Retrospectiva 2019 – Um ano de mudanças e andanças

Todo ano gosto de fazer uma retrospectiva das nossas viagens, uma forma de reviver todos os momentos incríveis do ano, e uma oportunidade de falar – nem que seja de forma rápida – de viagens que acabam não entrando no blog por pura e simples falta de tempo. 2019 foi para nós um ano de muito trabalho e muitas conquistas, um ano de sonhos grandes e de realização.

A casa que não ficou pronta (ufa, por pouco tempo)

Nosso ano começou de malas cheias e casa vazia, tínhamos até o dia 31/12 para deixar a casa antiga, só que a casa nova não ficou pronta. Então passamos 5 dias praticamente no limbo, brincando de troca-troca entre hotéis, o que no final das contas foi bem divertido!

Claremont Hotel em Berkeley

Dormimos as noites de 31/12 e 1/1 no Claremont em Berkeley, um hotel que sempre tive vontade de conhecer e que foi perfeito para descansarmos bastante. Amamos aproveitar a piscina do hotel e o club kids – que cuida dos pequenos 2 horas por dia – enquanto tomávamos um champanhe. Foi delicioso.

The Claremont
Por do sol visto do Claremont – Uma vista caprichada da baía de San Francisco

The Lodge at Presidio

As noites dos dias 2 e 3 de janeiro foram no The Lodge at Presídio, um hotel lindo que entrou na minha lista das experiências top em San Francisco. Ô lugar gostoso!

Aproveitei a experiência para caminhar pelo parque Presídio (um dos meus lugares preferidos da cidade) e fazer meu passeio preferido: cruzar a ponte de bicicleta. Este passeio gostoso virou um post bem especial: Parque do Presidio + Passeio de Bicicleta pela ponte.

The Lodge at the Presidio
Cadeira de balanço com vista para a Golden Gate no The Lodge at Presidio

Assim contando rápido parece que nosso começo do ano foi de pura curtição né?! Mas a verdade é que nos bastidores da nossa estadia em hotéis caprichados dedicamos um tempo considerável em deixar as coisas na casa nova o mais prontas possíveis.

No dia 1 de janeiro o Gu conectou os encanamentos e fez as pias e os chuveiros funcionarem – mudamos com água! O engraçado é que para isso acontecer ele precisou fazer umas três viagens a Home Depot para buscar os pedacinhos de cano certos – o Lego era mais bizarro e mais difícil do que imaginávamos. 

Mudamos sem nenhuma das portas internas instaladas – compramos portas novas que não chegaram a tempo (as danadas foram chegando ao longo de 2 meses, e o engraçado é que a porta do nosso banheiro, uma das que mais queríamos/ precisávamos foi a que mais demorou para chegar. Aos poucos fomos nos estabelecendo e a casa nova ganhou cara de lar! Ufa!

Los Cabos: as merecidas férias

O início de 2019 foi de muito trabalho. Gu tirou férias para tocar parte da reforma da casa e trabalhou por umas 3 pessoas. Eu fiquei mais envolvida na parte limpeza, arrumação e crianças (acredite! Manter duas crianças pequenas e curiosas perto de todas as partes pequenas, cortantes ou perigosas de uma reforma já é um trabalhão.)

O fato é: precisávamos de 1 semana de férias de verdade antes de começar o ano! Nossa escolha foi Los Cabos no México, uma escolha relativamente próxima de casa e que tem um custo x benefício sensacional.

Hilton Los Cabos
Curtindo a piscina infinita do Hilton Los Cabos

Ficamos hospedados no maravilhoso Hilton Los Cabos (gostei tanto e recomendei bem que 2 amigas queridas e alguns leitores já foram para lá), curtimos as praias da região e até demos uma esticada – um tanto quanto doida – até La Paz. Outro destaque da experiência foi um almoço caprichado no Flora Farms. Voltamos com as energias recarregadas e prontos para mais aventuras.

Yosemite Park: sequoias gigantes e o boneco de neve (março)

Estava super animada para fazer uma viagem de esqui com as crianças, mas acabei caindo na real: o Caio tinha menos de 1 ano e mal sabia andar, passar o dia na neve com duas crianças pequenas enquanto o outro esquia nos pareceu a maior roubada do mundo. Ufa! Agora respiro aliviada em pensar que desistimos.

Nossa escolha acertada para curtir a neve com as crianças foi o inverno no Yosemite Park, e que pedida deliciosa.

Ficamos hospedados no Tenaya Lodge, um hotel super família que conta com uma estrutura sensacional para crianças (tem piscina aquecida, patinação no gelo, aluguel de equipamentos de neve e muita coisa legal). 

A viagem foi tão especial que hoje, quase um ano depois, o Tom vive perguntando quando vamos fazer boneco de neve e jogar bolotas de neve na mamãe (to ferrada!)

Tenaya Lodge
Fazer um boneco de neve – com cenoura no nariz e tudo – foi um dos momentos preferidos dos pequenos. Batizamos o boneco de Josualdo.

Alem de toda a diversão em família,  finalmente conheci o bosque das sequoias de mariposa e em estilo: caminhei os 8 km (ida e volta) com sapatos de neve e carregando o baby Caio no canguru. Chegar as sequoias foi uma mega realização e algo que nunca vou esquecer: foi mágico caminhar sozinha na floresta de gigantes. 

Yosemite Park
Mariposa Grove no inverno: Caio e eu no pé das sequoias gigantes

Outro ponto alto da viagem foi escorregar na neve com um disco que o hotel nos emprestou. O negócio vai rápido pacas, gira mais do que deveria e as crianças amaram.

Ida para o Brasil: primeira viagem sozinha com duas crianças (abril)

16 horas de viagem com uma criança pequena é duro, agora multiplique por dois! Minha primeira viagem sozinha com os meninos foi um carrossel de aventuras, cheguei exausta mas feliz para curtir 1 mês com à família. Valeu a pena!

Retrospectiva 2019
Batizado da Juju

O motivo da viagem foi o batizado da minha afilhada Juju e foi muito especial conhecê-la e participar da cerimônia. Também dei a sorte pegar o aniversário do meu sobrinho Kike, de curtir um tempo gostoso com o sobrinho Gab e de passar dois dias com a Drica minha irmã que mora na Austrália (nos vemos tão pouco 🙁 )

Foz do Iguaçu: a realização de um sonho 

Tenho uma conexão muito forte com água, não é  a toa que o destino do topo da minha lista de destinos nacionais era Foz do Iguaçu!

Minha mãe topou a aventura e fizemos uma viagem rápida porém maravilhosa de 3 noites em Foz. Dividi a estadia entre dois hotéis: o Wish Foz do Iguaçu (perfeito para crianças, o hotel é lindo e a estrutura para os pequenos é sensacional) e o Belmont Hotel das Cataratas (que também estava na lista dos sonhos) e me proporcionou a chance única de ver o por do sol nas Cataratas do Iguaçu e curtir algumas horas de parque vazio. Taí uma experiência que merece ser vivida!

Cataratas do Iguaçu
Pôr do sol nas Cataratas do Iguaçu

Quanto ao destino, superou as expectativas! Amei as cataratas e achei os dois lados (o argentino e o brasileiro) maravilhosos. O lado argentino, apesar de menos estruturado é bem mais acessível para carrinho de bebê e foi o meu preferido. 

Guaeca com a família 

Passamos o último final de semana em Guaeca no litoral de São Paulo. Guaeca é o paraíso de infância do Gu e onde ele passou boa parte de suas férias. Tanto o Tom quanto o Caio se apaixonaram pela praia de águas calmas (demos sorte!) e pelo riozinho. Tom gostou mais do mar e Caio curtiu o rio. Foi bem legal!

Sea Ranch: reencontro com os amigos do mestrado (Maio)

2019 marcou os 5 anos de formado do Gu em Berkeley, a faculdade organiza um encontro e vem gente de todos os cantos do mundo. 

Um dos amigos do Gu reservou um par de casas na Costa Norte da Califórnia em um cantinho bem especial chamado Sea Ranch. Passamos dois dias gostosos batendo papo com os amigos e caminhando com as crianças pela praia (tava um frio do cão e nem assim conseguimos escapar do pula ondinhas).

Retrospectiva 2019
Nossa casa em Sea Ranch: vista caprichada do mar

Las Vegas com crianças

Ainda em maio o pessoal da Tripierge me convidou para explorar Las Vegas com crianças e mostrar na prática que a cidade é sim muito divertida para os pequenos. A viagem foi bem eclética e contou com o passeio de helicóptero pelo Grand Canyon (adoooro) e uma programação bm divertida para os pequeninos com direito a aquário, roda gigante e até passeio de gôndola. Foi d+!

Las Vegas com crianças
Tom, Caio e Gu olhando Vegas do alto

IPW Anaheim  + Disney Califórnia 

Em maio fiz a minha primeira viagem sozinha sem crianças – fui super animada, mas morri de saudades, óbvio. Gu tirou uma semana de férias do trabalho para ficar com os pequenos e eu viajei sozinha para Anaheim.

A convenção inclui dois tours pela região. Conheci Dana Point – que tava no topo da minha lista de destinos do sul da Califórnia – e um tour pelos Disney Califórnia Adventure acompanhado de uma Imagineer (que privilégio!)

A IPW foi uma oportunidade legal para rever vários amigas de outros sites que adoro, conhecer muita gente nova, fazer contatos, e claro: ficar por dentro de todas as novidades da indústria de alguns dos principais destinos dos EUA. Durante a IPW também tive a chance de participar da inauguração do Star Wars Galaxy’s Edge na Disneyland e de uma festa de encerramento no parque Knotts Berry Farm (não conhecia e adorei).

Retrospectiva 2019
Millennium Falcon, uma das atrações do Galaxy’s Edge

Disneyland com as crianças

O Gu e os meninos vieram me encontrar em Anaheim e nós visitamos os parques da Disneyland (aqui aproveito para deixar a dica do hotel que ficamos, o Grand Legacy at The Park é um BBB na porta da Disneyland).

Foi muito gostoso ver a animação das crianças nos brinquedos – Tom curtiu e se apaixonou por sua primeira montanha russa- e claro, nos encontros com personagens.

Malibu e San Luis Obispo

Aproveitamos a viagem de volta para explorar dois lugares que adoramos com mais calma: Malibu e San Luis Obispo 

A ideia era curtir um dia de praia, mas o tempo estava horrível (e quase frio) e o jeito foi tomar brunch no Malibu Pier e fazer um passeio rápido pelo Point Dume (as crianças dormiram no carro e como a viagem era longa, nos revezamos para descer). Sem o sol, deixamos Malibu com gosto de quero mais.

Chegamos em San Luis Obispo no final da tarde e curtimos duas noites por lá. Foi gostoso para explorar a região e conhecer Ávila Beach (nossa nova praia preferida mais perto de casa). A praia é perfeita para crianças e os meninos amaram!

Avila Beach
Tom e Caio brincando no riozinho de Avila Beach

Camping no Yosemite (junho)

A chegada no verão inaugura a deliciosa temporada dos campings na Califórnia, nós adoramos acampar e sempre tentamos encarar uns 2-3 campings por temporada. O Yosemite Park é um dos nossos destinos preferidos da vida e um lugar que fazemos questão de voltar todo ano, e para 2019 reservamos dois finais de semana diferentes no parque.

Retrospectiva 2019
Valley View no Yosemite Park com a Íris

A primeira viagem, dei bobeira na hora de reservar e acabei pegando só uma noite, mas como o camping era no centro do parque eu não ia me dar o luxo de perder. O Gu arregou o perrengue e eu aproveitei a deixa para convidar a Iris, uma amiga querida que ainda não conhecia o parque para vir com a gente. Foi divertido mostrar meus cantinhos preferidos do parque para ela.

Na segunda viagem nos hospedamos bem pertinho do bosque das sequoias gigantes de Mariposa e foi uma delícia rever o bosque – agora sem neve e repleto de pessoas – na companhia do Gu e do Tom. Ficamos encantados com o Grizzly Giant e incluímos Mariposa na lista dos nossos cantinhos preferidos do Yosemite. Também consegui convencer o Gu a dirigir até o Glacier Point, e pela primeira vez vimos ursos no parque. Foi lindo!

Flórida Springs (Agosto/ Setembro)

No finalzinho de agosto embarcamos para uma das nossas viagens preferidas do ano: conhecer as Florida Springs, uma região da Flórida repleta de piscinas naturais e o único lugar dos Estados Unidos onde é permitido nadar com peixes-boi legalmente.

Piscinas naturais da Florida
Three Sister Springs em Crystal River

A viagem começou em Orlando, fizemos uma maratona de parques da Disney, visitamos o Epcot, Magic Kingdom, Animal Kingdom e Hollywood Studios, e ainda arranjamos tempo para curtir as piscinas maravilhosas do Hilton Orlando.

Dali seguimos para Weeki Wachee onde vimos o famoso show das sereias dançantes, um show super local e uma verdadeira tradição na Flórida. Não preciso nem dizer que os meninos amaram, preciso?

Em seguida exploramos Crystal River, onde conhecemos algumas das piscinas naturais mais lindas da Flórida e mergulhamos com os peixes-bois. Foi tão especial!

Fechamos a viagem na divertida DeLand, uma cidade cheia de personalidade e que ficas coladinho na Blue Springs, uma das Springs mais famosas da Flórida. Amamos a experiência!

Los Angeles e Burbank (Outubro)

Outubro chegou com uma dobradinha sensacional: Los Angeles + Burbank. Uma viagem cheia de experiências incríveis como fazer a trilha rumo ao letreiro de Hollywood, revisitar os estúdios da Warner Bros (recomendo muito este passeio), finalmente conhecer o Universal Studios Hollywood (que parque divertido!), fazer um passeio a cavalo pelo Griffith Observatory e jantar no inesquecível Castaway, saí apaixonada por Burbank e hoje a considero uma opção SUPER interessante de hospedagem para explorar a parte central de Los Angeles.

Santa Ynez Valley (Novembro)

Novembro foi um mês de muitas viagens e o curioso é que exceto essa primeira viagem para o Vale de Santa Ynez, foi tudo de último minuto. Mas vamos começar do começo e falar de Santa Ynez Valley e a dobradinha deliciosa que fizemos com Carmel incluindo uma viagem por Big Sur?

Solvang
Caminhando pelo Centro de Solvang

Santa Ynez é uma região vinícola na Costa da Califórnia formada por 6 pequenas cidades. Já conhecíamos bem Solvang e Los Olivos, mas desta vez tivemos a chance de explorar Buellton e conhecer vinícolas deliciosas na região. Para quem vai percorrer a Highway 1 e curte vinhos, vale mega a pena incluir a região no roteiro.

Big Sur e Carmel com crianças

E já que estávamos no litoral, aproveitamos a deixa para repetir o trecho mais lindo da viagem: Big Sur! São cerca de 70 milhas de paisagens incríveis, uma viagem que não canso de repetir e o legal é que sempre descubro algo novo pelo caminho!

Chegamos em Carmel no final do dia e prontos para curtir um pôr do sol lindo na praia de Carmel, os pequenos se divertiram muito subindo e descendo a encosta da praia, e nós aproveitamos para bater papo.  Nesta noite dormimos no Hofsas House Hotel, um hotel com jeitão familiar e uma receptividade incrível, o quarto era imenso e nossos pequenos foram mega bem recebidos!

Carmel com crianças
Tom se esbaldando no pôr do sol em Carmel

Falando em recepção, nossa estada na cidade teve um objetivo especial: mostrar que o que fazer com crianças em Carmel, e mostrar que apesar de todo o climão romântico que envolve a cidade, Carmel é sim uma pedida excelente para viajar com crianças.

Rocky, o novo membro da família Vidigal Brandileone

Nossa viagem por Santa Ynez acabou com uma parada mais que especial em Gilroy. Fomos buscar o novo membro da família Vidigal Brandileone, o Rocky, um trailer de 22 pés (ele acomoda até 6 pessoas) e que será nosso novo companheiro nas Roadtrips.

Quem acompanha o Ideias na mala sabe que amamos viagens de carro (e na real, nossa retrospectiva 2019 é uma grande prova disso!) e destinos de natureza. Comprar nosso próprio trailer é uma tentativa de viajar ainda mais pela Califórnia (e estados vizinhos) sem o perrengue de ficar trocando de hotel. Viajar de motorhome com crianças é uma economia de tempo absurda, algo que faz todo sentido para nós.

[2020 que nos aguarde! Temos muitos planos para o Rocky!]

Austin – Texas (Novembro)

Pintou uma viagem de trabalho para o Gustavo e eu não tive dúvida, comprei passagens para nós 4! Passamos uma semana bem relax em Austin e pela primeira vez no ano resolvi que tiraria férias de verdade. Não levei minha máquina fotográfica nem laptop, não montei um roteiro detalhado e nem fiz uma pauta de conteúdos. Viajei sem obrigações ou ingressos comprados e percebi que preciso fazer isso pelo menos uma vez por ano. Que bom descansar e curtir tempo com as crianças!

Austin no Texas
Rio Colorado em Austin

Quanto a Austin, achei uma pedida interessante. Não morri de amores pela cidade, mas gostei muito do Zilker Park e da vibe noturna e divertidísima da cidade. A comida é ótima os preços bem mais acessíveis que a Bay Area e há muita coisa legal para fazer. [E sim! Vou fazer um post de Austin logo logo, pode deixar!]

Redwoods National Park (Novembro)

Chegamos de Austin em um dia, e no dia seguinte já embarcamos para a primeira viagem do Rocky, uma viagem pelas Redwoods na costa norte da Califórnia durante o feriado de Thanks Giving.

Humboldt State Park

No primeiro dia de viagem seguimos até a cidade de Benbow, pertinho do Humboldt Redwoods State Park, mais conhecido como Alameda dos Gigantes. Chegamos no final do dia, então foi só o tempo de preparar o jantar e descansar. No dia seguinte exploramos o parque – que é maravilhoso- com paradas no centro de visitantes (muito legal), Women’s Federation Grove (~1,5 Km de trilha com árvores lindas); Founder’s Grove (~2Km de trilha por algumas das árvores mais altas do parque, é sensacional!) e ainda fizemos um pedacinho do Drury Chaney loop (A trilha tem 3,8 Km no total e é uma mistura linda de trevos com Redwoods e Samambaias). Neste dia seguimos até Crescent City na fronteira com o Oregon. A viagem é maravilhosa e cheia de mirantes lindos para o oceano.

Retrospectiva 2019
Brincando nas árvores do Humboldt State Park

A tentativa frustrada

No dia seguinte acordamos com um alerta meteorológico chato: um ciclone bomba com previsão de ventos fortíssimos e até neve nas montanhas, ao ouvir a previsão não pensamos duas vezes: fizemos as malas rápido e tocamos viagem em direção a nossa casa (ficar no meio de uma floresta de árvores altas e milenares durante a ventania não nos pareceu uma ideia muito esperta); o Gu dirigiu sete horas seguidas em meio a ventos brutais, chuva brava e até neve. Foi uma loucura para nós e muito cansativo para os pequenos, mas saímos da região perigosa e dormimos em um camping na região de Wilits que foi o máximo que conseguimos avançar antes de escurecer e a combinação de estrada + neve ficar perigosa.

E como dos limões fazemos limonada, no dia seguinte seguimos até a região de Geyserville (região vinícola de Sonoma) para encerrar a viagem com uns vinhozinhos, até daria para ficar mais um par de dias, mas as vinícolas não abrem no Thanks Giving e com a previsão de chuva intensa, nada melhor do que voltar para casa e encerrar mais cedo a viagem.

A viagem de estreia do Rocky foi mega desafiadora. Dirigir 7 horas um carro acoplado a um trailer no vento, chuva e neve não estavam nos nossos planos, mas no final das contas aprendemos um bocado. Quer saber a parte mais bizarra da história? Foi nossa segunda viagem ao Redwoods National Park e pela segunda vez não vimos NADA. Da primeira vez a neblina intensa não nos deixou ver um pau de árvore, nem o oceano que é presente em toda a estrada é que é incrível vimos da primeira vez, nesta segunda viagem curtimos a estrada e as vistas bonitas na ida, ms ainda não conseguimos visitar o Redwoods National Park com o carinho que ele merece. #Meta2020

Rota 66 + Arizona + Las Vegas (Dezembro)

Dezembro chegou chegando e nem vimos o mês passar, mas assim que entramos na semana entre o natal e ano novo embarcamos para a segunda viagem do Rocky, um roteiro caprichado com um pedacinho da Rota 66, alguns dias em Phoenix, Sedona e um final caprichado com show da Lady Gaga em Las Vegas (Adoro!)

Route 66

Dormimos a primeira noite em Bakersfield e começamos a viagem de verdade em Barstow (California) onde visitamos uma estação de trem e um museu da Rota 66 bem simples, não nos surpreendemos. A parada mais interessante deste dia foi no Bagdad café onde comi um sanduíche de búfalo (especialidade da casa) meia boca e o Gu comeu um sanduíche de carne gostosinho. O lugar é legal e estávamos famintos mas caso você faça a mesma viagem, recomendo que você vá apenas para um drink.

Retrospectiva 2019
Antigo guincho Ford, uma das inspirações do Mater do filem Carros da Pixar, em Selligman – Arizona

Kingman: Uma parada bem legal na Route 66

Dali seguimos para Kingman e começamos a gostar da Rota 66, o centrinho da cidade é super legal e conta com um museu/ centro de visitantes organizado, uma locomotiva antiga lindona, vários murais coloridos espalhados pela cidade e uma lanchonete super legal o Mr. D’z (tomamos milk shakes gigantescos, eu comi uma salada muito boa e o Gu comeu um Burger fraco). Antes de seguir para Phoenix ainda paramos na incrível Hackaberry General store, uma loja de quinquilharias imperdível!

Phoenix: uma super surpresa

A capital do Arizona me surpreendeu mais do que positivamente. Cheguei sem expectativas – talvez pelo excesso de expectativas que tive em Austin e que definitivamente não foram atingidas – e saí completamente encantada. O Gu trabalhou normalmente no dia 23/12 (de forma remota) e eu aproveitei a previsão de bom tempo para conhecer o Jardim Botânico de Phoenix (que lugar incrível!), emendei com o Hall of Flame (museu de carro dos bombeiros – as crianças adoram bombeiro) e quando o Gu veio nos encontrar ainda deu tempo e conhecer o Hole in the Rock (lindo) e fazer um tour pela Taliesin West (casa e escola de arquitetura de Frank Lloyd Wright e fechar o dia com um jantar em Scottsdale (o dia rendeu!)

Retrospectiva 2019
Cactus no Jardim Botânico de Phoenix

Dia 24 nós passamos com a família do primo do Gu que mora na região de Phoenix e foi tão gostoso que os meninos se esbaldaram de brincar e nós nem vimos o tempo passar. A noite fomos a festa de natal na casa de brasileiros (e que festa gostosa!) com direito a papai Noel e amigo secreto ladrão.

Ainda tivemos mais um dia em Phoenix e curtimos o excelente museu do instrumento musical (incrível! Um dos museus mais legais dos últimos tempos) e como nada abre no dia 25, demos um giro de carro pela cidade e curtimos tempo em família no Rocky

[Danilo, Vivi, Enzo e Enrico: Obrigada pela recepção e esperamos vocês na Califórnia]

Sedona: que delícia voltar para lá

Dia 26 foi dia de tocar para Sedona – a estrada é linda – e encontrar com meus pais que sairam de Las Vegas e enfrentaram uns 200Km de neve brava na estrada (coitados!) a nevasca foi uma das mais fortes dos últimos anos e caiu em lugares onde raramente neva. Foi a primeira vez que meu pai dirigiu na neve e nós ficamos aliviados quando eles chegaram (já de noite) famintos e cansados. Coitados! Fora isso, vocês não sabem como esperei pelo abraço gostoso que recebi dos dois!

Retrospectiva 2019
Família reunida em Sedona

Sedona é uma paixão antiga e um lugar que há anos queria voltar. Sem exagero, está entre as cidades mais legais dos Estados Unidos e que lugar lindo. Tivemos 2 dias em Sedona e passeamos pelos vórtices que tornaram a cidade famosa e pelo centrinho delícia. Já quero voltar!

Show da Lady Gaga em Vegas

Terminamos o ano com o show da Lady Gaga em Las Vegas, algo que eu sonhava há meses, e que especial! Como canta aquela mulher! Já havia visto a Gaga tocando em San Francisco – e na real o ParK MGM Theater ficou pequeno para ela, a mulher merecia um estádio inteiro – mas adorei o show Enigma.

Retrospectiva 2019
Lady Gaga tocando Shallow em Vegas

Também aproveitei a ida para Vegas para um merecido #valenight com o maridon, jantamos no maravilhoso Zuma – um menu degustação dos deuses – e arrematamos a noite com um duelo de pianos no Paris Paris (éramos os mais novos do recinto, apesar de bacana sou bem mais o do NYNY).

Dia 31/12 fizemos a viagem kamikaze entre Vegas e Pleasanton (com as paradas foram dez horas de estrada) e chegamos em casa as 8:00 da noite cansados, mas prontos para comemorar a virada! Não passamos a virada em Las Vegas porque a cidade fica um caos no dia 31 e não queríamos ficar no meio da muvuca com os pequenos (e pagar uma fortuna de hotel para ter que ir dormir antes da meia noite).

Um 2020 incrível para nós

E para você que chegou até aqui, obrigada por toda a companhia durante 2019! Te desejo um 2020 incrível, muita saúde, muito amor, prosperidade e realizações.

Um abraços forte,

Mari

 

Planeje sua viagem

Deixe o seu comentário