Swiss Travel Pass vale a pena? Tudo o que você precisa saber para viajar de trem pela Suíça

Quem nunca sonhou em fazer uma viagem de trem pela Suíça? Está de malas prontas e quer saber se o Swiss Travel Pass vale a pena? Nesse post vou te explicar como funciona o Swiss Travel Pass, um passe ilimitado de transporte público na Suíça. E vou te ajudar avaliar se faz sentido comprá-lo para sua viagem a Suíça.

Vamos nessa?

Na primeira vez que fui a Suíça, comprei minhas passagens em umas dessas promoções super baratas, e como teria uns dias sobrando na Europa, pensei: por que não?!

Duas semanas antes da viagem, aconteceu umas daquelas coincidências da vida, e o Gustavo ficou sabendo que teria que apresentar um projeto na Suíça exatamente nos mesmos dias que eu estaria por lá, mudei todos os meus planos de viagem sozinha pelo país e fomos juntos em uma viagem de casal e trabalho ao mesmo tempo.

Chegamos em Genebra num sábado à tarde e no domingo teríamos que cruzar o país rumo a Basileia, onde seriam as reuniões do Gustavo. Enquanto ele foi trabalhar, aproveitei para conhecer outras cidades. Ao planejar meu roteiro resolvi comprar um Swiss Travel Pass, pois fiz os cálculos e vi que valia a pena.

Aqui vou te mostrar como avaliar se o Swiss Travel Pass vale a pena para a sua viagem.

Como é viajar de trem pela Suíça

A Suíça é um país pequeno, mas seu sistema ferroviário é vasto e eficiente, conectando cidades e vilas em todo o país. Isso significa que você pode explorar múltiplos destinos em uma única viagem, sem se preocupar com aluguel de carro ou itinerários complicados.

Em uma viagem de trem pela Suíça, a pontualidade é uma garantia. Isso significa que você pode planejar seu roteiro com tranquilidade, sem se preocupar com atrasos. E o melhor de tudo? Cada trecho da viagem oferece uma nova e incrível paisagem para você admirar. Desde as montanhas alpinas majestosas e seus picos nevados até os vales bem verdinhos e os lagos cristalinos. As charmosas vilas suíças são um destaque a parte, fiquei apaixonada.

Os trens suíços são modernos e confortáveis, com amplos assentos e comodidades como Wi-Fi a bordo (em muitos trens). E as estações de trem são verdadeiros centros de conveniência, com lojas, restaurantes e serviços de bagagem.

Outra vantagem é que na Suíça, as distâncias entre as principais cidades são curtas, o que torna os bate-voltas confortáveis e práticos. Por exemplo, de Lucerna a Berna ou de Genebra a Montreux, você gastará muito menos tempo viajando de trem e mais tempo aproveitando cada destino. O país foi feito para ser explorado de trem.

Paul Klee Zentrum - Suíça
Paul Klee Zentrum – Gratuito com o Swiss Travel Pass

Como funciona o Swiss Travel Pass

O Swiss Travel Pass é um bilhete que dá acesso livre ao transporte público em toda a Suíça. Ele abrange trens, metrô, ônibus e barcos. Você pode usá-lo tanto no transporte dentro das cidades como também nos intermunicipais.

O custo do Swiss Travel Pass varia de acordo com a quantidade de dias e a classe escolhida. Você pode adquirir para 3, 4, 6, 8 ou 15 dias consecutivos, em primeira ou segunda classe. Jovens menores de 25 anos, devem comprar o Swiss Travel Pass Youth, que custa 30% mais barato Swiss Pass Travel.

Swiss Travel Pass Flex: qual a diferença?

O Swiss Travel Pass Flex possui os mesmos benefícios do Swiss Travel Pass, a diferença é que ele não é um passe consecutivo, ou seja, você escolhe o número de dias que quer utilizar 3, 4, 6, 8 ou 15 dias, e tem o período de um mês para usar.

O custo dele é um pouco mais caro, mas a vantagem é que caso você não use em algum dia na sua viagem, esse dia não está perdido. Por exemplo: Berna é uma cidade pequena e você pode conhecê-la toda apenas caminhando. Com o Swiss Travel Pass Flex, você não perde esse dia.

Também é comum os hotéis em algumas cidades Suíças, Berna é uma delas, te darem um passe viagens ilimitadas de trem ou bondinho elétrico na região. Então, ao utilizar o Swiss Travel Pass Flex você não perde esse dia.

Benefícios do Swiss Pass Travel

A meu ver os dois principais benefícios são: poder pegar quantos transportes públicos eu quiser, pois a quantidade é ilimitada; e também não ter que me preocupar com um roteiro preso ao horário X que eu comprei a passagem do trem, pois na Suíça tem trens de hora em hora para as principais cidades, então posso facilmente adaptar meu roteiro.

Aqui vai uma lista com os outros benefícios bem legais:

  • Viagem gratuita em trens panorâmicos premium (nos trens Glacier Express, Bernina Express, Gotthard Panorama Express e Palm Express – é necessário fazer reserva de assento e/ ou pagar taxa.)
  • Uso gratuito dos meios de transporte público em mais de 90 cidades.
  • Entrada gratuita em mais de 500 museus.
  • Inclui excursões de montanha para Rigi, Stanserhorn e Stoos.
  • Até 50% de desconto em diversas outras excursões de montanha.
  • Até 30% de desconto nas ofertas da SBB RailAway.
  • Crianças e jovens (6 anos aos 16 anos) acompanhadas por pelo menos um adulto com o Swiss Travel Pass válido, viajam gratuitamente com o Swiss Family Card.

Como calcular se o Swiss Travel Pass vale a pena?

O primeiro passo é definir quantos dias de viagem tem o seu roteiro na Suíça. Em seguida veja as cidades que você quer conhecer, a quantidade de trens que você irá utilizar para percorrer esses trechos e a viagem de trem panorâmico que você quer fazer.

Agora entre no site oficial da SBB (o sistema ferroviário nacional da Suíça) e veja os valores dos bilhetes avulsos dos trens. Verifique se escolheu os bilhetes de segunda classe (mais baratos) e sem nenhum desconto (o campo de desconto é para moradores do país). Fez as contas? Agora vamos para a segunda parte.

Quanto custa o Swiss Travel Pass?

Depois de fazer as contas de quanto irá gastar comprando os bilhetes avulsos, agora chegou a hora de comparar com o valor que você gastaria ao adquirir o Swiss Travel Pass.

Considerei os valores do passe consecutivo de 3, 4, 6, 8 ou 15 dias, na segunda classe. Preços pesquisados em fevereiro de 2024 e válidos até dezembro de 2024; os valores estão em Francos Suíços.

DiasAdultos acima de 25 anosJovens de 16 a 24 anos
3CHF 244.00CHF 172.00
4CHF 295.00CHF 209.00
6CHF 379.00CHF 268.00
8CHF 419.00CHF 297.00
15CHF 459.00CHF 328.00

Como você pôde concluir, comprar o Swiss Travel Pass é bem mais vantajoso que comprar os bilhetes avulsos. Além da economia com o transporte, você ainda tem acesso a diversas atrações gratuitas e muitos descontos.

Vai pra Suíça? Veja também: Viagens de trem e barco na Suíça – 10 passeios inesquecíveis

Quando não vale a pena comprar o Swiss Travel Pass?

Existem duas opções em que talvez não valha a pena você comprar o Swiss Travel Pass, faça as contas e analise:

  1. Quem opta por alugar carro, não vai usar os transportes públicos do país de uma maneira geral. Minha sugestão é que seja analisado se vale a pena alugar o carro, pois além do aluguel ser mais caro, ainda tem os custos com combustível e estacionamento.
    • Também devem entrar nas contas: os bilhetes avulsos de museus, teleféricos e viagem de trem panorâmico.
  2. Você ficará em apenas uma região da Suíça, que conta com passes regionais gratuitos e ilimitados de transporte. É comum, no momento do check-in os hotéis entregarem o passe para que seus hóspedes aproveitem a cidade. No meu post Como é se hospedar no Hotel Alpenblick em Berna, na Suíça, falei sobre isso.
Monte Pilatus - Suíça
Dragon Ride no Monte Pilatus – incluso no Swiss Travel Pass

Qual a diferença entre primeira classe e segunda classe nos trens na Suíça?

Há poucas diferenças entre a primeira e a segunda classe nos trens da Suíça. A primeira classe possui:

  • Maior espaço para as bagagens;
  • As poltronas são mais largas e mais confortáveis;
  • Uma viagem mais exclusiva;

Na alta temporada a segunda classe dos trens com trechos mais populares, pode ficar bem cheia e você terá que fazer a viagem em pé. Uma alternativa é reservar o assento nesses trechos — a reserva não é obrigatória, mas garante o assento e se você estiver viajando com outras pessoas, também garante que vocês sentarão juntos.

A reserva pode ser feita direto no site da SBB ou nos guichês na estação de trem.

Onde comprar o Swiss Travel Pass

O Swiss Travel Pass pode ser comprado online e você pode comprar através da parceria que o Ideias na Mala tem com o site Get Your Guide, nós já compramos diversos tours nele, então pode confiar!

Comprando através do nosso link, você ajuda a remunerar nosso trabalho e não tem custo a mais nenhum por isso. Somos comissionados pelas reservas feitas através do nosso site.

Compre aqui seu Swiss Travel Pass

Observações importantes

  • O passe é pessoal e intransferível. Na hora em que você fizer a compra é solicitado o nome da pessoa que irá utilizar e somente ela pode fazer uso do passe.
  • Para adquirir o Swiss Family Card basta adicioná-lo ao fazer a compra do Swiss Pass Travel e aproveitar os benefícios. Crianças menores de 16 anos viajam gratuitamente acompanhadas de um adulto. E criança menores de 6 anos viajam de forma gratuita, não sendo necessário o passe.
  • Para crianças entre 6 e 16 anos viajarem sozinhas é necessário comprar um passe no qual elas tem 50% de desconto.

Fez as contas e prefere comprar o Swiss Travel Pass Flex?

Compre aqui o Swiss Travel Pass Flex

roteiro em berna na suiça com swiss travel pass
Bonde nas ruas de Berna – inclusos no Swiss Travel Pass

Como utilizar o Swiss Travel Pass

Após fazer a confirmação da compra, você receberá um ingresso digital por e-mail em até 24h. Você pode salvar o ingresso no seu celular ou imprimi-lo, fica a seu critério. Nos trens suíços não há catracas, os ficais passam no trem e pedem para que você apresente o bilhete.

No caso do Swiss Travel Pass, os fiscais podem solicitar também que você mostre seu passaporte, isto acontece porque o passe é de uso exclusivo dos estrangeiros, não sendo permitido para moradores locais. Após o primeiro uso, o passe será ativado.

Dica importante: o passe é ativado por dia e não por horário. Isso significa que se você ativá-lo no final da tarde, esse dia já contou como dia 1. Você informa a data de início no momento da compra.

O passe tem viagens ilimitadas, dentro do período selecionado, por todo o país e essa é uma das suas maiores vantagens, pois você pode embarcar e desembarcar em qualquer local ou cidade, sem se preocupar com horários. Seu roteiro fica muita mais flexível.

Ativação do Swiss Travel Pass Flex

O Swiss Travel Pass Flex é válido por um mês, contado a partir da data inicial de ativação escolhida. Para cada dia de viagem, é preciso fazer uma ativação pelo menos 24 horas de antecedência. A ativação é feita através do site oficial para ativação do passe

Como fazer a reserva de assentos nos trens panorâmicos

Para fazer as rotas panorâmicas utilizando o passe é necessário fazer a reserva de assento. Para fazer a reserva, basta entrar no site do trem panorâmico que você quer fazer e escolher a opção de reservar assento com o Swiss Travel Pass.

Os trens panorâmicos cobram uma taxa de reserva de assento. No post Gotthard Panorama Express: a viagem panorâmica entre Lugano e Lucerna, contei um pouco sobre a minha viagem, a reserva de assento e o valor cobrado.

O Swiss Travel Pass vale a pena?

Muito. Se você pretende ficar 3 dias ou mais na Suíça, vai se deslocar entre as cidades, conhecer pontos turísticos e quer fazer uma rota panorâmica de trem, o Swiss Pass Travel vai te ajudar a economizar alguns francos suíços. Além disso, ele vai deixar seu roteiro muito mais flexível e prático, pois você está livre para usar o transporte público de forma ilimitada, não precisa de dinheiro trocado para pagar o transporte e nem está preso a um horário específico.

A Suíça é um país caro, principalmente para nós brasileiros, então a possibilidade de economizar francos suíços é ótimo.

como calcular se o swiss travel pass vale a pena
Vistas lindas dos vales na Suíça

E aí, curtiu nossas dicas? Ficou com alguma dúvida? Deixe nos comentários.

Veja também:

E para ficar por dentro de todas as novidades do Ideias na Mala, siga nosso Instagram!

mari vidigal
mari vidigal
Mari é editora do Ideias na Mala há 14 anos e mora na Califórnia. Já visitou dezenas de países e explorou boa parte dos Estados Unidos com seus filhos Tom e Caio. Sua paixão? Viajar com o motorhome Rocky e colecionar Springs na Flórida. Mari é conhecida pelos seus roteiros super completos dos principais destinos da Europa (sim! Tem roteiro de Paris, Madri, Londres, Portugal e Amsterdam) e pelo conteúdo mais completo da Califórnia, Flórida e Las Vegas entre os sites de viagem do Brasil. Em 2021 recebeu o prêmio IPW Travel Awards, um dos maiores prêmios de jornalismo de viagem, e em 2024 foi finalista do prêmio Europa de Comunicação.

Viaje Melhor

Links para você reservar hotéis, comprar seguro viagem com desconto, conferir atrações e passeios incríveis e alugar carro em qualquer lugar do mundo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comentários:
Avatar Bruno Lima disse:

Mari parabéns pelo Blog, sempre com informações úteis para todos. Me ajuda em uma dúvida por favor.
No meu Eurotrip de Maio agora vou passar 4 dias lá. Eles tem o tal do Swiss Travel pass que custa 295 francos por 4 dias para andar em todos os transportes públicos da suiça livremente. Pra mi me esposa dá 590 francos, nós vamos passar pelas seguintes cidades (Lugano porque vamos estar vindo de milão, Lucerna, região de interlaken, Zurich e depois basileia para subir para Paris)
Fiz cotações com as passagens mais caras pagando avulso cada ticket e deu 250 Francos para 2 pessoas, menos da metade dos 590.Vamos arredondar pra 300 Euros caso pegue mais do que o roteiro que fiz. Me deixou com uma dúvida imensa se realmente vale a pena esse swiss travel pass. Tem um monte de youtube indicando ele, mas todos eles vendem esse pass, o que deixa a indicação enviesada.

Beatriz Arous Beatriz Arous disse:

Bruno, boa noite!

De forma geral vale muito a pena sim, mas você deve fazer o cálculo e avaliar para a sua viagem.
No cálculo, não deve entrar apenas os meios de transporte, mas também as atrações que você deseja visitar, pois com o swiss pass você tem entrada gratuita em muitos museus, teleféricos e atrações. As atrações que não são gratuitas geralmente tem desconto de 25% a 50%. E os trens panorâmicos que estão inclusos no pass, você só paga a taxa de reserva de assento (ficar bem barato, se comparado ao valor cheio).
Como na Suíça as atrações são bem caras para nós brasileiros, o desconto/gratuidade do Swiss Travel Pass é uma mão na roda.
Vou deixar o link para você ver todos os benefícios e avaliar:
Swiss Travel Pass
Boa viagem!

Avatar miriam oliveira muller disse:

Olá!
Da suiça vou a Paris pegando o primeiro trem em interlaken, minha duvida é se da para usar o Swiss Travel Pass nessa viagem saindo da suiça para Paris

mari vidigal mari vidigal disse:

Não dá. O trem internacional não está incluso no Ticket

Avatar Rodrigo Rodrigues disse:

Olá, Mari! Iremos à Suíça, 1 casal, por 10 dias, em março/18, chegando pelo aeroporto de Zurique e voltando por Milão. Fizemos um roteiro de 8 dias na Suiça e 2 na Itália. É nossa primeira vez na Suiça e gostariamos de suas sugestões sobre nosso roteiro:
2 noites em Zurique
2 noites em Interlaken
2 noite em Lucerna
2 noite em Lugano
2 noite em Milão
12/03 – Chegada em Zurique
13/03 – Bate e volta a Vaduz, Lichtenstein
14/03 – Zurique – Interlaken
15/03 – Interlaken – Jungrafrau
16/03 – Interlaken – Lucerna – Mt. Pilatus
17/03 – Lucerna – Mt. Titlis
18/03 – Lucerna – Lugano
19/03 – Lugano
20/03 – Lugano – Milão
21/03 – Bate e volta a Gênova
22/03 – Milão – Brasil
As duas cidades que, de longe, mais nos interessou foi Interlaken e lucerna. E colocamos os 8 dias na Suiça pra aproveitarmos o Swiss Pass de 8 dias corridos. A nossa maior dúvida é se colocamos um dia a mais em Interlaken ou Lucerna, para aproveitarmos melhor os passeios por lá, e tiramos um dia de Lugano. Ou se colocamos 2 dias em Zermatt e tiramos Lugano do roteiro. Sabemos do inverno rigoroso em Zermatt por isso o deixamos de fora. Já conhecíamos a Itália, mas Milão e Genebra ainda nao. O que nos diz?
Parabéns pelos Posts e obrigado pelas orientações.
Rodrigo e Carla

mari vidigal mari vidigal disse:

Oi Carla e Rodrigo,
Que delícia de roteiro! Olha, eu deixaria como está. Tá uma delícia e super bem montado. Com o passe, você terá flexibilidade de fazer alguns ajustes na hora. Eu fiz.
Ah, e Bellinzona vale a parada antes de chegar em Lugano!
Abracos,
Mari

Avatar ana concentino disse:

Olá Mari. Gostaria de saber como utilizar o Swiss Pass para descontos em hoteis. Existe uma relação de hoteis “conveniados”?

Avatar Natalia Campos disse:

OLA…..td bem?Estamos indo pra Genebra dia 10/04/16….tres casais….podemos comprar o swiss pass la?Será mais vantajoso do que adquiri-lo no brasil?E é facil?Obrigada

mari vidigal mari vidigal disse:

Oi Natália,
Pode comprar lá mesmo (e economizar os 7% do cartão). Dá para comprar no Aeroporto ou em qualquer estação de trem.
Algumas dicas de genebra para vcs.
Beijos

Avatar Rafael disse:

Oi Mari tudo bem? Top o site, parabens!! Estou chegando na Suiça agora dia 23/02 e ainda não comprei meu Swiss Pass. Sabe me dizer se consigo compra-lo na estação de Genebra ou aeroporto??

mari vidigal mari vidigal disse:

Oi Rafael,
Tudo bem?
Dá para comprar tanto em Genebra quanto no aeroporto!
Aproveite bastante a viagem!

Avatar vanderlei disse:

Oi mari como vai? Programando muitas viagens? Adorei tudo que vc nos contou sobre a suica, infelizmente muitas dúvidas ficaram na minha cabeça e a principal, ficarei 3 dias na suiça em fevereiro com uma dúvida na cidade onde me hospedar genebra ou lausanne? Como vou sozinho gostaria de alguma mais agitada tanto dia como noite alguma idéia?

mari vidigal mari vidigal disse:

Oi Vanderlei,
Não conheço Lausanne mas achei Genebra bem desanimadinha!

Avatar Carla disse:

Olá boa noite gostav a de lhe perguntar se e possível adquirir o swiss family Card. Somente para 2 adulto ou se não indo crianças não posso adquirir esse cartão obrigada boa noite

mari vidigal mari vidigal disse:

Oi Carla,
O family card é uma extensão grátis do cartão que garante que jóvens de até 16 anos viagem de graça. Para dois adultos, não faz sentido. V

Avatar Carlos Frias disse:

Mari, como vai?
Eu vou para Suiça em janeiro. Chegarei por Genebra e passarei de trem por por Lausanne, Berna, Interlaken, Lucerna, Zurique e Pontresina. De Pontresina vou para Alemanha, passando por Munique, Leipzig e Berlim.
Gostaria de lhe perguntar 2 coisas:
1) Quais desses locais citados que você considera essenciais? Imperdíveis?
2) Considerando esse roteiro, que tipo de passe de trem seria mais interessante adquirir? Eurail Global Pass? Outro?

mari vidigal mari vidigal disse:

Oi Carlos,
Das cidades que vc citou Interlaken e Lucerna são as que eu mais gosto. Não conheço Pontresina e nem Leipzig, mas recomendo Berlim e Munique.

Em relação ao passe de trem, para andar dentro da Suíça o Swiss Pass costuma ser o mais vantajoso, mas para fazer estas perninhas internacionais, você precisa pesquisar. Talvez financeiramente valha a pena um vôo de low cost Genebra – Berlim.

Avatar Keturen Grossmann disse:

Olá tudo bem?
Amei teu blog 😉
Será que vc poderia me ajudar no meu roteiro, please?
Estou chegando no aeroporto de Genebra dia 22/01 as 7pm e saio da Suíça por este mesmo aeroporto dia 25/01 as 10am. Meu principal objetivo é conhecer os Alpes.
1- Será que consigo pegar um ônibus ou trem do aeroporto quando eu chegar e ir direto para Interlaken? Ou seja já começaria a viagem para os Alpes dia 23 cedo?
2- E que dica de roteiro vc me da para meus 2 dias?

Obrigada e abraço!! 🙂

mari vidigal mari vidigal disse:

Oi Keturen,
Tudo bem?

De Genebra, ao invés de ir para Interlaken, você pode considerar o Matterhorn que é mais exótico. Passe seus dois dias pela região que é linda e tem muito o que ver e fazer!

Avatar telma disse:

Olá!!!
Vou de Tirano até Saint Moritz no Bernina Express Panorâmico, porém não tem trem disponível na volta. Nem normal, nem panorâmico. Tem outro jeito de voltar para Tirano? Queria voltar no mesmo dia – 09/05/2014.

Obrigada

mari vidigal mari vidigal disse:

Oi Telma,
Você precisa checar lá no site 🙂

Avatar telma engel disse:

Acabei conseguindo fazer a reserva de ida e volta, porém no site não existe a opção de realmente comprar os bilhetes. Vc sabe se só consigo comprar na estação, na hora? Ou onde compro no site?

Obrigada

mari vidigal mari vidigal disse:

Na estação na hora, se tiver lugar dá pra comprar. Em relação ao site, vc precisa procurar.

Avatar Marzio Azaro disse:

Olá Marina, parabéns pelo blog. Excelente.
Vou passar 10 dias de lua de mel na Suíça agora em outubro.
Estou meio perdido em saber o que fazer lá.
Você poderia me dar uma sugestão de viagem?

Obrigado!!

mari vidigal mari vidigal disse:

Oi Marcio,
Tudo bem?
Uma das cidades mais lindas que já visitei na vida é Lucerna e sem dúvida nenhuma incluiria no roteiro. Linda e super romântica!
Mas vc tbm pdoe fazer uma viagem pela Suiça Italiana, dizem que a região de Lugano é a região mais linda do país.
Eu como viajei num esquema mais mochila e menos romantico, fico pouco confortável em te sugerir um roteiro completo, mas super confidente em te parabenizar pela escolha. A Suiça é fantástica e vc vai amar. Abraços.

Avatar Claudio Rodrigues Corrêa disse:

Olá Mari, Parabéns pelo blog.
Depois de tudo (de bom) que li aqui, ficaram umas dúvidas sobre, a vista do meu roteiro (locais e dias), em que trechos vale a pena o passe e qual o tipo. Ele tem basicamente, 3 blocos. Ao final, farei as perguntas:
1-Eu e esposa pousaremos no dia 12/09 – Chegamos em Zurique às 22, vamos de trem normal para Genebra dormimos lá. Um amigo me empresatará o carro (para visitar essa e as vizinhas) nessa cidade até o dia 15, quando vamos de trem para Winterthur (ao norte de Zurique) onde fico num congresso até dia 18.
2- No final do dia 18, vamos de trem ir p/ Fussen-Alemanha (Castelo da cinderela).
Ao final do dia 19, de trem noturno p/ Interlaken
Dia 20/09 – Interlaken (com Jungfraun).
3-No fim do dia ir voltar de trem p/ Winterthur para dormir (por que lá meu hotel é bem baratinho).
Dias 21/09 – Bern – dormir em Winterthur
dia 22/09 – Lucern – dormir em Winterthur
dia 23/09 – Zurique – dormir em Winterthur
dia 24/09 – embarque em Zurique p/Rio às 7h30.
Perguntas:
no bloco 1, só pego o trem para Zurique-Genebra (era melhor tentar um voo lowcost? Ou um passe flexi para juntar com o bloco 3?)
nos bloco 2 – que vou a Alemanha e 3 que fico em Winterthur pensei em alugar um carro para os dois blocos ou só para o bloco 3. se eu alugar no bloco 2, viajaria de noite de carro – o que não me agrada. Mas no bloco 3, poderia alugar o carro em Winterthur e ficar indo e voltando para Bern, Lucern e Zurique (um dia em cada). Chegar de carro nelas, parar e visitar pontos turisticos é tranquilo? Viajar entre elas de carro é bonito e vale a pena poder parar e tirar a foto que eu desejar?
Abraço,

mari vidigal mari vidigal disse:

Oi Claudio,
Tudo bem?
Vou tentar responder as perguntas uma por uma e se eu esquecer de algo, vc me avisa?
1) Orçe as duas coisas e veja a diferença de preços. A vantagem do trem é a flexibilidade e não ter que perder tempo para ir e voltar de aeroporto. (Precisa pesquisar se existe vôo Low cost que faça esse percurso).
2) Pergunta 2 – sobre o carro. Já ouvi falar e muito bem sobre viajar de carro na Suiça, as estradas são boas e muito bem sinalizadas, infelizmente, como nunca viajei de carro por lá ficou muito pouco a vontade em palpitar no seu roteiro. Quanto a dirigir a noite, como as estradas são boas, deve ser bem tranquilo.

Espero ter ajudado.
Abraços

Avatar Thais Guerra disse:

Olá!!!!!
Estou precisando de uma dica. Estarei em Paris com destino a Berna e irei de trem. Farei Berna, Interlake, Jungfraujoch e Zurich.
O swiss pass também serve de locomoção dentro destas cidades?
Procurei como comprar o swiss pass em Paris e não achei. Será que so vou encontrar em aeroportos? 🙁
Saberia como fazer para obter desconto com Lyria Passholder?
Obrigada:)

mari vidigal mari vidigal disse:

Oi Thaís. Tudo bem?
Comprei o meu no aeroporto de Geneva.
Entre Paris e Berna, o cartão não é válido. E no último trecho do Jungfrau vc terá que pagar um suplemento extra.
Nas outras cidades, pode usar o cartão sossegada!
Abraços

Avatar Thais ricoy disse:

Olá!
Estou indo pra Suiça em agosto tendo como base em Zurique, eu vou ter 19, 22, 27 e dia 23 até as 15hs livres, estou pensando conhecer interlaken com jungfrau (será que vale a pena fechar excursão?), basel, montreux, friburgo, e pelo jeito o swiss flexi vale a pena, será? gostaria de sua opinião por favor, fica realmente a dúvida se compro o passe…
Obrigada desde já
Thais

mari vidigal mari vidigal disse:

Oi Thais,
Tudo bem?
Não vale a pena fechar excursão, faça por conta própria que é super fácil e além do mais vc terá a opção de visitar quantas cidades quiser no caminho.
Em relação ao Swiss pass, mesmo não cobrindo a viagem do Jungfrau inteira, vale a pena comprar o passe.
Uma pergunta curiosa. Porque Basel. A cidade é interessante, mas bem ok. Eu se fosse vc ia para Lucerna que ABSOLUTAMENTE maravilhosa.
Junto com Montreux, vc pode fazer Laussanne que é bem bonita.
Abraços

Avatar Angela Sales disse:

Olá Tina!
Adorei suas dicas sobre a Suiça, são bastante claras.
Vou de St Moritz a Zermatt com o Glacier Express.Como preciso voltar a St Mortiz,
gostaria de saber se existe outra alternativa a não ser voltar com o Glacier.
E se eu comprar o Swiss pass posso fazer a reserva de assento no Glacier um dia antes?
Obrigada

mari vidigal mari vidigal disse:

Oi Angela,
Voltar de St. Moritz até aonde?
Em relação a reserva, dá para reservar um dia antes, mas vc corre o risco de ficar sem.
Abraços

Avatar Valéria disse:

Olá!
Irei para Genebra no fim de Agosto. Pode pagar o swiss pass na estação de trem com cartão de credito?
Obrigada

mari vidigal mari vidigal disse:

Sim Valéria! Boa viagem!

Avatar Adriano disse:

Olá, estou com uma dúvida em relação ao tempo de uso do swiss pass, por exemplo se eu comprar esse passe para 4 dias e começar a usa-lo no dia 01/07/2013 a sua validade termina no dia 04/07/2013 ou no dia 05/07/2013?
Parabéns pelo excelente blog e obrigado!

mari vidigal mari vidigal disse:

4/07. Quatro dias contanto a primeira passada.

Avatar Leandra disse:

Ola, estarei viajando para a Europa no final de agosto, pretendo passar 4 dias na Suíça, vou sair de Easy jet de Veneza a Genebra, vou no dia seguinte para Interlaken e prentendo ir a Zurique saindo novamente de low cost para Praga. Mas pelo que vi o preço do swiss-pass esta custando com desconto 315 Euros, fica em torno de 880 reais..Achei caro, realmente vou gastar isto em transporte por 4 dias?

mari vidigal mari vidigal disse:

Oi Leandra,
Td depende do quanto vc pretende andar de trem.
Minha dica é: planeje os trajetos que quer fazer, entre no site da Swiss Trains e estime o quanto suas viagens custariam, dessa forma vc consegue fazer contas e escolher a opção mais vantajosa para vc.
Infelizmente a Suíça é caríssima!

Avatar Carolina Sisdeli disse:

Boa tarde,

Sou coordenadora do Projeto Exposições da empresa LA viagens – São José do Rio Preto – SP que desde 2009 organiza em parceria com escolas do ensino médio exposições fotográficas sobre países sendo nosso principal objetivo trazer cultura, informação e ampliação da Visão de Mundo para os Alunos. As exposições atraem a atenção e aguçam a curiosidade sobre história, geografia e línguas, retornando aos alunos em forma desenvolvimento intelectual.

Abordamos um país por ano como tema das nossas exposições, sendo Nova Zelândia (2009), Canadá (2010), Inglaterra (2011) e Austrália (2012). Para 2013 escolhemos a Suiça. Seu site contém inúmeras informações e fotos interessantes. Gostaria de saber se é possível disponibilizar as fotos do site em alto resolução e/ou me mandar outras fotos que você tenha de lá. Também venho por meio deste, solicitar autorização para o uso seu material sobre a Suiça em nossa exposição. Com certeza daremos o devido valor à sua cooperação divulgando seu site, seu trabalho da forma como desejar e certificando que os direitos autorais serão cumpridos em todas as fotos e materiais utilizados.

A exposição esta programada para ser lançada na primeira semana de fevereiro de 2013 com um coquetel no Salão Cultural do Rio Preto Automovel Clube, um tradicional clube da cidade de São José do Rio Preto, SP aberto ao publico em geral e seguirá pelas escolas de ensino fundamental e médio de São José do Rio Preto e da região até o fim do Ano Letivo de 2013.

Segue abaixo o contato e endereço da agência.

Colocamo-nos a disposição para maiores esclarecimentos.

Aguardo resposta.

Carolina Sisdeli Ferreira
LA Viagens/STB – Student Travel Bureau
Rua Ondina, 278 – Bairro Redentora
CEP 15015-205 – São José do Rio Preto – SP
Fone/Fax: (55 17) 3235-3569
Celular: (55 17) 96243733
Email: [email protected]

mari vidigal mari vidigal disse:

Oi Carolina,
Tudo bem?
Uso das imagens autorizado. Desde que com o devido crédito: ideiasnamala.com
Entrarei em contato com você por e-mail e combinamos sobre as imagens em alta.

Atenciosamente,
Marina Vidigal

Avatar fabian disse:

oi Mari..tudo bem?

Estou indo para Genebra no fim de dezembro e minha viagem começou como a sua….Sem ter idéia e com uma promoção de vôo…vou chegar em genebra…estou vendo qual a melhor opção (ficar na suíca ou sair para Itália ou França)..mas fiquei bem interessado no Swiss Pass…vale muito a pena?? pq vi que muitas coisas acompanham o passe..e é possível se locomover em todos os trajetos (genebra até zurique, por ex?) e vc sabe se tem saída de trens à noite??

Agradeço se conseguir tirar algumas de minhas dúvidas

mari vidigal mari vidigal disse:

OI Fabian,
Tudo bem?Achei a suiça incrível e se fosse vc nem pensaria em sair de lá…tem muita coisa linda para ver e conhecer.
Achei que o Swiss Pass vale mega a pena e comprarei denovo qd voltar. Vc se locomove por 90% dos tragetos…de Genebra a Zurique dá para ir sim!
Qto aos horario dos trens, varia de cidade para cidade então vc terá que checar 🙂
Abraços

Avatar Karina disse:

Olá Mari

Eu e meu marido estamos indo para a suiça em outubro e pretendemos alugar um carro em zurique para nos locomover. Porém, com a promoção do Swiss Pass (compre 1 leve mais 1) no período que estaremos por lá, fica interessante os 50% de descontos que o passe de trem nos proporciona. Uma dúvida: posso utilizar esses descontos sem ter utilizado o trem? Nossa idéia seria voltar de trem de Genebra a Zurique no último dia.
Abraços,
Karina

mari vidigal mari vidigal disse:

Claro, a final ngm controla o quanto do passe vc usou ou não

Avatar Mirna disse:

Olá, Marina. Gostei muito das dicas. Estou indo para Zurique dia 12 e assim como a Tina, estou com dúvidas quanto ao Swiss Pass. Se eu deixar para comprar na Suíça será que ainda vai ter lugar no Golden Pass (tenho que pegá-lo em 17/04)? Onde posso comprá-lo no Brasil (RJ)? Demora para chegar? Vi em algum “site”que criança de 4 anos acompanhada de um responsável não paga pelo swiss pass, mas que eu precisaria pegar algum passe para ele, sabe me informar sobre isso? Uma última dúvida: onde devo comprar francos suíços? Obriga e desculpe por tantas perguntas.
Mirna

mari vidigal mari vidigal disse:

Oi Mirna,
Tudo bem?
Não consigo responder sobre todas as suas perguntas de bate e pronto… terei que pesquisar um pouco, mas já respondo já o que sei, vale?
Vamos lá…
a) “Se eu deixar para comprar na Suíça será que ainda vai ter lugar no Golden Pass (tenho que pegá-lo em 17/04)?” – Sinceramente não tenho ideia do quão disputado é o Golden Pass… o que voce pode fazer é entrar no site da Rail pass e tentar reservar para semana que vem num dia equivalente… veja como esta a disponibilidade. se for super alta… eu arriscaria.

B) Crianças
O site informa que crianças (até 16 anos – PASME!) acompanhadas de seus pais com um passe válido, não pagam, PARA ISSO basta pedir o Swiss Pass Family ao comprar o seu Swiss pass, seja no Brasil ou no próprio aeroporto de Zurich.

C) Francos Suiços:
Sinceramente troquei 200 euros numa casa de cambio qualquer no centro da cidade, e para todo o resto usei cartão de crédito. Apesar da taxa de IOF ser alta, gosto muito de ter milhas e detesto a dor de cabeça de trocar e destrocar dinheiro, acho que se perde muito com isso. Talvez o Visa Travek Money seja uma boa solução, não? As cotações costumam ser boas e não paga taxa de IOF.

Aproveite a viagem!
Abraços,
Mari Vidigal

Avatar Mirna disse:

Obrigada, Marina. Ajudou muito.

Agradeceria, se vc me ajudasse a entender melhor os passes, pois ja estou pesquisando ha um tempao sem conseguir chegar a uma conclusaio, ou onde comprar os passes na suica e alemanha diretamente, pq li q as vezes os passes nao chegam a tempo se comprados por agencias!

Meu roteiro:
4 cidades na suiça: Zurique, Luzerna, Interlaken, Berna 
4 cidades na Alemanha: Freiburg, Munique, Nuremberg, Berlim 

E pretendo conhecer JungFrau, pq?

Tina

mari vidigal mari vidigal disse:

Oi Tina,
Tudo bem?
Vamos por partes…
A) Suiça: já te expliquei onde e como comprar o swiss pass. Bem fácil, na saída do aeroporto, dentro da estação de trem e pago com cartão de crédito ou em fcos. suiços – se vc preferir.
B) Para entender o que é mais vantajoso, preciso conhecer um pouco melhor seu roteiro, não basta saber as cidades que você vai visitar, além disso preciso saber quantos dias em cada cidade.

Peguntei do Jungfrau, porque queria entender se foi ele que te levou a Interlaken, pessoalmente fui a interlaken só por causa dele e me arrependo de não ter ficado um pouco mais.

Luzerna é uma das cidades mais lindas que já visitei. Encantadora. Você vai gostar muito. T

Abraços,

Oi querida, ja li tudinho do q vc escreveu sobre a suica…rsrsrsr
Mas continua c algumas duvidas:
1) vou comprar o swisspass la no aeroporto de zurique, mas tem alguns trechos de trem, tipo golden line de luzerna a interlaken q tenho q reservar assento, entao nao se se eh possivel reservar assento via internet,  de um passe q ainda nao tenho?? Se possivel, ONDE? COMO FAZER?

2)Estou na duvida de reservo um dia p berna ou p zematt? Qual vc acha q vale mais a pena conhecer??

3) tb tenho a possibilidade de trocar minha volta de berlim por genebra, entao so ficaria na suica, o q vc acha? Pq nao sei como ir da suica p alemanha…nao se se o swiss pass passa a fronteira? Ou se de berna tenho q comprar um ticket avulso p ir a freiburg (alemanha)?

4) vc poderia me passar o hostel q vc ficou em Interlaken? E nas outras cidades? Ou indicacoes de hostels bem localizados (perto da estacao de trem) nestas cidades:
Vou conhecer estas cidades:
suiça: Zurique, Luzerna, Interlaken, Berna 
Alemanha: Freiburg, Munique, Nuremberg, Berlim 
Tina

mari vidigal mari vidigal disse:

Oi Tina, Vamos as respostas:

1) Sem o passe em mãos você não pode reservar um assento. Dica, faça essa reserva assim que estiver com o passe em mãos no próprio aeroporto.
2) Não conheci Zermatt, já vi muitas fotos e é muito lindo.. Infelizmente, como Zermatt fica bem longe das outras cidades que eu havia escolhido visitar, o passeio não coube em um dia do meu roteiro. Berna é bacana, é uma cidade, cheia de fontes coloridas e museus bacanas. Para escolher entre as duas paradas, faça uma reflexão do que você prefere… passar um dia na cidade ou em meio a natureza. E lembre-se, Zermatt é meio longe para um bate e volta.
3) Berlim é MUUUUITO mais legal do que Genebra, você está trocando gato por lebre… O swiss pass não passa a fronteira, você precisaria de um passe avulso ou de um Euro Pass. Outra possibilidade é um voo barato… tente ver o que vc consegue na Easy Jet.4

Abraços

Vc escreveu ai em cima: ” Dá para comprar o passe em dias corridos ou não ( para dias não corridos fica ligeiramente mais caro) e para quem vai ficar vários dias em uma só cidade, sem fazer deslocamentos grandes, vale a pena optar pela versão não corrida já que grande parte dos hotéis e hostels te dão um cartão de transporte grátis pela cidade em que você esta hospedado.”
Eu pretendo comprar o swiss pass de apenas 4 dias alternados, ou seja nao continuos/corridos (q eles chamam de flexi).
Duvida: nos dias q eu nao usar o passe, ou seja, nao marcar a data nele, entao nao terei direito a usa-lo nos transportes publicos e atrações?

Kiss Tina

mari vidigal mari vidigal disse:

Correto! Nos dias não marcados, vc não pode usá-los!

Avatar Tina disse:

Vou conhecer estas cidades:
4 cidades na suiça: Zurique, Luzerna, Interlaken, Berna 
4 cidades na Alemanha:
Freiburg, Munique, Nuremberg, Berlim 

Gostaria de saber se eh mais vantajoso eu comprar passe regional o eurail Alemanha-suica?
Ou comprar separado o swisspass na suica + german rail pass?

Se comprar os passes separados como faço para ir da Suíça p a Alemanha?

Desde ja agradeço,

Tina

mari vidigal mari vidigal disse:

Oi Tina,
Tudo bem?
Sinceramente não sei responder sua pergunta de bate pronto pois nunca viajei na alemanha de trem, assim que para te responder terei que pesquisar um pouco.
Na Suiça sua ideia é visitar o JungFrau em Interlaken? Quantos dias você esta planejando passar na Suiça e quantos na Alemanha?
Abraços,
Mari Vidigal

Avatar Tina disse:

Help me:
Vou p Suiça dia 24/3/12 e nao sei como comprar o passe!
Onde exatamente no aeroporto de Zurique compro o SwissPass???
Quais documentos tenho que apresentar para comprar? Qual a forma de pgto: franco suiço, dolar, euro, VTM, cartao de credito?

mari vidigal mari vidigal disse:

Oi Tina, Tudo bem?
Cheguei na Suiça por Genebra e não por Zurich, mas acho que o esquema deve ser mais ou menos parecido…
Saindo no desembarque dirija-se até a estação de trem. O passe está a venda nos guichês, e para comprar é necessário apresentar seu passaporte (Vale tudo menos passaporte Suiço)
Paguei meu swiss pass com cartão de crédito, mas caso você queira pagar em especie, deverá pagar com francos Suiços. O passe também está a venda nas grandes estações de trem ao redor do País.
Abraços

Olá, Marina! 🙂

Esse seu post foi selecionado para a #Viajosfera, do Viaje na Viagem. Dá uma olhada em http://www.viajenaviagem.com

mari vidigal mari vidigal disse:

Olá Bóia Paulista,
Que boa noticia!!!
Obrigada,
Abraços,
Mari