Lombard Street em San Francisco: Como chegar e dicas para fotografar

Tudo começou com o intuito de driblar uma inclinação de 27 graus que causava alguns acidentes na região e a sugestão de um morador local para criar um zigue-zague de curvas. Foi assim que em 1922 a Lombard Street ganhou as 8 curvas que a tornaram famosas, e é claro que o cinema ajudou, a rua já apareceu em filmes como Bullit, Vertigo e na série Full House, e hoje é um dos pontos turísticos mais visitados de San Francisco. Para te ajudar a incluir a Lombard Street no seu roteiro, criamos um post completo com tudo o que você precisa saber. Vamos nessa?

Como é o passeio na Lombard Street?

Quem chega na Lombard Street, em São Francisco, presencia várias vezes a mesma cena: carros de locadora descendo devargarinho as curvas tortuosas, o Cable Car chegando lotado no topo da rua e partindo vazio, e uma multidão de pessoas subindo, descendo e posando para fotos. É… acho que poucas ruas no mundo ganham tamanha atenção, e tantos flashs, mas quer saber? A rua faz jus a fama e nenhuma roteiro de San Francisco fica completo sem dar um pulinho na Lombard Street.

 Lombard Street

Na descida todo santo ajuda

Minha primeira dica para quem faz este passeio é: chegue pela parte alta da rua; e a forma mais legal de fazer isso é pegar a Linha Powell & Side do bonitinho que sai da Union Square e te deixa na frente da rua. Além de todo contexto histórico de andar no meio de transporte mais tradicional da cidade, você ganha de brinde vistas espetaculares da baía de San Francisco, por todos os lados.

Para entender a dimensão da rua e ver as curvas de verdade você terá que descer. E cá entre nós, bem mais fácil descer uma escadinha (há escadas e rampas dos dois lados da rua) do que encarar 400 metros em forma de degraus.

Lombard Street

Lombard Street
Casas fofinhas: já pensou morar numa das ruas mais famosas do mundo?

Quem chega por baixo: uma subida terrível

Quem chega na Lombard Street pela parte de baixo amarga uma ladeira do cão, prepare as canelas e não pense muito, as vistas lá do alto valem a subida – mas antes que você me pergunte, as melhores fotos da Lombard Street são tiradas da parte de baixo da rua.

Rua vista de baixo: momento raro sem tantas carros.Vale a pena visitar a Lombard Street?Minha impressão quando visitei a Lombard Street pela primeira vez em 2012

Confesso que a Lombard Street era um dos lugares da cidade que eu mais queria visitar em San Francisco. Depois de ver a rua tantas vezes na televisão, eu precisava vê-la de perto. E não é que gostei? A rua é uma gracinh, e a vista da cidade lá do alto é bem bonita. Subir pela passarela acompanhando o ritual de desce e vira dos carros é algo absolutamente tradicional de São Francisco e que merece ser experimentado. E claro, se você tiver um carro, vale a pena enfrentar o “mini congestionamento” e descer a rua dirigindo.

Hoje depois de mais de 7 anos na região

Continuo gostando bastante do passeio e recomendando para todos os marinheiros de primeira viagem. Durante o verão a região fica bastante conturbada e minha dica é ir bem cedo, ou ser paciente!

Como chegar à Lombard Street?

  • De bondinho: A forma mais especial de chegar a Lombard St. é de bondinho. A linha Powell-Hyde para em frente a rua. Quem vem da Union Square pode descer aqui e continuar o trajeto a pé.
  • De ônibus: pegue a linha 30 que sai da Union Square e desça na Columbus x Lombard. A desvantagem de ir de ônibus é chegar do lado de baixo da rua e ter que subir a ladeira. ATENÇÃO: Ônibus em SF não dá troco, leve dinheiro exato! Preço $2.25.
  • A pé: Faça o passeio a pé com um belo mapa na mão e prepare-se para subir bastante. Você será recompensado com vistas lindas. O quarteirão tortuoso fica entre a rua Hyde e a rua Leavenworth e é bem fácil chegar lá saindo do Fisherman’s Wharf.
  • De carro: a graça de estar de carro é pode dirigir a Lombard Street, de quando em quando, rola até um transitinho de turistas descendo a rua.
Bondinho - Lombard Street
Chegada do bondinho com pausa estratégica para fotos

Veja aqui a localização da Lombard Street no mapa

Melhores lugares para fotografar a Lombard Street

O melhor lugar para fotografar a Lombard Street é do quarteirão de baixo. E olha só que linda que a rua fica na primavera. Para quem quer tirar fotos boas, o truque é ir bem cedo, enquanto a cidade ainda dorme e a rua, que é bem residencial ainda está tranquila

Lombard Street
A dica é descer a rua a pé pra ter essa vista linda lá de baixo!

Para quem chegou por baixo tá em dúvida se vale a pena a subida, eu digo que vale. Olha só as vistas da cidade de San Francisco com a Bay Bridge no fundo:

Lombard Street

Minha vista preferida fica um pouquinho adiante, siga a linha do bonitinho para ter este vistão da Ilha de  Alcatraz com uma das ladeiras da cidade. Lindo, não?!

Alcatraz vista do alto de São Francisco

Com o que combinar?

Combine a Lombard Street com uma visita ao San Francisco Art Institute (SFAI) uma escola de arte com mural de Diego Rivera e vistas lindas da baía de San Francisco.

San Francisco Art Institute
Alegoria de construção da cidade de Diego Rivera
San Francisco Art Institute
San Francisco Art Institute

Em seguida continue até o Ghirardelli Square para provar os sorvetes e chocolates mais tradicionais da cidade.

Ghirardelli Square - San Francisco
Ghirardelli Square – San Francisco

E termine o passeio explorando o Fisherman’s Wharf e o Pier 39!

Outras ruas tortuosas em San Francisco

Broderick x Broadway: a irmã chique da Lombard

A irmã chique da Lombard, a Broderick St. fica num pequeno trechinho da Broadway St. conhecido como linha dos milionários, e que concentra algumas das casas mais chiques da cidade. Uma dessas casas tem uma pequena versão particular de Lombard Street, rua curva (fechada para carros) com vistas espetaculares da cidade.

Broadway x Broderick - San Francisco

A graça desse passeio é fotografar as curvas perfeitinhas sem a intromissão de carros, ou pessoas! Olha só as fotos legais que eu tirei :).

Broderick St. -San Francisco

E olha só a vista que linda!!!

Broderick St. -San Francisco

E essas não são as duas únicas ruas curvas de San Francisco…

Além da Lombard e da Broderick, San Francisco tem outras duas ruas curvas:

  • Vermont Street entre a 20th e a 22nd Street: famosa por sediar uma corrida anual de bicicletinhas de criança conduzida por adultos durante o domingo de páscoa, a BYOBW (Bring your own Big Wheels)
  • 22nd Street na altura de Collingwood: Tem a curva mais inclinada da cidade.

Não esqueça o seguro viagem

Não economiza no seguro viagem por achar que ele não é importante, já que não é obrigatório. Imprevistos acontecem em qualquer lugar e todos estamos sujeitos a passar por situações de desconforto, mas se você estiver segurado isso não será um problema.

Opte por seguro com boa cobertura e que cubra tudo no ato, evitando a burocracia para ver a cor do dinheiro novamente na hora de ser reembolsado. Recomendamos a Seguros Promo, que funciona como um comparador de apólices, trazendo uma listagem com o que há de melhor no mercado (escolha o seguro que for mais adequado para o seu estilo de viagem e que não comprometa o seu orçamento).

Clicando aqui e inserindo nosso código IDEIASNAMALA5 você ganha 5% de desconto na compra do seu seguro viagem.

E aí, curtiu o passeio?

Alguém aí já visitou a Lombard Street e quer compartilhar o que achou?


Viaje sem stress

✅ Reserve seu hotel em San Francisco

Faça seu seguro de viagens

Alugue seu carro


Veja também:


Para ficar por dentro de todas as novidades do Ideias na Mala, siga nosso instagram!
[instagram-feed]

 

Guarde este post no Pinterest!

lombard-street

Planeje sua viagem

Comentários (21)

[…] adultas – com quem falei e que assistiram o filme, amaram! No filme você pode conferir a Lombard Street, Golden Gate Bridge, o Ferry Building e a região onde Riley e sua família moram é Russian […]

[…] Saiba mais detalhes sobre a Lombard street e o passeio nesse post. […]

[…] as curvas da Lombard Street (e fotografá-la de baixo para cima). Uma forma muito legal de conhecê-la é fazer um tour de […]

[…] lembre-se de pegar a linha Powell – Hyde, pois deixa na parte alta da Lombard Street. Não a linha Powell – Mason. Cuidado que é uma fila única. Se você não quiser pegar […]

[…] dos principais cartões postais da cidade como Golden Gate (a ponte mais famosa do pedaço),  Lombard Street (rua tortuosa e charmosa), Palace of Fine Arts (um edifício lindo) e Alamo Square (ver casinhas […]

[…] primeira parada é o topo da Lombard Street, que é tão inclinada que ganhou curvas charmosas para evitar acidentes e virou cartão postal. […]

[…] pela Golden Gate (não pense duas vezes e vá de bicicleta!), andar de Cable Car, conhecer a Lombard Street, tomar um sorvete na Ghirardelli Square, se esbaldar com as comidas deliciosas do Ferry Building, […]

[…] pela Golden Gate (não pense duas vezes e vá de bicicleta!), andar de Cable Car, conhecer a Lombard Street, tomar um sorvete na Ghirardelli Square, se esbaldar com as comidas deliciosas do Ferry Building, […]

[…] Headlands e a Bonita Lighthouse, sem abrir mão de pontos turísticos carimbados como Alcatraz, Lombard Street e Pier 39! Deu até tempo de fazer passeio de […]

[…] nosso dia descendo de carro pela Lombard Street, que é tão inclinada que ganhou curvas charmosas para evitar acidentes e virou cartão postal. […]

[…] Saiba mais detalhes sobre a Lombard street e o passeio nesse post. […]

[…] de seguir para o ponto mais próximo a Lombard Street (sabe aquela rua toda cheia de curvas?) passamos em frente a charmosa Washington Square onde fica a […]

[…] pela Lombard Street é um dos programas típicos na lista de quem visita San Francisco na Califórnia, a rua é tão […]

[…] tempos, comer comidinhas deliciosas no ferry building, passear de bondinho, descer as curvas da Lombard Street (e fotografá-la de baixo para cima) e se encantar com as casinhas da Alamo […]

[…] a praça da Levi’s, Pier 39 e seus leões marinhos inquietos, North Beach, Alamo Square, Lombard Street, Mission, Castro, Golden Gate Park e Twin Peaks. -Transporte: um dos grandes problemas de São […]

[…] primeira parada é o topo da Lombard Street, que é tão inclinada que ganhou curvas charmosas para evitar acidentes e virou cartão postal. […]

[…] Lombard Street: a rua mais inclinada eas curvas mais tortuosas da cidade tem uma vista incrível da baía. […]

[…] da baia de São Francisco, experimentar comidas no Ferry Building, passear de bondinho, conhecer a Lombard Street e a Alamo Square. Em São Francisco, se vire de transporte público (bondinho + muni) e alugue o […]

[…] quer visitar a Lombard Street deve pegar o bonde sentido Powell – […]

[…] Street, uma rua sensacional inclinadíssima e com oito curvas bem estreitas (Veja mais no post: https://ideiasnamala.com/2012/06/19/sao-francisco-lombard-street-a-rua-mais-legal-de-todos-os-tempos/) . Subimos a rua pelas escadas destinadas e pedestre e depois descemos até o Mariners Wharf. Olha […]

Uau…uma rampa com mais de 20% de inclinação! Aqui em SP, as rampas de garagem tem no maximo 20% devido a legislação! Pelas fotos o lugar é bem alto e bem interessante.
Boas fotos!
Abs,
Inessa

Deixe o seu comentário