os adeptos de junk food de plantão, não se preocupem, rs. Também tem hambúrguer e batata (e tava com uma cara ótima por sinal)

Oakland Zoo
Salada do Oakland Zoo
Oakland Zoo
Sanduiche
Oakland Zoo
Salada de frutas

O Centro de visitantes do California Trail: Diversão e aprendizado

Depois de comer demos um pulinho no centro de Visitantes que fica bem em frente ao restaurante, e é um espaço bem lúdico com várias atividades com fundo educacional para grandes e pequenos. O centro de visitante tem paredes de vidro que ficam bem de frente para a área dos ursos e para a nossa grande e sorte e deleite haviam dois ursos grandes e brincalhões se exibindo para a galera.

Oakland Zoo
Urso brincando

Poucas coisas no mundo tem o pode de deixar o Antonio (2 anos e meio) entretido e compenetrado por muito tempo, mas os ursos conseguiram. O Tom ficou encantado pelos bichos e demorou para perceber que ali do ladinho havia uma ponte de brinquedo simulando uma ponte suspensa. O Caio (8 meses) que nunca havia visto um urso antes grudou seus olhinhos no vidro e sorriu.

Oakland Zoo
Baby Caio encantado com o urso

Quando os ursos resolveram de mandar dali ficamos um bom tempo curtindo as atividades do centro de visitantes, desenhando nas ilhas de plástico que compõem uma linda árvore (e que são reutilizadas! Viva) os imãs com mensagens de conservação, o barco, e a grande campeão do dia: a pequena ponte suspensa. Acho que o Tom cruzou a ponte umas 50 vezes, e na real, tivemos bastante dificuldade em tirar ele do centro de visitantes.

Oakland Zoo
Caio brincando com a árvores de folhas

Um parquinho espetacular para gastar a energia dos pequenos

E as atividades lúdicas para crianças não param por aí, bem pertinho do centro de visitantes há um parquinho caprichado com esculturas de animais, mini tirolesa, escorregador, e no verão brincadeiras de brincar com água. Um parquinho perfeito para gastar a energia dos pequenos. O Tom ficou tão empolgado com as possibilidades que acabei fotografando pouco e deixei ele brincar.

Oakland Zoo
Escorpião de brinquedo na Califórnia Trail

Dica: Muitas famílias deixam o parquinho para visitar no final do circuito, assim dá tempo de ver os animais com calma e gastar tudo o que sobrar da energia dos pequenos antes de pegar a gôndola de volta.

Animais nativos da Califórnia

E depois de muita brincadeira divertida, chegou a hora de passear pela Califórnia Trail, uma trilha pavimentada 100% acessível e com vidros grandes na área dos animais. Antes de contar detalhes da nossa visita quero falar que toda essa nova área do zoo foi projetada focando nos animais e em imitar ao máximo seus habitats naturais, o viveiros são enormes, montanhosos e repletos de vegetação. Sabe o que isso significa? Que são boas as chances de você sair de lá sem conseguir enxergar todos os animais. E como eu amo encontros reais com a natureza, achei bem legal!

Oakland Zoo
Pegada de urso na California Trail

Começamos a visita pelos bisões que ficam em um espaço bem bacana com outro mirante lindo para a baía de San Francisco, são 12 bisões (10 fêmeas de 2 machos) que fazem parte de um ambicioso projeto que pretende devolver milhares de bisões para a região do Glacier National Park, em Montana.

Oakland Zoo
Bisões na California Trail

E dali fomos completando todo o circuito passando pelos ursos, leões da montanha, lobos, onças pintadas, condors da California e outras espécies locais. Como chegamos neste pedacinho já a tarde, grande parte dos animais já estava descansando, assim deixo uma dica importante: visite a Califórnia Trail no comecinho do seu dia para aumentar suas chances de ver os animais. Nós tivemos um gostinho bacana, mas saímos com vontade de ver mais!

E o tão esperado Tigre (ou melhor, tigres!)

Ao descer da gôndola finalmente encontramos com um dos animais preferidos do tom: O tigre. Eram vários tigres, grandes e sonolentos. Eles já estavam dormindo (visite os tigres no começo do dia) mais ainda assim fizeram a alegria do Tom que constatou com alegria “O tigeeee! O tigeee tá dumindo”.

Oakland Zoo
Tigre dorminhoco

Depois de ver os tigres nos despedimos do Zoo de Oakland felizes com a experiência, foi suuuper bacana!

Um projeto de conversação bacana

“Você precisa conhecer o Zoo de Oakland” – me disse uma amiga querida. Será? Pensei encucada. Desde que voltei da África do Sul mudei e muito minha forma de ver a relação Homem-animal silvestre e passei a evitar zoológicos. Na real, achei que nunca mais pisaria em um Zoo na vida até conhecer o Zoo de San Diego e aprender todos os projetos fantásticos que eles desenvolvem. Fale o que quiser, mas se não fosse o Zoo de San Diego, e outras organizações com propósito bacana, várias espécies como o Condor da Califórnia (que já chegou a estar extinto na natureza) seriam história. Alguns anos depois conheci o Zoo Safari Park – do mesmo grupo do Zoo de San Diego – e que também é ESPETACULAR – e depois de ouvir falar muito bem sobre os Zoo de San Francisco e o Zoo de Oakland, pesquisei sobre o projeto e aprendi que sim valeria a pena visitar.

Oakland Zoo
Este banner na subida do California Trail fala um pouco sobre os projetos do Zoo

O Zoo de Oakland faz parte de um projeto de conservação de espécies bacana, que além de apoiar diversas ONG’s pelo mundo, tem seu próprio hospital veterinário, que por sinal é o maior da Califórnia e cuida de 8 projetos de proteção de espécies ameaçadas como o sapo de patas amarelas e o leão da montanha. Outro ponto importante é o tratamento dos animais no Zoo com áreas bem espaçosas e que simulem o habitat natural dessas espécies, destaque absoluto para a California Trail com áreas gigantescas para os animais e todo um suporte educacional para cada espécie. Os animais expostos nessa área de Zoo foram resgatados na natureza (e não teriam grandes chances de sobreviver se fossem devolvidos) ou trazidos de outros zoo com propósito bacana. Quemquiser pode pesquisar e aprender a história de cada um deles!

De volta ao bate-papo com a minha amiga, ela tinha razão. Saí do Zoo de Oakland muito bem impressionada com as instalações, e já sentindo que precisamos voltar… Era tanta coisa linda para ver que faltou tempo.

Adventure Landing: O parque de diversões

Saímos do Zoo com dois pequenos exaustos e prontos para a soneca da tarde, mas quem tiver mais energia ainda pode se divertir no parque de diversões que fica logo na entrada. Não tive coragem de passar lá para ver as possibilidades (não sou nem doida de “acordar” duas crianças prontas para dormir) mas sei que tem trenzinho, carrossel e até uma mini montanha russa (essas atrações são pagas a parte). Para quem quiser ver a área da savana africana (com direito a leões, girafas e elefantes) do alto, dá para pegar um teleférico à moda antiga e fazer o circuito do alto (essa atração também é paga a parte).

Planeje sua visita ao Oakland Zoo

Site: https://www.oaklandzoo.org

Horários de funcionamento:

  • Segunda à domingo: 10:00 – 16:00

Ingressos:

  • 2-14 anos: $20
  • 15-64 anos: $24
  • 65-75 anos: $20
  • Maiores de 75: grátis

Estacionamento:

  • $10

Endereço: 9777 Golf Links Rd, Oakland

Não esqueça do seguro viagem!

Quem viaja com crianças deve ter atenção dobrada quando se fala em saúde! É claro que ninguém quer ter imprevistos, mas todo cuidado é pouco quando estamos fora de casa e com tudo “programado”, pois as coisas podem sair do planejado.

Eu, que sou “macaca velha” no ramo de viagens, prezo pelo meu conforto e tranquilidade e uso e abuso da Seguros Promo para fazer a contratação da minha apólice. O site é totalmente em português, super fácil e rápido de mexer. Ele funciona como um comparador de seguros, te trazendo uma listagem com o que há de melhor no mercado de acordo com os padrões que você estipula. Ai você só fica com a parte de comparar e escolher o melhor custo x benefício – mão na roda, né?

E para ter mais desconto, clique aqui e insira nosso cupom IDEIASNAMALA5 para ganhar 5% de desconto na compra do seu seguro viagem.

E aí, curtiu nossa visita ao Oakland Zoo?


Veja também:

Planeje sua viagem

Comentários (1)

[…] sensação do Zoo de Oakland é a Califórnia Trail, uma área inaugurada em 2018 focada em animais nativos da Califórnia. Os […]

Deixe o seu comentário