O que fazer em Montevidéu – 15 Dicas de passeios na capital do Uruguai

Montevidéu, a capital do Uruguai, é uma cidade pequena em seu tamanho, mas gigante no charme. O local tem recebido cada vez mais brasileiros, e não é por menos, o Uruguai é receptivo, fácil de viajar e relativamente barato se comparado a outros destinos do mundo.

De volta a Montevidéu, a cidade é considerada uma das cidades latino-americanas com maior qualidade de vida do mundo – e você vai perceber isso logo de cara! Neste post reunimos as melhores dicas de Montevidéu para você programar uma viagem incrível

A população é super receptiva e educada – e as atrações em Montevidéu são ecléticas! Ah, a gastronomia também é uma delícia, você vai se encantar pela comida da cidade (e claro que vamos te dar dicas de onde comer por lá). Ainda que pequena, a cidade tem muito o que fazer e conhecer, por isso fizemos esse post para você curtir o melhor de Montevidéu sem dor de cabeça.

Neste post você vai encontrar:

[Clique no menu para ir direto ao ponto ou se preferir leia o post todo.]

o que fazer em Montevidéu

Dá para conhecer boa parte das atrações de Montevidéu a pé – e isso é uma das coisas mais legais da cidade. As ruas são charmosas e carregam toques da vanguarda. Você vai conhecer o centro histórico da cidade, onde está a Plaza Independencia e o Palácio Salvo, o Mercado del Puerto e muito mais. Além de curtir a noite de Montevidéu!

Aí vão as principais atrações turísticas de Montevidéu:

  1. Praça da Independência e arredores
  2. Palácio do Salvo
  3. Teatro Solís
  4. Plaza Matriz e Catedral de Montevidéu
  5. Mercado do Porto
  6. Passear por Las Ramblas
  7. Conhecer a Avenida 18 de Julho
  8. Estádio de Futebol do El Centenário
  9. Curtir a noite de Montevidéu
  10. Museus de Montevidéu
  11. Jardim Botânico
  12. Parque Rodó
  13. Praias de Montevidéu
  14. Cassinos em Montevidéu
  15. Conhecer uma vinícola próxima de Montevidéu

1- praça da Independência e arredores

O que fazer montevideo
Plaza Independencia | Foto: Wikimedia Commons

Entre o centro de Montevidéu e a Cidade Velha, está a Praça da Independência, a mais famosa da cidade. Nela, estão diversos prédios e monumentos importantes como o Edifício Libertad, atual sede da presidência do Uruguai. Ao lado dele, você verá o Palácio Estevez, antiga sede da presidência uruguaia e que atualmente funciona como um Museu Presidencial. Comparando uma sede com a outra, logo percebe-se as mudanças e transformações ocorridas no Uruguai nos últimos anos.

A Praça é um grande retângulo repleto de árvores com uma grande estátua de um homem sentado em um cavalo no centro. Este homem, José Artigas, tem seus restos mortais guardados dentro de um mausoléu embaixo da estátua, é conhecido como herói nacional e o fundador da nacionalidade Uruguaia. A estátua começou a ser construída em 1884 e só terminou 29 anos depois.

Cidade Velha

Porta da Ciudadela
Porta da Ciudadela

A “Ciudad Vieja” é o centro histórico de Montevidéu e sua “entrada” se dá por uma porta antiga, a porta da Ciudadela (puerta de la ciudadela). Esta porta é o que restou dos tempos onde Montevidéu era uma cidade murada – imaginem que a cidade toda era o que hoje se chama de Cidade Velha, bem pequena mesmo.

Rua Sarandí

Caminhando para a rua de frente da Porta da Ciudadella, você chegará na rua Sarandí, repare que o chão desta rua tem vários sols dourados, o Símbolo do país – o mesmo que está na bandeira.

Detalhe no chão da rua Sarandi - Montevidéu

Aos sábados esta rua é palco de uma feirinha que começa na saída da porta da Ciudadela e termina na bonita Plaza da Constituición, a feirinha não é tão famosa quanto a grande feira Uruguaia Tristán Narjava, mas já dá um belo gostinho. A feira parece ser dividida em dois pedaços: presentes e lembrancinhas na Calle Sarandi e Antiguidades na Plaza da Constituición.

2- palácio do Salvo

Em uma das extremidades da Plaza Independencia você verá um grande prédio antigo, o Palácio do Salvo. Inaugurado em 1925, foi por muitos anos o prédio mais alto da América do Sul – o prédio tem 95 metros de altura e 27 andares.

Que fazer Montevideo
Palácio do Salvo | Foto: Pixabay

O Palácio do Salvo tem uma grande torre que se assemelha com um foguete com quatro grandes cápsulas. Como gosto bastante de arquitetura, perdi alguns belos minutos olhando para ele. Também dá para conhecer o seu interior em visitas guiadas.

Planeje sua visita
Palácio do Salvo (site oficial)

  • Endereço: Palacio Salvo, Plaza Independencia 848
  • Horário de funcionamento: diariamente das 10h30 às 16h30
  • Visita guiada: 250 Pesos (cerca de R$35) | as terças, quintas e sábados, às 15h, 16h, 17h e 18h

3- teatro Solís

Também bem próximo da Praça, está o Teatro Solís. O teatro é super bonito e pode ser visitado com um tour guiado super instrutivo. O tour pode ser feito em português, inglês ou espanhol. O teatro foi inaugurado em 1856 e lembra bastante os teatros italianos. É bem bonito!

roteiro montevideu
Teatro Solís | Foto: Divulgação

Planeje sua visita
Teatro Solís (site oficial)

  • Endereço: Buenos Aires S/N, 11000
  • Horário de funcionamento: de terça a domingo, das 11h às 18h
  • Visita guiada: 90 pesos (cerca de R$12), às quartas é gratuito | de terça a domingo, às 11h, 12h e 16h e sábados às 11, 12, 13 e 16h

4- plaza matriz e Catedral de Montevidéu

Dentro da Cidade Velha, está a Plaza Matriz – uma praça quadrada muito fofa, com uma fonte de anjos no centro e pequeno canteiro de flores em volta, rodeada de prédios históricos. Como fui no inverno, as árvores estavam sem folhas e repleta de passarinhos, dando um toque bem especial no loca.

O que fazer em Montevideu
Fonte na Plaza da Constituición

Falando dos prédios ao redor da Plaza, aproveite para visitar a Catedral de Montevidéu, a igreja católica mais importante do país. Detalhe: pode parecer que está fechada, mas basta empurrar a porta e entrar. Por dentro, a catedral é bem interessante!

5- mercado do Porto

O Mercado del Puerto é o centro gastronômico de Montevidéu. Um galpão enorme dentro da Cidade Velha repleto de churrascarias que servem a tradicional Parillada Uruguaia. O lugar é muito legal e, se eu tivesse apenas algumas horas em Montevidéu, certamente é para lá que eu iria (e de barriga vazia). Uma das Parillas mais tradicionais, gostosas e disputadas do mercado é a Parrila do restaurante El Palenque.

Mercado do Porto Montevideu
Mercado do Porto

No mercado, você tem duas opções: sentar em frente ao forno no balcão e desfrutar o seu churrasco sendo preparado ao na hora ou escolher uma mesa do lado de fora e acompanhar a movimentação da rua. No balcão, pode ser bem torturante para quem está morto de fome, mas bem interessante para ver de pertinho o preparo da tradicional carne uruguaia! Aqui vale valar que sim, você vai sair de lá cheirando a parrillada e em dias quentes vai passar um belo calor em frente ao forno. Escolher uma mesa é uma pedida mais romântica e para quem está em família é sem dúvida uma melhor opção, mas para conseguir uma das disputadas mesas do lado de fora você terá que reservar com antecedência.

O que comer?

Como brasileiro, você certamente ficará tentado a comer um belo bife de picanha, mas a minha dica é resistir a isso e pedir o Bife de Tira (que é o mesmo pedaço da picanha com corte diferente), o Bife de Chorizo (Corte Nobre do contra filé) ou a Costela bovina (derrete na boca). Afinal você estará no Uruguai e por que não testar o corte tradicional deles? Para acompanhar peça legumes, são todos feitos na mesma churrasqueira da carne e são deliciosos. Se sobrar espaço no estômago, peça ainda uma linguiças, ou para quem gosta, umas morcillas. De entrada, peça o provolone derretido na chapa – é sensacional!

Planeje sua visita
Mercado do Porto (site oficial)

  • Endereço: Piedras 237, 11000
  • Horário de funcionamento: diariamente das 09h às 17h (às sextas fecha às 19h)

6- passear por Las Ramblas

Rambla é a avenida que rodeia Montevidéu de frente para o Rio da Prata e para as praias de água doce. As Ramblas estão para os Uruguaios como o calçadão do Rio está para os cariocas. É um lugar gostoso para caminhar, correr e, se estiver bem calor, entrar no rio em uma das praias de areia branquinha. Detalhe que o rio é tão largo que não dá para ver a margem do outro lado, parece um grande mar. São 20Km de costa com várias praias, e muitos cantinhos para ver o pôr do sol de Montevidéu.

Roteiro Montevideu
Las Ramblas

Ao caminhar nas Ramblas repare na quantidade de garrafas térmicas de Mate – os uruguaios andam sempre com suas canequinhas, o negócio é cultural para caramba. Eu aprendi a tomar mate e acho um delícia, se fosse você não deixaria de experimentar!

7- conhecer a Avenida 18 de Julho

Para quem tem tempo sobrando e curte encontrar umas esquisitices, passear pela Avenida 18 de Julho – a principal avenida de Montevidéu – é uma boa pedida. A Avenida 18 de julho, começa na Ciudad Vieja e termina bem pertinho do Estádio de Futebol do El Centenário.

A 18 de Julho é uma avenida grande, repleta de prédio antigos (alguns bem detonados, outros reformando) e muito comércio.

A Fonte dos Cadeados

A Fuente de los Candados (ou fonte dos cadeados) fica do lado direito da Avenida 18 de Julho, sentido Plaza da Independência, e é onde casais apaixonados fazem juras de amor.

Roteiro Montevideu
Fonte dos Cadeados

Reza a lenda que todo casal que colocar um cadeado gravado com suas iniciais voltará a se encontrar nesse mesmo lugar. E, para os apaixonados de plantão, por que não tentar?

8- estádio de Futebol do El Centenário

Que fazer Montevideo
Estádio Centenario | Foto: Divulgação

No final da Avenida está o Estádio de Futebol do El Centenário, onde ocorreram a maior parte das partidas da primeira Copa do Mundo, em 1930. Dentro do estádio há também o primeiro museu de futebol do mundo.

Planeje sua visita
Estádio Centenário (site oficial)

  • Endereço: Av. Dr. Américo Ricaldoni, 11600
  • Horário de funcionamento: segunda a sexta, das 10h às 17h
  • Entrada: 70 Pesos (cerca de R$10)

9-curtir a noite de Montevidéu

Para curtir Montevidéu à noite a minha dica é o Bar Fun Fun (Sede CAF, Ciudadela 1229). Fundando em 1895, o Fun Fun é um dos mais tradicionais bares de Montevidéu e isso fica bem claro na decoração de cada uma das paredes do bar.

Apesar de ser um lugar bem turístico, o Fun Fun estava repleto de locais e turistas que cantavam música por música – ritmo uruguaio, alternado de tempos em tempos pelos cantores da casa. Vale lembrar que é música de primeira. Para garantir sua mesa, chegue cedo, ou ainda melhor reserve (por telefone ou pelo site). Experimente a tradicional Uvita, o drink da casa, ou renda-se as deliciosas cervejas Patrícia.

Outra sugestão de bar bacana é o El Pony Pisador (Bartolomé Mitre 1000), pertinho da Plaza Independencia. Além de ser super animado, ele fica em uma rua cheia de outras opções de bares.

Se você procura bastante agito, a região de Pocitos é a melhor pedida!

10 -museus em Montevidéu

Montevidéu tem muitos bons museus, separamos quatro que podem ser interessantes para entrar no seu roteiro caso você se interesse pelos assuntos:

Museu da Casa do Governo

Palácio Estevez
Museu da Casa do Governo

Aqui você vai encontrar um pouco da história democrática do Uruguai. O espaço foi aberto ao público em 1999 e está localizado dentro do Edifício José Artigos (o antigo Palácio Estevez). No museu, você vai entender melhor a história e a política do país através de pinturas e itens que pertenceram aos presidentes do Uruguai e tiveram papel essencial para a democracia.

Planeje sua visita
Museo de Casa de Gobierno (site oficial)

  • Endereço: Estévez Palace, Plaza Independencia 776
  • Horário de funcionamento: segunda a sexta-feira, das 10h às 17h
  • Entrada: gratuita

Museu do Carnaval

Para o Uruguai, o Carnaval é uma data super importante e a festa costuma durar 40 dias (entre fevereiro e março). Não à toa, em Montevidéu tem um museu especialmente para preservar isso. Lá, você vai encontrar objetos que fazem parte das tradições populares do país e exposições interativas que contam detalhes sobre essa cultura.

Planeje sua visita
Museo del Carnaval (site oficial)

  • Endereço: Rambla 25 de Agosto de 1825 218
  • Horário de funcionamento: de abril a dezembro: quarta a segunda-feira das 11h às 17h | janeiro a março: segunda a domingo das 11h às 17h
  • Entrada: 65 Pesos (cerca de R$10)

Cabildo de Montevidéu

O Cabildo de Montevidéu se apresenta como um espaço que estimula a interação entre os ambientes educacionais, culturais e artísticos da cidade. Consideram o Museu Histórico Municipal, são expostos por lá diversos itens, pinturas, móveis e arquivos que contam a história de Montevidéu. O bacana é que ele fica em um edifício construído para ser a sede do governo em 1803 – e que, no fim, abrigou o Poder Legislativo, o Conselho Nacional de Administração e o Ministério de Relações Exteriores da cidade.

Planeje sua visita
Museo Histórico Cabildo (site oficial)

  • Endereço: Juan Carlos Gómez 1362
  • Horário de funcionamento: de segunda a sexta-feira, das 12h às 17h45 e aos sábados, das 11h às 17h
  • Entrada: gratuita

Museo Torres García

Para quem gosta de arte, o museu celebra a vida do artista Joaquín Torres García através de suas obras, entre pinturas, desenhos e esboços não publicados.

Planeje sua visita
Museu Torres García (site oficial)

  • Endereço: Sarandí 683
  • Horário de funcionamento: de segunda a sábado, das 10h às 18h
  • Entrada: 170 Pesos (cerca de R$25)

11- jardim Botânico de montevidéu

Parques em Montevideo
Museo Jardín Botánico | Foto: Divulgação

O Jardim Botânico de Montevidéu não é a atração mais turística dessa lista, mas sim para quem se interessar em conhecer a vida de um uruguaio tradicional. A região é bem arborizada e tem casarões antigos lindos para serem fotografados. Também dá para fazer um piquenique por ali!

Planeje sua visita
Jardim Botânico de Montevidéu (site oficial)

  • Endereço: Av. Dr. Luis Alberto de Herrera 4553
  • Horário de funcionamento: diariamente das 07h30 às 18h
  • Entrada: gratuita

12- parque Rodó

Parques em Montevideo
Parque Rodó | Foto: Wikimedia Commons

Montevidéu é bastante arborizada e tem muitos parques abertos ao público. O mais famoso deles é o Parque Rodó – coincidentemente é também o maior. Aos domingos, acontece uma feirinha bem bacana por lá.

Localizado no bairro de Punta Carretas, o parque tem um parque de diversões, teatros, campos de futebol, de golf, lago e até um cassino. É outra pedida para quem quer se sentir como um verdadeiro uruguaio: basta sentar no parque e tomar um belo chimarrão.

Planeje sua visita
Parque Rodó

  • Endereço:
  • Entrada: gratuita

13- praias de Montevidéu

Montevidéu é banhada pelo Rio da Prata já quase no finzinho de sua extensão, onde encontra o mar; o resultado é costa de quase 20 Km. Lembra que falei das Ramblas, a avenida que percorre o litoral da cidade? Ela está recheada de praias diferentes do que nós, brasileiros, estamos acostumados afinal são uma mistura de água doce (do Rio da Prata) com a água salgada do mar, mas muito gostosas para curtir do verão.

Praias em Montevideo
Playa de los Pocitos | Foto: Wikimedia Commons

Uma das mais movimentadas é a Playa de los Pocitos – é nela que está o famosos letreiro de Montevidéu. Outras boas pedidas de praias são as Playa de Carrasco, Playa de Malvín, Playa de Punta Carretas e Playa de Buceo.

14- Cassinos em Montevidéu

Se você é fã de cassinos, também dá para conhecer alguns em Montevidéu. Os principais cassinos de Montevidéu são os do Hotel Radisson, no centro, e o Cassino do Hotel Sofitel, no bairro de Carrasco.

15- Conhecer uma vinícola próxima de Montevidéu

Estar em Montevidéu é uma boa oportunidade para conhecer uma das ótimas vinícolas do Uruguai. Se couber em seu roteiro, vale fazer um bate e volta para uma das regiões produtoras de vinho. A mais próxima de Montevidéu chama-se Canelones e fica a cerca de 15km.

Lá, está a Bodega Bouza, uma das mais famosas de Montevidéu. Ela oferece visitas guiadas gratuitas que duram cerca de 45 minutos. A A degustação vale a pena e, além de conhecer o local, você irá provar 4 diferentes tipos de vinho – elas acontecem todos os dias das 10h às 18h e custam 1.200 Pesos. As reservas (tanto para visita quanto para degustação) devem ser feitas antecipadamente pelo site oficial.

O que fazer em Montevidéu
Bodega Bouza | Foto: Divulgação

O restaurante da Bouza é excelente, então vale emendar a visita com uma refeição no local.

Pontos turísticos em Montevidéu

Abaixo, um mapa de Montevidéu com todas as atrações que falamos acima:

Como chegar a Montevidéu

Montevidéu é a principal porta de entrada de turistas no Uruguai. Do Brasil, os voos diretos saem de São Paulo, Rio de Janeiro e Porto Alegre. O aeroporto de Carrasco em Montevidéu é lindo e moderno. Ele fica a cerca de 30 Km da cidade e há três maneiras de fazer o trajeto até o centro: táxi, ônibus ou vans coletivas.

Os táxis são exclusivos do aeroporto, ou seja, tem o preço lá nas alturas. São confortáveis e seguros, mas de fato é a opção mais cara de se locomover. A viagem entre aeroporto e centro custa em torno de R$80 e R$90.

Para quem quer economizar bastante, os ônibus são pedidas excelentes. O trajeto até o centro custa menos de R$3 e você pode pegar o ônibus já bem na saída do aeroporto.

As vans coletivas são bem mais baratas que o táxi e mais confortáveis que os ônibus – é um meio terno bacana! Elas possuem guichês oficiais dentro do próprio aeroporto, basta chegar lá e negociar o valor até o seu hotel.

O Uber chegou recentemente a Montevidéu e soube que funciona super bem. Ainda não tive a experiência de utilizar o aplicativo na capital do Uruguai, mas pode ser uma opção legal também.

Transporte dentro de Montevideú

Montevidéu é uma cidade pequena e relativamente segura – óbvio que você não deve entrar em ruelas e becos escuros tarde da noite, afinal precauções devem ser tomadas em qualquer lugar do mundo. Para quem está hospedado no centro, dá fácil para fazer os principais passeios a pé.

A distância entre o centro e Pocitos (região animadinha da cidade) é relativamente longa, mas os táxis e ubers são bem baratos e dão conta do recado. E, claro, também tenha as linhas de ônibus comuns que são tranquilas e fáceis de usar.

Onde ficar em Montevidéu

Montevidéu é relativamente pequena e, portanto, escolher a sua hospedagem não será tão difícil. A dúvida ficará mais entre o centro ou os bairros da orla.

O centro de Montevidéu é sempre uma boa pedida já que tem uma vasta rede hoteleira além de estar próximo dos pontos turísticos (vale ressaltar que aqui, no entanto, as construções são mais antigas). Cidade Velha é ultra turístico e tem tudo aquilo que viajantes adoram: feirinhas, bons restaurantes e lojas de todos os tipos – além de ficar colado no Mercado do Porto.

Para quem não dispensa ficar perto do mar, Punta Carretas e Pocitos são os melhores bairros próximos às praias – uma região bem mais residencial do que turística, mas com bons restaurantes. Vale lembrar que nesses dois barros você ficará mais distantes das principais atrações de Montevidéu, o que pode ser ruim se você tiver poucos dias na cidade.

Hotéis caprichados

Onde ficar em Montevideu
Radisson Montevideo Victoria Plaza | Foto: Divulgação

O clássico Radisson Montevideo Victoria Plaz fica no centro de Montevidéu, bem em frente à Praça da Independência. Para quem prefere um pouco mais de luxo, mas ainda assim quer estar na Cidade Velha, o Alma Histórica Boutique Hotel é uma pedida excelente (ele fica a 200m do Mercado do Porto e também bem próximo do Porto de Montevidéu). O Hyatt Centric Montevideo fica em Pocitos e é uma opção caprichada à beira-mar.

Hotéis com bom custo benefício

Onde ficar em Montevideu
FAUNA Montevideo | Foto: Divulgação

O Balmoral Plaza Hotel fica no centro de Montevidéu e tem um bom custo benefício (com café da manhã incluso). O já tradicional Holiday Inn Montevideo também é uma opção no centro. Uma boa pedida na Cidade Velha é a FAUNA Montevideo. O hotel tem avaliações excelentes, uma boa localização dentro do centro histórico, quartos extremamente confortáveis e bem decorados. Em Punta Carretas não faltam boas opções com valores ótimos, como o Esplendor by Wyndham Montevideo Punta Carretas e o ibis Styles Montevideo.

Hotéis econômicos

Onde ficar em Montevideu
Punta Trouville Hotel | Foto: Divulgação

Na Cidade Velha, uma das opções mais econômicas e bem avaliadas é o Circus Hostel&Hotel Montevideo – um hostel charmoso e bem localizado (e com café da manhã incluso). O Punta Trouville Hotel fica em Pocitos e tem valor super econômico, além de ficar a poucos passos do calçados e ser equipado com utensílios para pequenas refeições.

Onde comer em Montevidéu

Seja uma parilla caprichada (nome dado ao tradicional churrasco Uruguaio) no Mercado do Porto, uma Media Luna Calientita ou o clássico sanduíche Chivito do La Pasiva, comida boa é o que não falta no Uruguai! Então, vou seguir as indicações de restaurantes bacanas em Montevidéu divididos por categorias, ok? Vamos lá!

testados e aprovados

Jantar caprichado

No Mercado do Porto, o El Palenque (Pérez Castellano 1579, 11000) é um dos restaurantes mais tradicionais do espaço e costuma lotar absurdamente rápido. Comemos uma parrilla maravilhosa, então super indico!

Comidas rápidas

Para um petisco rápido, o Medias Lunas Calentitas (21 de Setiembre 2982, 11300) é imperdível. Medias lunas é uma espécie de croassaint bem leve e pequeno. Experimente o doce e o salgado (eu sinceramente gostei bem mais do doce). Dá fácil para comer uns três ou seis. Depois de provar as Media Lunas do Media Lunas, você provavelmente vai querer comer media lunas em todos os lugares.

o que comer em montevideo
Medias Lunas Calentitas | Foto: Divulgação

Quer algo mais completo? Se você gosta gosta de café a dica é pedir um Cortado: um café com leite diferente e bonito. Para acompanhar, peça um “tostado” – misto quente típico no pão de miga (um pão de forma bem fininho). Ele é crocante, uma delícia!

Outra opção é o La Pasiva (Av. 18 de Julio 1022, 11100) – uma rede de lanchonetes bem grande e bem famosa no Uruguai. Se você ficar de olho, vai encontrar várias delas durante sua visita. Experimente os “panchos” (cachorro quente), o “chivito” (sanduíche de filé mignon muito típico) e o misto quente no croissant. Se tiver com muita fome peça o “Chivito Canadense”, que ainda por cima leva ovo, presunto, queijo e mais mil outras coisas. O La Passiva tem ainda uma famosa Pizza quadrada que é servida por metro.

Sorvetes

Ama sorvetes? Então você tem que conhecer a Freddo (José Ellauri 499, 11300), uma famosa rede de sorveterias argentina. É sem dúvida uma das minhas sorveterias preferidas do mundo (sem exagero). Peça ‘um cucurucho de dulce de leche’ (casquinha de doce de leite) e mais algum outro sabor do seu gosto.

Outra o sorveteria deliciosa é a La Cigale (Roque Graseras 845, 11300), tem várias espalhadas pela cidade, uma delas na 18 de Julho. Experimente o de chocolate meio amargo, o de Menta, e, claro, o de doce de leite.

Quando ir para Montevidéu

A cidade é um destino agradável em todo o ano e possui estações bem definidas – basta você decidir qual tipo de viagem prefere!

A alta temporada de Montevidéu ocorre durante o verão, entre os meses de dezembro e março. Nesse período, o clima é quente e as praias costumam estar lotadas.

O inverno, no entanto, que vai de junho a setembro, apresenta temperaturas bem geladas, podendo chegar até a -10ºC. Até por isso, algumas das atrações fecham e as ruas são bem mais vazias. Se o frio não for um problema para você, pode ser uma pedida econômica e bem romântica. Um pouco antes, de março a junho, acontece o outono e o frio não é tão rigoroso.

Um meio termo é a primavera, entre os meses de setembro e dezembro. Essa é a estação preferida dos turistas já que dá para curtir todos os lugares sem os custos extravagantes do verão.

O que fazer Montevideu
Plaza Independencia

Quantos dias ficar

Pensando em uma programação de viagem, 2 dias completos ou um final de semana já é suficiente para visitar os principais pontos turísticos, andar um pouco e provar o melhor da gastronomia de Montevidéu!

Se você tem 3 dias ou mais, já dá para incluir um bate e volta para Punta del Este (confira uma excursão e reserve online), conhecer alguma das vinícolas próximas de Montevidéu ou esticar um pouco mais e ir até Colônia do Sacramento (e aí indico dormir pelo menos uma noite lá).

Seguro viagem para Uruguai

Já organizou tudo para a sua viagem? Não esqueceu do seguro viagem, né? Apesar de não ser obrigatório, é ele quem te tira de possíveis furadas como mala extraviada, voos cancelados ou até mesmo uma consulta de emergência.

Nós usamos e recomendamos os seguros viagem da Seguros Promo, uma empresa brasileira e confiável que te permite comparar os melhores seguro de viagem do mercado. Depois, é só escolher o que faz mais sentido para o seu bolso e para a sua viagem, sem abrir mão de uma cobertura espetacular.

Quer um desconto?!

Insira o código IDEIASNAMALA5 e ganhe até 10% de desconto na compra do seu seguro viagem!

E aí, gostou do nosso guia de Montevidéu? Tem alguma dúvida ou sugestão? Deixe nos comentários!

Conta para gente!


Veja também:

Argentina:

Chile:

Deserto do Atacama:


Para ficar por dentro de todas as novidades do Ideias na Mala, siga nosso instagram!

Planeje sua viagem

Comentários (8)

[…] post Montevidéu dicas para planejar sua viagem dei a dicas de alguns restaurantes bem gostosos para provar o melhor da culinária Uruguaia e no […]

[…] Um passeio pelas ruas da ciudad vieja e pelo Mercado do porto: https://ideiasnamala.wordpress.com/2010/10/03/monte-video/ […]

[…] Um passeio pelas ruas da ciudad vieja e pelo Mercado do porto: https://ideiasnamala.wordpress.com/2010/10/03/monte-video/ […]

[…] Um passeio pelas ruas da ciudad vieja e pelo Mercado do porto: https://ideiasnamala.wordpress.com/2010/10/03/monte-video/ […]

[…] Um passeio pelas ruas da ciudad vieja e pelo Mercado do porto: https://ideiasnamala.wordpress.com/2010/10/03/monte-video/ […]

[…] na mala Viagem, cultura e arte Pular para o conteúdo InícioIdéias na mala ← Montevidéu Montevideo: Comidinhas […]

Deixe o seu comentário