O que fazer em Big Bear Lake, destino com neve na Califórnia

A Renata Christine viajou com a família para Big Bear Lake, na Califórnia. O destino é excelente para quem quer curtir neve pertinho de Los Angeles. Ela amou o passeio e se apaixonou tanto por Big Bear Lake que escreveu um post completinho com muitas dicas para ajudar quem planeja fazer uma vigem parecida: quando ir e o que fazer na cidade. Vamos nessa?

Big Bear Lake, uma cidade com muita neve e diversão pertinho de Los Angeles

Texto e imagens: Renata Christine

Em dezembro de 2015, minha família e eu fizemos uma viagem de carro pela Califórnia (foi a nossa primeira vez na costa oeste dos EUA). Com o dólar nas alturas e diante de uma super promoção de passagem aérea para Los Angeles, a solução foi pesquisar bastante para economizar o máximo. Foi assim que conhecemos a cidade Big Bear Lake. Quer conhecer você também?

Pitaco da Mari: Antes de entrarmos de cabeça no relato da Renata, fizemos um pequeno menu com algumas das informação mais procuradas por quem deseja conhecer essa cidade. Clique no item que mais te interessa ou leia o post todinho para esclarecer todas as suas dúvidas – além, de claro, se inspirar para a próxima viagem!

Quando ir para Big Bear Lake

Big Bear Lake é bem famosa no inverno, já que é a estação de esqui mais próxima de Los Angeles. Mas, como falaremos mais para frente, a cidade é um destino bacana para o ano todo. Por lá, o verão é morno e quase não tem nuvens no céu. O inverno é bastante frio e seco. Ao longo de todo um ano a temperatura varia de -5 °C a 27 °C.

Quer neve?
Para brincar na neve, vá até a cidade entre novembro e abril – é o período com maior precipitação de neve.

Quer um solzinho?
Se você prefere curtir um céu azul e aproveitar as atividades que uma temperatura mais quente pode oferecer, o período ideal para você é de fim de junho ao início de setembro.

Lake Tahoe ou Big Bear Lake?

Aproveitando a viagem no inverno, teríamos a oportunidade de conhecer neve e isso bem pertinho das cidades que já estavam no nosso roteiro.

A princípio, nossa escolha era Lake Tahoe, mas tínhamos apenas um dia para permanecer na cidade. Ao colocar na balança 4 horas de viagem para ir (partindo de São Francisco) e 8 horas para voltar (sentido Los Angeles, direto para o Aeroporto), achamos que não valia a pena o cansaço. Uma eventual ida à Tahoe significaria investir muitas milhas em pouco tempo, apenas para aproveitar um dia.

Por que escolhemos Big Bear Lake?

Nunca tivemos intenção de aprender a esquiar de verdade (não tenho coragem, nem coordenação motora para tanto), então precisávamos de um lugar que oferecesse outras opções de lazer em família.

Incrivelmente, Big Bear Lake atendeu a todos esses requisitos. A cidade fica a apenas 2 horas de carro de Los Angeles em uma estrada bem segura. Além disso, Big Bear Lake é repleta de hotéis com bons preçso e ainda oferece atividades para família em todas as estações do ano!

The Village em Big Bear Lake

Aluguel de carros na Califórnia

Big Bear Lake fica a uma distância aceitável de Los Angeles, San Diego e até mesmo de Las Vegas, portanto é um destino fácil de ser encaixado na sua viagem pelos Estados Unidos.

Para isso, alugar um carro é fundamental. Aqui no Ideias na Mala, a nossa dica é reservar o seu carro pela Rent Cars. Assim, você pode fazer um comparativo entre as opções oferecidas, pagar em reais e parcelar o valor em até 12 vezes sem juros (e sem IOF).

O que fazer em Big Bear Lake

A cidade proporciona muitas atividades para a família toda – tanto no inverno quanto no verão. Durante a temperatura mais fria você pode, claro, se divertir nas pistas de esqui e snowboarder, andar de teleférico, degustar vinhos e curtir o clima nos restaurantes e bares da The Village. Já no verão, dá para passear pelo lago da cidade, alugar um caiaque, fazer piquenique nos jardins de Big Bear Lake e provar algumas das exclusivas cervejas locais. É um ótimo destino para o ano todo!

Big Bear Lake no inverno: muito além do esqui

Como estávamos no início do inverno e próximo das festas de fim de ano, os espaços de lazer, chamados de Play Snow, estavam funcionando com horário diferenciado: das 10h às 16h (day session), fechando para manutenção e, então, reabrindo às 17h (night session – apenas em datas específicas).

Fique atento aos horários: chegamos ao Magic Mountain por volta de 15h30 e quase pagamos o valor de 25 doletas por pessoa para ficar apenas meia hora. Isso mesmo, o espaço fecha. Ainda bem que fomos avisados pela atendente da bilheteria e conseguimos entender ao menos isso com nosso “inglês macarrônico”. Optamos por dar uma volta na Starbucks e na Dollar Tree (ficam a menos de 3 milhas de lá) e retornar após às 17h.

Como funciona o Magic Mountain:

A diversão é garantida! Você pega uma boia grandona, utiliza uma esteira rolante para chegar ao topo e desce o tobogã esculpido na neve. Dá um friozinho na barriga, mas vale muito a pena. Minha filha de 13 anos foi umas 7 vezes. Eu levei a caçulinha de 3 anos no colo. Fiquei meio insegura, mas deu super certo. Ela amou!

Big Bear Lake
Tubing em Big Bear Lake

Ainda há opção de subir de teleférico e descer uma pista de concreto utilizando um trenó (Alpine Slide at Magic Mountain), mas este custa $6 por descida ou $25 para 5 descidas.

E, para quem quiser esquiar, Big Bear tem duas estações de Ski diferentes, a Bear Mountain e o Snow Summit. Neve e diversão não vão faltar na sua viagem!

Big Bear Lake no verão

E, aparentemente, Big Bear Lake também é um destino divertido para quem viajar na primavera ou no verão: há passeios de helicóptero, golf, camping e atividades no lago, como pescaria, canoagem, entre muitos outros. Veja todas as opções no site oficial da cidade.

Onde se hospedar em Big Bear Lake

Fazer um bate e volta até Big Bear Lake pode ser válido – ou até mesmo curtir apenas um dia aproveitando a passagem pela cidade durante o seu roteiro. Mas, se puder e couber na sua viagem, vale ficar alguns dias para aproveitar tudo o que Big Bear Lake tem para te oferecer. Assim, você pode aproveitar o centro da cidade, curtir o pôr do sol, fazer atividades de neve em algum centro de ski ou, se for no verão, aproveitar para fazer caiaque no lago. Aqui, você encontra uma pequena seleção de hotéis para se hospedar na cidade – tem para todos os bolsos! Além disso, é possível encontrar boas opções de casas campestres pela cidade (uma ótima pedida para famílias grandes).

Nosso hotel: O Marina Resort

A hospedagem foi uma surpresa a parte. Fizemos reserva online no Marina Resort e fomos agraciados com uma super vista do lago (que estava começando a congelar).

Big Bear Lake
Nosso hotel
Big Bear Lake
Vista da varanda do hotel

Os quartos são bem confortáveis e o preço é muito camarada. Não tem café da manhã, mas essa foi nossa desculpa para provar as delícias matinais que a cidade podia oferecer.

Big Bear Lake
Quarto do Marina Resort
Big Bear Lake
Banheiro

A localização do hotel também é um ponto positivo. Ficamos coladinhos com um centro comercial chamado The Village – com ruas mega charmosas, decoradas para o Natal, lojinhas e restaurantes encantadores para explorar e para proteger do frio.

Outras boas dicas em Big Bear Lake:

Para jantar nossa dica é o Jaspers House, olha só o prato que delícia.

Big Bear Lake
Jantar Jaspers Smoke House

Um pouquinho mais sobre Big Bear Lake

Havia ainda lareiras/fogueiras espalhadas pelas ruas, com moradores e turistas em volta conversando animadamente.

The Village - Big Bear Lake

The Village - Big Bear Lake
Fogueiras espalhadas pela vila
Big Bear Lake
Nossa família curtindo a neve

Agora some tudo isso a um pôr do sol incrível. Muita lembrança boa!

Big Bear Lake
Pôr do sol em Big Bear Lake

Big Bear Lake

A cidade é perfeita para crianças, adultos, idosos e também casais em lua de mel.
E então? Já está convencido de que suas próximas férias devem ser na California e que incluir Big Bear Lake no roteiro é uma ótima pedida?

Veja aqui a localização exata de Big Bear Lake:

Contrate um seguro viagem

Para viajar tranquilo, escolha um seguro de boa cobertura e que cubra tudo no ato – isso evita que você gaste dinheiro e perca um tempão depois para conseguir o reembolso. O seguro viagem vai muito além de emergências hospitalares e oferece cobertura para casos de extravio de bagagem, atraso no voo, entre outros.

Por aqui, nossa sugestão é que você faça sua cotação com a Seguros Promo, uma empresa que compara apólices, apresentando uma listagem com os melhores seguros disponíveis no mercado. Assim você escolhe o que melhor se adeque ao seu estilo de viagem e que caiba no seu bolso.

Clicando aqui e inserindo nosso cupom IDEIASNAMALA5 você ganha 5% de desconto na compra do seu seguro viagem.

Sobre a Renata: Tenho 33 anos, sou analista de correios e moro no interior de SP com o marido e duas princesas. Sou movida a férias! Volto de uma viagem já pensando na próxima. Consigo me divertir desde o planejamento, pesquisando cada detalhezinho, até o momento de montar o scrapbook com as fotos (quando bate aquela deprê pós-viagem). Coleciono copinhos shot e papeizinhos inúteis que a gente insiste em trazer na mala (tickets, mapas, postais). Prometi para mim mesma não viajar para a Disney todos os anos. Não consigo cumprir minha promessa desde então.


Veja também:

Faça seu seguro de viagens

Guarde este post no Pinterest!

big-Bear-Lake

 

Planeje sua viagem

Comentários (15)

[…] No auge da temporada de esqui minha resposta é um não categórico. Neve por neve, há destinos de neve na Califórnia mais acessíveis e mais baratos. Se você está em San Francisco, opte por Lake Tahoe ou Yosemite Park. Se você está em Los Angeles vá de Big Bear Lake. […]

Adorei as dicas!! vou agora em dezembro com a familia. Minha dúvida eh sobre o acesso. Eh facil chegar? Meu medo sao as ruas cobertas por neve

Oi Priscila,
É montanha, ou seja, pode sim ter neve na jogada.
Vale ter correntes no carro (e treina como colocar elas antes da neve, isso vai te ajudar bastante!)
Beijos

Imensamente obrigada por compartilhar. 1000 corações nesta matéria?

Muito legais suas dicas! Parabéns e obrigado.

Obrigada pela visita e pelo comentário Ney! Feliz que o Ideias na mala está ajudando no planejamento da viagem!
Abraços,
mari

Adoro as suas postagens. Em julho estarei indo a Alemanha com a minha filha.
Vou pegar dicas com vc.
Um gde abraço

Que delicia Martha!
Beijos

Oi Renata! Descobri sua pagina hj e amei! Sou como vc! Movida a ferias! Tb faco scrap e coleciono cada parada da viagem! Obrigada pelas dicas

Oi Fernanda,
Obrigada pela visita!
Feliz que o Ideias na mala esteja ajudando nas viagens!
Beijos e continue colecionando o mundo!

Olá, Renata! Estou pensando em ir na última semana de novembro! Vc sabe se já há neve nessa época? Obg. Franklin

Oi Franklin, neve em novembro dependente do ano e dá sorte. Não dá para contar.
As estações de esqui se planejam para abrir no feriado de Tks Giving, mas nem sempre tem neve o suficiente.
Beijos

Avaneide França Sampaio

Parabéns Renata… Viajei com você com essa matéria….

Parabéns Renata Christine , adorei a matéria

Deixe o seu comentário