Tudo sobre o passeio pelo Delta do Parnaíba

Você sabia que o Delta do Parnaíba, na divisa entre o Piauí e o Maranhão, é o terceiro maior delta do mundo perdendo apenas para o Rio Nilo, na África, e do Rio Mekong, na Ásia? Prepare-se para conhecer uma paisagem única nas Américas, uma mistura linda de ilhas, lagoas, dunas e que termina no mar. Reunimos então todas as informações sobre o passeio pelo Delta do Parnaíba.

Saiba como visitar um dos pontos mais incríveis da Rota das Emoções e confira detalhes do passeio pelo Delta, revoada dos guarás e muito mais. O turismo ainda está se desenvolvendo na região, mas já há estrutura e várias agências de turismo local disponibilizando o passeio. Aqui, vamos detalhar tudo o que você precisa saber para aproveitar seu passeio pelo Delta do Parnaíba, um dos momentos mais especiais da Rota das Emoções.

Neste post, você vai encontrar:

Delta do Parnaíba
Delta do Parnaíba | Foto: Joanna Saldanha

Onde fica o Delta do Parnaíba?

O Delta do Parnaíba fica na divisa entre o Piauí e o Maranhão. A maioria das saídas a passeio pelo Delta do Parnaíba são pelo Porto dos Tatus, em Ilha Grande, cidade ao lado da Parnaíba. Toda a estrutura de apoio, como hotéis, restaurantes e agências fica em Parnaíba.

Como chegar em Parnaíba?

A Azul é a única companhia aérea que faz voos regulares para o aeroporto de Parnaíba, porém as tarifas são bem elevadas. Teresina, fica a 300 km de Parnaíba e tem um aeroporto com voos mais frequentes.

Parnaíba fica a 185 Km de Barreirinhas, o principal ponto de acesso aos Lençóis Maranhenses, e cerca de 200 Km de Jericoacoara. Assim, faz todo o sentido incluir o Delta no Parnaíba em um roteiro completo pela Rota das Emoções ou conciliar a viagem com um pedacinho do roteiro, como por exemplo, Lençóis Maranhenses.

Passeio pelo Delta do Parnaíba: Passeio Coletivo ou Passeio Privado

delta do parnaiba
Porto dos Tatus | Foto: Joanna Saldanha

Fizemos o nosso passeio de barco a Clip Ecoturismo e recomendamos muito. Eles oferecem vários tipos de passeios pelo delta, inclusive um safári noturno, que confesso que fiquei bem curiosa para fazer.

Escolhemos o passeio Delta Tradicional que é a melhor opção para quem visita o Delta pela primeira vez e tem saídas diárias às 9:00 e as 15:00 durante a alta temporada e aos sábados e domingos durante a baixa temporada.

Duração do passeio

Delta do Parnaíba
Nosso barco no Delta do Parnaíba | Foto: Joanna Saldanha

O passeio pelo Delta do Parnaíba dura cerca de 6 horas e inclui uma refeição e degustação de caranguejos. Parece que é muito tempo, mas passa muito rápido, quando acaba dá até uma tristeza.

Você poderá optar pelos passeios coletivos ou privados, que são mais exclusivos e com maior flexibilidade nas paradas. Se você viaja em um grupo de mais de 4 pessoas, já vale mais a pena contratar o passeio privado, pois a diferença de preço fica bem pequena.

Nós fizemos um passeio privado dedicado ao nosso grupo de jornalistas e blogueiros de viagens e achamos incrível!

Como é o passeio pelo Delta do Parnaíba

Ao longo do passeio passamos por diferente paisagens, como mangues, dunas e florestas mais densas com direito a muitas histórias locais e curiosidades contadas pelos guias.

Durante o passeio, fizemos várias paradas interessantes. Paramos em um mangue e o guia nos explicou como funciona a cata de caranguejo – os mais “aventureiros” passaram até a lama do mangue na cara, diz que faz super bem para a pele. Preferi ficar com a cara limpa mesmo, ia dar um certo trabalho para tirar depois.

Em seguida paramos na Duna do Meio, parada imperdível e, como o próprio nome já diz, são dunas, que até parecem um pouco os Lençóis Maranhenses já que estão no meio do Delta. O visual é lindo e dá pra caprichar nas imagens! A Duna do Meio também é uma das paradas de mergulho no Delta, é ótimo para dar aquela refrescada porque o calor não dá trégua.

delta do parnaíba
Dunas do Meio

Para comer, o nosso guia nos levou na Pousada e Restaurante Casa de Caboclo, que fica em uma das ilhas fluviais do delta. O lugar é um oásis, com redes e sofás para descansar. A comida é excelente, estou até hoje pensando no prato Frutos do Mangue que comi por lá. Depois do almoço, nada melhor do que uma rede para descansar, né? Não queríamos ir embora, só nos convenceram porque o melhor do Delta do Parnaíba ainda estava por vir.

Revoada dos Guarás: o auge do passeio

Todos os dias os guarás fazem a mesma trajetória: saem de onde estão e vão para uma ilha dormitório para pernoitar. Esse fenômeno natural é acompanhado por dezenas de turistas, que estão nos barcos em silêncio absoluto esperando os bandos de Guarás pintarem o céus com suas penas avermelhadas. O espetáculo é uma lindeza só!

Delta do Parnaíba
Revoada dos Guarás

A paisagem fica ainda mais bonita com a coloração avermelhada dos guarás. Falando em coloração, durante o passeio aprendemos que eles nascem pretos, mas comem tanto caranguejo que vão ficando vermelhos. Legal, né?!

É incrível observar centenas de pontos vermelhos vindo de todos os cantos e pousando nas árvores da ilha fluvial. O passeio termina com um pôr do sol caprichado visto de dentro do rio. É realmente lindo.

Delta do Parnaíba
Pôr do sol e alguns guarás atrasados | Foto: Joanna Saldanha

Onde ficar no Delta do Parnaíba

Um dos melhores hotéis da região é o Casa de Santo Antônio, que é super charmoso e fica em uma casa do início do século passado. Ainda que você não se hospede por lá, vale visitar o restaurante que é delicioso e provar a maravilhosa caipirinha de banana!

Casa de Santo Antônio
Casa de Santo Antônio | Foto: Divulgação

Outras boas opções são o Arrey Hotel, que é um pouco mais distante mas vale para o pernoite, e o Vila Parnaíba, uma pousada de charme perto do Centro Histórico.

Vale a pena conhecer o Delta do Parnaíba?

Vale – e muito! O Delta do Parnaíba é uma região muito especial, repleta de belezas naturais incríveis, um desses cantinhos que todo mundo deveria visitar! O Delta do Parnaíba foi a minha parada preferida da Rota das Emoções e minha grande surpresa da viagem. Fiquei encantada com o que vi e vivi e espero de verdade dividir um pouco deste gostinho com vocês.

Quer saber mais um ponto positivo? Hospitalidade! Os Piauienses são super receptivos, o cuidado de todo mundo que trabalha no turismo local, seja o guia ou dono do restaurante, é incrível e por todo os caminhos que passamos o recado era o mesmo: “Contem para seus leitores o quão incrível é esse lugar”, e não poderíamos fazer diferente. Deixamos o Delta do Parnaíba encantadas com a vivência e loucas para conhecer mais cantinhos do Piauí.

Não esqueça do seguro viagem

Não é só para viagens internacionais que a contratação do seguro viagens é imprescindível. Para viajar tranquila por esse Brasilzão nunca é demais se precaver e contratar uma apólice com boa cobertura, afinal todos estamos sujeitos a ter uma mala extraviada, um cancelamento de voo e até mesmo uma intercorrência médica. O negócio é não contar com a sorte.

Nossa dica para pular a parte chata da pesquisa é entrar no site da Seguros Promo. Eles funcionam como um comparador de apólices, onde você, inserindo poucos dados, recebe uma listagem com o que há de melhor no mercado em termos de seguro. Aí fica fácil escolher o melhor custo x benefício!

Quer um desconto?!


Insira o código IDEIASNAMALA5 e ganhe até 10% de desconto na compra do seu seguro viagem!

E aí, pronto para se encantar com o passeio pelo Delta do Parnaíba?

A Joanna fez a Rota das Emoções a convite do Sebrae Maranhão, Sebrae Ceará e Sebrae Piauí. Todas as opiniões e dicas deste post refletem a nossa real experiência na viagem.


Veja também outros destinos no Brasil:

Nordeste

Jalapão

Fernando de Noronha

Rota das Emoções


Para ficar por dentro de todas as novidades do Ideias na Mala, siga nosso instagram!

Planeje sua viagem

Deixe o seu comentário